Em Caicó, o serviço do SAMU foi interrompido às 07h desta quarta-feira (13) por falta de médico.

A ocorrência é em virtude de uma mudança da Cooperativa Médica (Coopmed-RN) para uma empresa terceirizada.

Resumo: a população caicoense foi deixada à própria sorte.

Que a Secretaria Estadual de Saúde tome uma providência urgente.