Política

Prefeitos de São Tomé e Lagoa Nova se unem numa mesma chapa para FEMURN

A eleição da nova diretoria da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn) acontecerá neste mês de janeiro. Os dois mais fortes nomes, os prefeitos Anteomar Pereira, o Babá (São Tomé) e Luciano Santos (Lagoa Nova) se uniram na mesma chapa em defesa do fortalecimento do municipalismo e também para evitar divisões na instituição. Assim, a Femurn inicia 2021 sem disputas.

“Esse gesto do prefeito Luciano Santos e do seu grupo foi muito importante para fortalecer a união e o municipalismo. Assim mossas metas e ações para o biênio 2021-2022 sairão ainda mais fortalecidos. Parabenizo Luciano por ter retirado sua candidatura em nome do consenso. O interesse maior dos prefeitos sempre foi o fortalecimento da Femurn para que o municipalismo esteja cada vez mais forte”, disse Babá, que encabeça a chapa.

Já o prefeito Luciano Santos, que vinha representando o Seridó e é filiado ao MDB, que elegeu o maior número de prefeitos em 2020, também defendeu a aliança e o consenso. “Temos muitas ações para promover na FEMURN, queremos colaborar junto dos prefeitos. Precisamos fortalecer várias bandeiras. A minha proposta assim como a de Babá é fazer uma unidade em torno da causa municipalista. Precisamos unir e não dividir”, defendeu.

A Eleição será realizada na sede da Femurn na Rua Maria Auxiliadora, 756, bairro Tirol, na capital potiguar, no dia 15 de janeiro. A chapa para o biênio 2021-2022 na Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte contemplará representantes de todas as regiões do Estado. Babá, do Republicanos, foi eleito prefeito de São Tomé pela quarta vez com 56,48% dos votos. Ele tem 47 anos, é casado, tem ensino médio completo e tem como meta a defesa do municipalismo.

O prefeito Júlio César de Ceará-Mirim será o 1º vice-presidente representando a região Metropolitana. O prefeito Luciano Santos será o 2º vice indicado pelo Seridó. Já o Agreste será representado por Valdenício Costa e o Mato Grande pelos prefeitos Manoel Santos (João Câmara) e Marina Marinho (Jandaíra). O prefeito de Santa Cruz, Ivanildo Ferreira representa a região do Trairi na 1ª Secretaria. Outros prefeitos das regiões Oeste, Central, Alto Oeste também estão na chapa.

Política

Prefeito reeleito de Lagoa Nova confirma candidatura à Presidência da FEMURN

O prefeito reeleito de Lagoa Nova, Luciano Santos (MDB), vai disputar a Presidência da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN).

A eleição ocorrerá em janeiro.

Atualmente, Luciano preside o Consórcio de Resíduos Sólidos do Seridó, com mais de vinte cidades, onde tem sido referência administrativa para o Brasil.

Política

Federação dos Municípios rebate Governo do RN

Na última quarta-feira (22), a governadora Fátima Bezerra postou em suas redes sociais o anúncio no repasse de R$ 17 milhões aos municípios para enfrentar a pandemia do Coronavírus.

Nesta sexta-feira (24), a Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN) emitiu uma nota contestando a governadora:

Veja a íntegra:

A Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN esclarece que os repasses de, aproximadamente, R$ 17 milhões anunciado pelo Governo do Estado, na última quarta-feira, dia 22 de abril – os quais ainda não foram concretizados até a presente data – correspondem à seguinte destinação:

  • R$ 8,5 milhões são do Programa Estadual de Transporte Escolar do RN (PETERN) – referente ao pagamento da parcela em atraso do mês de dezembro do ano passado (2019);
  • R$ 4,8 milhões são para o fundo de saúde/Coronavirus, através de emendas parlamentares impositivas dos Deputados Estaduais, as quais os parlamentares ainda deverão definir quais os municípios serão contemplados – sendo que, possivelmente, muitos municípios não serão beneficiados;
  • R$ 3,6 milhões para a área assistência social, cujo valor foi repassado pelo Governo Federal através do Sistema Único de Assistência Social – SUAS ao Governo do Estado, que por sua vez está transferindo em 03 parcelas mensais (abril/maio/junho) aos municípios.

