Estado

Vigilância Sanitária orienta sobre protocolos na visitação aos cemitérios no Dia de Finados

A Subcoordenadoria de Vigilância Sanitária (Suvisa) da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) lançou uma Nota Informativa com recomendações aos gestores, trabalhadores e população em geral, sobre práticas adequadas ao enfrentamento da disseminação da Covid-19, na visitação aos cemitérios, durante o Dia de Finados, celebrado na próxima segunda-feira, 2 de novembro.

“O nosso intuito é esclarecer as pessoas para se adequarem aos protocolos sanitários corretos neste dia tão importante para eles ao homenagear os seus mortos, mas garantir ao mesmo tempo a preservação da sua saúde e dos demais”, disse Leila Mattos, subcoordenadora de vigilância sanitária da Sesap.

Entre as medidas básicas e já conhecidas da população estão o distanciamento social de no mínimo 1,5m, uso do álcool gel à 70% e da máscara, além de evitar tocar olhos, nariz e boca no momento da visita. Pessoas com febre, tosse, congestão nasal, coriza, dor de garganta, fadiga, cansaço, diarreia e dificuldade de respirar devem evitar ir aos cemitérios ou celebrações religiosas, assim como as pessoas do grupo de risco.

A orientação é para que as visitas aos cemitérios possam ser realizadas durante todo o final de semana e não apenas no dia 02, a fim de evitar aglomeração. Ao levar flores e velas para depositar nos túmulos, evitar compartilhar esses artigos com outras pessoas, de modo a prevenir a transmissão cruzada da Covid-19, ou seja, da superfície dos objetos para as mãos das pessoas e vice-versa. A fim de se evitar acidentes/queimaduras, recomenda-se o extremo cuidado com a utilização de álcool à 70% para higienização das mãos, devido a presença das velas nas sepulturas.

A Vigilância Sanitária orienta ainda que os cemitérios separarem o acesso de entrada e de saída, se possível, usando portas diferentes, a fim de possibilitar o distanciamento social. Também é importante fixar informações, na entrada do cemitério, orientando os visitantes para que não permaneçam no local por período superior a 30 minutos, no intuito de diminuir o tempo de exposição e evitar aglomerações.

Quando possível, os municípios deverão realizar credenciamento prévio, controle sanitário dos ambulantes e dar orientações específicas de prevenção à Covid-19 e também demarcar pontos para os ambulantes, obedecendo o distanciamento mínimo de 1,5m.

Após a permanência no cemitério deve-se:

– Retirar o calçado ao adentrar à residência e higienizá-lo com produto recomendado pela ANVISA;

– Fazer a troca imediata de toda a roupa utilizada, encaminhando-a para a lavagem; – Higienizar com álcool a 70% ou produtos desinfetantes certificados pela ANVISA, que possam ser usados em substituição do álcool a 70%, na concentração e tempo recomendado pelo fabricante os objetivos levados para o local, como chaves, carteiras e celular.

Nota Informativa Dia de Finados

Natal

Prefeitura de Natal revitaliza cemitérios para o Dia de Finados

A Prefeitura do Natal, através da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur), finalizou a revitalização estrutural dos cemitérios públicos da cidade. Todos os oito cemitérios (Alecrim, Bom Pastor I e II, Nova Descoberta, Ponta Negra, Igapó, Pajuçara e Redinha) passaram por melhorias, que incluíram obras de recuperação do passeio, acessibilidade, reforma nas sedes administrativas, pintura geral, revisão na iluminação, poda, limpeza, paisagismo, entre outros.

Também está sendo disponibilizada estrutura para os comerciantes informais que se cadastraram na Semsur e vão atuar nas áreas próximas aos cemitérios, assim como para os consumidores dos produtos oferecidos no período. Os vendedores terão um espaço com iluminação, cobertura de tendas e bancas para dispor seus materiais, oferecendo comodidade e um ambiente mais organizado aos seus clientes.

A Prefeitura do Natal também elaborou uma programação especial com celebrações religiosas para atender aos visitantes no Dia de Finados, na próxima quarta-feira (2). A programação contará com cultos ecumênicos durante todo dia, música ambiente em todos os cemitérios públicos e as celebrações terão horários alternados.

Nova Descoberta 3

Sem categoria

Horários das missas de finados nos cemitérios de Natal

Cemitério de Nova Descoberta: 7h/ 10h / 16h

Cemitério de Ponta Negra: 8h

Cemitério Bom Pastor I: 9h / 15h (A missa das 9 horas será presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha)

Cemitério Bom Pastor II: 10h/ 16h

Cemitério Morada da Paz – Emaús: 7h30 / 9h30 / 15h / 17h (A missa das 17 horas será presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha

Cemitério Parque da Passagem – Parque dos Coqueiros: 8h/ 9h30/ 15h/ 17h

Cemitério Sítio Pajuçara: 7h30

Cemitério da Redinha: 8h

Cemitério do Alecrim: 8h/ 16h

Sem categoria

Túmulto de F Gomes é um dos mais visitados em Caicó

Centenas de caicoenses visitaram o túmulo de F. Gomes nesta quarta-feira (2), Dia de Finados. O túmulo do jornalista, assassinado em 18 de outubro, tornou-se um dos mais visitados no cemitério Campos Jorge, no bairro Boa Passagem, em Caicó. O outro mais visitado é o do médico e político Carlindo Dantas tido como milagreiro. Os dois foram assassinados no mês de outubro. Carlindo na década de 60. F. Gomes no ano passado.

