Economia

Expofruit é adiada por causa da pandemia

Em virtude da pandemia do COVID-19, o COEX-RN e o SEBRAE, realizadores da Feira Internacional da Fruticultura Tropical Irrigada, a EXPOFRUIT, vêm a público comunicar que o evento que seria realizado em agosto deste ano será adiado para agosto do ano que vem nas seguintes datas: 25, 26 e 27 de Agosto de 2021. Essa é a primeira vez em 23 anos que a Feira é adiada.

A decisão foi tomada diante do cenário mundial atual, com limitações de voos e também atendendo às orientações dos órgãos competentes da saúde para que sejam evitadas aglomerações.

Economia

CODERN participa da Expofruit e busca novos clientes

A 21ª edição da Expofruit – Feira Internacional da Fruticultura Tropical Irrigada foi aberta oficialmente na noite desta terça-feira (21), na Estação das Artes, em Mossoró, com a presença de vários empresários e produtores ligados à cadeia produtiva do setor.

Foto: Robson Carvalho

O evento, que segue até quinta-feira, deve movimentar uma média de R$ 40 milhões em negócios e tem a expectativa de receber aproximadamente 15 mil visitantes nos três dias de realização, segundo a assessoria do evento.

A cerimônia de abertura foi iniciada pelo presidente do Comitê Executivo de Fruticultura do Rio Grande do Norte – COEX, Luiz Roberto Barcelos, que ressaltou o Brasil como terceiro maior exportador de frutas do mundo, atrás apenas da Índia e China.

A CODERN esteve representada pelos três diretores Fernando Dinoá (Presidente), Emiliano Rosado (Técnico e Comercial) e José Adécio Filho (Administrativo e Financeiro), além do Gerente Comercial e de Gestão de Negócios, Kayo Rodrigo Fernandes Carlos da Costa.

A cerimônia de abertura também contou com a presença de várias autoridades do setor e representantes de entidades parceiras, como Governo do Estado, Prefeitura de Mossoró, Superintendência do Ministério da Agricultura, FIERN, SEBRAE, FAERN/SENAR, BNB, IDEMA, IDIARN, CDL Mossoró, LAIRE, Câmara Municipal de Mossoró, entre outros.

Economia

Iniciada a montagem da estrutura da Expofruit 2018 que tem 90% dos estandes vendidos

Com 90% dos estandes da Feira Internacional de Fruticultura Tropical Irrigada – Expofruit 2018 já vendidos, a Promoexpo, promotora do evento, já iniciou a montagem da estrutura. Esse ano a feira acontece em um novo local, na Estação das Artes, no centro de Mossoró. A feira, que acontece de 21 a 23 de agosto, possui uma estrutura de 15 mil m2 vai receber diversos expositores ligados à cadeia produtiva da fruticultura como: de polpas de frutas, de distribuidoras de sementes, insumos agrícolas, pesquisas e tecnologia para o campo, produtos para irrigação, embalagens, entre outras.

Com o tema “Todo mundo vê o desenvolvimento da Fruticultura. Está estampado na nossa cara”, a Expofruit 2018 tem a expectativa de movimentar R$ 40 milhões e de receber um público de 15 mil pessoas nos três dias da feira.

Serão mais de 300 estandes com o tamanho de 12 m2 e valor de R$ 3 mil cada, distribuídos numa área total de 15 mil m2. Os interessados devem entrar em contato com o diretor comercial João Manoel pelos telefones (84) 3312.6939/99950-7931 e 98812-6445.

A Expofruit 2018 é uma promoção da Promoexpo e é realizada por meio de uma parceria entre o Comitê Executivo de Fruticultura do Rio Grande do Norte (COEX) e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Rio Grande do Norte (Sebrae/RN).

Economia

Expofruit 2018 será realizada na Estação das Artes

A Feira Internacional da Fruticultura Tropical Irrigada (Expofruit) contará com 200 expositores e será realizada este ano na Estação das Artes Elizeu Ventania. Luiz Roberto Barcelos, presidente do Comitê Executivo de Fruticultura do Rio Grande do Norte (COEX), esteve reunido na tarde de hoje com a prefeita Rosalba Ciarlini e o secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Agricultura e Turismo, Lahyre Neto para discutir detalhes da feira, que contará com a parceria da Prefeitura.

“O município é parceiro da Expofruit porque entende o quanto o setor da fruticultura gera emprego e renda na cidade”, destacou a prefeita. Luiz Roberto agradeceu o apoio por parte do município. “Todo o setor da fruticultura do Rio Grande do Norte sai satisfeito com esse apoio da Prefeitura. O mais importante é a integração junto com o corpo técnico e cultural para que a gente possa fazer um evento que realmente atenda às necessidades da cidadão e da população”, comentou.

Também participaram da reunião o secretário Layre Rosado, o Presidente do PREVI, Elviro Rebouças e o assessor institucional do COEX, Frederick Escóssia.

EconomiaPolítica

Por culpa da Prefeitura de Mossoró, Expofruit corre o risco de não ser mais realizada

Já está definido que não será realizada a Feira Internacional da Fruticultura Tropical Irrigada – Expofruit em 2015. No entanto a grande preocupação do Comitê Executivo de Fruticultura do Rio Grande do Norte (COEX), organizador do evento, é que não seja possível a promoção da feira também em 2016.

De acordo com o presidente do COEX, Luiz Roberto Barcelos, o motivo seria a insegurança financeira pela qual a feira tem passado devido à falta de compromisso da iniciativa pública com o evento. “A Prefeitura de Mossoró pela segunda vez não honra com o compromisso de apoio financeiro a feira. Em 2012 o recurso não foi repassado e em 2014 também não. Estamos desde maio do ano passado esperando o repasse e até o momento a prefeitura não honrou com o acordado, o que provoca uma insegurança financeira enorme, pois não estamos conseguindo pagar nossos fornecedores. Consideramos essa situação um descaso com um evento tradicional da cidade de Mossoró, que traz muitos benefícios ao município, além de ser muito importante para a cadeia produtiva que mais gera empregos na região”, afirma.