Em relação ao valor de R$ 3,6 milhões para a área assistência social, é importante esclarecer que a divisão dos R$ 3 milhões ocorrerá em 03 (três) parcelas de R$ 1 milhão a serem creditadas em abril, maio e junho, dividido de maneira per capita para os municípios. Os R$ 600 mil será um valor extra para os municípios com mais de 50 mil habitantes, também dividido entre eles em parcelas mensais, voltado para a população em situação de vulnerabilidade social.

A FEMURN reitera que o dinheiro anunciado que será repassado pelo Governo do Estado não é para uso exclusivo do combate ao novo coronavírus nos municípios potiguares.

Os gestores municipais do RN, esperançosamente, torcem por ações que fortaleçam a parceria pretendida pelo executivo estadual no enfrentamento à doença junto aos entes municipais.

De forma semelhante ao Estado com relação ao Governo Federal, os Municípios pedem a compreensão do Governo do Estado na luta empreendida no atual momento de crise, inclusive e oportunamente, lembrando da desatenção com que o Executivo Estadual trata os Municípios, na grande maioria das vezes, sem o devido cumprimento dos acordos e compromissos firmados, tais como o não pagamento da cota-parte da farmácia básica, os atrasos nos repasses do Programa de Transporte Escolar (PETERN), e até mesmo do acordo firmado no PROEDI (Programa de Estímulo ao Desenvolvimento Industrial) – fatos que, infelizmente, se faz necessário expor.

Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN

Política

FEMURN parabeniza Rogério Marinho

NOTA A ROGÉRIO MARINHO PELO MINISTÉRIO

A Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN – felicita e parabeniza o Potiguar Rogério Marinho, nomeado Ministro do Desenvolvimento Regional do Brasil. Para o nosso povo, a sua nomeação é motivo de imenso orgulho, dada a sua reconhecida capacidade, competência e qualidades destacadas no setor público, em todos os cargos que já ocupou.

Para o Movimento Municipalista do Rio Grande do Norte, em especial, o sentimento é de esperança no desenvolvimento dos nossos municípios, através das obras e ações deste Ministério, que atua em áreas de extraordinária relevância social, estando agora sob o seu comando. A FEMURN tem plena convicção de que os setores ligados a esse Ministério irão avançar a passos largos. E para isso, também se coloca a vossa disposição, servindo de ponte segura, se necessário for, estreitando o diálogo para o progresso em programas de segurança hídrica – tema que destacamos, dada a seriedade da problemática que ainda assola nossos municípios -, saneamento básico dos entes municipais e habitação.

Termos Vossa Excelência a frente do Ministério do Desenvolvimento Regional fortalece a todos os Municípios não só do Rio Grande do Norte, mas de toda a querida região Nordeste do Brasil!

Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN

Cidades

FEMURN pede apoio de deputados para negociação das perdas de ICMS

A Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN pediu o apoio da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN) para uma última negociação com o Governo do Estado antes da judicialização sobre as diminuições da cota parte dos municípios no Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

O pedido foi feito em reunião nesta quarta-feira, dia 06 de novembro, no plenarinho da ALRN, em sessão que contou com a participação do Presidente da Assembleia, deputado Ezequiel Ferreira, e de outros 18 deputados, que declararam apoio à solicitação dos 86 prefeitos que participaram do encontro.

Abrindo os trabalhos da reunião, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB) destacou a legitimidade das reivindicações dos prefeitos e se colocou a disposição dos municípios para intermediar as negociações entre o governo, prefeituras e classe empresarial.

“Nós estamos buscando uma solução que não traga insegurança jurídica para as empresas do RN e por outro lado, que não retire das prefeituras nenhum centavo. A Assembleia Legislativa tenta mediar, nesse momento, junto ao governo do Estado alternativas compensatórias para essas perdas.” disse Ezequiel.