Tribuna do Norte

Foto: Júnior Santos


Sem categoria

Dia de Finados: Rosalba visita túmulos de familiares em Mossoró e Natal

Na manhã desta quarta-feira, Dia de Finados, a governadora Rosalba Ciarlini foi até Mossoró, ao lado de alguns irmãos e do filho Kadu Ciarlini, para prestar sua homenagem aos mortos da família sepultados no Cemitério São Sebastião, entre eles, o sogro ex-governador Dix-Sept Rosado.

À tarde foi a vez da governadora ir ao Cemitério Morada da Paz, em Natal, para visitar o túmulo dos pais Clóvis Monteiro Ciarlini e Maria Conceição Ciarlini (Conchecita). Na oportunidade, Rosalba assistiu a missa do dia da lembrança.

Rosalba em visita ao túmulo dos pais

Rosalba assistiu à missa ao lado dos dos irmãos Rosângela e Clóvis Filho

Sem categoria

O nascer para o além…

Há quem morra todos os dias.
Morre no orgulho, na ignorância, na fraqueza.
Morre um dia, mas nasce outro.
Morre a semente, mas nasce a flor.
Morre o homem para o mundo, mas nasce para Deus.

Assim, em toda morte, deve haver uma nova vida.
Esta é a esperança do ser humano que crê em Deus.
Triste é ver gente morrendo por antecipação…
De desgosto, de tristeza, de solidão.
Pessoas fumando, bebendo, acabando com a vida.
Essa gente empurrando a vida.
Gritando, perdendo-se.
Gente que vai morrendo um pouco, a cada dia que passa.

E a lembrança de nossos mortos, despertando, em nós, o desejo de abraçá-los outra vez.
Essa vontade de rasgar o infinito para descobri-los.
De retroceder no tempo e segurar a vida.
Ausência: – porque não há formas para se tocar.
Presença: – porque se pode sentir.
Essa lágrima cristalizada, distante e intocável.
Essa saudade machucando o coração.
Esse infinito rolando sobre a nossa pequenez.
Esse céu azul e misterioso.

Ah! Aqueles que já partiram!
Aqueles que viveram entre nós.
Que encheram de sorrisos e de paz a nossa vida.
Foram para o além deixando este vazio inconsolável.
Que a gente, às vezes, disfarça para esquecer.
Deles guardamos até os mais simples gestos.

Sentimos, quando mergulhados em oração, o ruído de seus passos e o som de suas vozes.
A lembrança dos dias alegres.
Daquela mão nos amparando.
Daquela lágrima que vimos correr.
Da vontade de ficar quando era hora de partir.
Essa vontade de rever aquele rosto.
Esse arrependimento de não ter dado maiores alegrias.
Essa prece que diz tudo.
Esse soluço que morre na garganta…

E…
Há tanta gente morrendo a cada dia, sem partir.
Esta saudade do tamanho do infinito caindo sobre nós.
Esta lembrança dos que já foram para a eternidade.
Meu Deus!
Que ausência tão cheia de presença!
Que morte tão cheia de esperança e de vida!

Texto: Padre Juca
Adaptação: Sandra Zilio

Sem categoria

Grupo Vila prepara programação especial para o Dia de Finados

O Grupo Vila, como em todos os anos, preparou uma programação especial para o Dia de Finados nos dois cemitérios do Grupo: Morada da Paz e Parque da Passagem.

Com várias homenagens e respeitando todas as crenças, a data, que já é conhecida como o Dia da Lembrança, terá na programação missas, cultos evangélicos, palestras espíritas, queima de fogos, apresentações musicais e a tradicional chuva de pétalas. “A chuva de pétalas é um dos momentos mais emocionantes e esperados do evento. Contratamos helicópteros que soltarão pétalas de rosas sobre os dois cemitérios de Natal”, destacou o Gerente Geral de Cemitérios do Grupo Vila, Heber Vila.

No Morada da Paz, localizado em Emáus, a programação começa às 7h30 e seguirá até às 18h. Já no Parque da Passagem, na Zona Norte, os horários serão das 8h às 18h.

Nos dois cemitérios, a expectativa é que circulem 20 mil pessoas e para acomodar todos os visitantes com conforto serão montadas estruturas com tendas, palcos, lanchonete e várias ilhas de informação. As ilhas contarão com colaboradores treinados para orientar e ajudar na rápida localização dos jazigos, além de disponibilizar cadeiras e guarda-sóis.

PERSONALIDADES

Muitas pessoas costumam visitar os jazigos de personalidades, marcantes para os potiguares, que estão sepultadas no Morada da Paz, como os políticos Aluízio Alves e Carlos Alberto de Sousa, o humorista Espanta e o jornalista Ronaldo Soares.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO DIA DA LEMBRANÇA

Cemitério Morada da Paz

07h30 | Missa – Monsenhor Lucas
09h00 | Missa – Padre Luiz Paulo
10h15 | Chuva de Pétalas
10h45 | Culto – Pastor Ricardo
14h00 | Palestra Espírita – Éden Lemos
16h30 | Chuva de Pétalas
17h00 | Missa – Cônego José Mário
18h00 | Queima de Fogos

Cemitério Parque da Passagem

08h00 | Missa – Padre João Maria
09h30 | Missa – Padre Manoel Nunes
10h45 | Chuva de Pétalas
11h00 | Palestra Espírita – Nilo Sérgio Emereciano
14h30 | Culto – Pastor Ricardo
16h00 | Chuva de Pétalas
17h00 | Missa – Padre Manoel Nunes
18h00 | Queima de Fogos