AL

Foto: Eduardo Maia

Natal

Natal volta a integrar FEMURN

Depois de muitos anos sem integrar a Federação Estadual dos Municípios do RN (FEMURN), Natal volta a fazer parte.

O prefeito Álvaro Dias assinou a filiação na manhã desta segunda-feira (03), durante a reunião promovida pela Frente Parlamentar Municipalista no auditório da FIERN, contando com a presença de mais de 100 prefeitos e integrantes da bancada federal.

“Esse é um momento único. Já me sinto parte desse grupo que vai mudar a história dos nossos municípios”, disse o prefeito.

A próxima reunião da Frente Parlamentar Municipalista acontece no dia 4 de julho.

AD

Política

Prefeitos do RN elegem nova Diretoria da FEMURN

Os Prefeitos municipais do Rio Grande do Norte elegeram nesta terça-feira, 08 de janeiro, a nova Diretoria da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN. Uma única chapa concorreu ao pleito, e foi eleita por aclamação, garantindo a união e o fortalecimento movimento municipalista potiguar.

Mais de 110 Prefeitos participaram da homologação da Nova Diretoria e Conselho Fiscal da FEMURN para o biênio 2019-2020. O evento ocorreu na sede da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (FIERN), em Natal.

DIRETORIA E CONSELHO FISCAL FEMURN (BIÊNIO 2019-2020)

Presidente: José Leonardo Cassimiro de Araújo – Prefeito de São Paulo do Potengi

1º Vice-Presidente: Mara Lourdes Cavalcanti – Prefeita de Riachuelo

2º Vice-Presidente: Luiz Eduardo Bento da Silva – Prefeito de Maxaranguape

3º Vice-Presidente: Maria Bernadete Nunes Rego Gomes – Prefeita de Riacho da Cruz

4º Vice-Presidente: Thales André Fernandes – Prefeito de Major Sales

5º Vice-Presidente: Odon Oliveira de Souza Junior – Prefeito de Currais Novos

1º Secretário: Dagoberto Bessa Cavalcante – Prefeito de Severiano Melo

2º Secretário: José Edvaldo Guimarães Júnior – Prefeito de Santana do Matos

1º Tesoureiro: Laerte Ney de Paiva Fagundes – Prefeito de Rio do Fogo

2ª Tesoureira: Marina Dias Marinho – Prefeita de Jandaíra

CONSELHO FISCAL:

Jeane Carlina Saraiva Ferreira de Souza – Prefeita de Alexandria

Chilon Batista de Araújo Neto – Prefeito de Timbaúba dos Batistas

José Arnor da Silva – Prefeito de Jundiá

José Marques Fernandes – Prefeito de Lajes

Deusdete Gomes de Barros – Prefeito de Angicos

Anteomar Pereira da Silva – Prefeito de São Tomé

Foto: Meysa Medeiros

Política

Eleição para nova diretoria da FEMURN será na próxima terça-feira (08)

A nova diretoria da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN será eleita na próxima terça-feira, dia 08 de janeiro. Uma chapa foi inscrita no processo eleitoral, e deverá ser eleita por aclamação, garantindo união ao movimento municipalista do RN.

A homologação da nova diretoria e conselho fiscal a frente do biênio 2019-2020 será realizada na sede da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (FIERN), a partir das 8h, em Natal. 161 prefeitos estão aptos a participar do processo.

CHAPA INSCRITA – DIRETORIA E CONSELHO FISCAL FEMURN (BIÊNIO 2019-2020)

Presidente: José Leonardo Cassimiro de Araújo – Prefeito de São Paulo do Potengi

1º Vice-Presidente: Mara Lourdes Cavalcanti – Prefeita de Riachuelo

2º Vice-Presidente: Luiz Eduardo Bento da Silva – Prefeito de Maxaranguape

3º Vice-Presidente: Maria Bernadete Nunes Rego Gomes – Prefeita de Riacho da Cruz

4º Vice-Presidente: Thales André Fernandes – Prefeito de Major Sales

5º Vice-Presidente: Odon Oliveira de Souza Junior – Prefeito de Currais Novos

1º Secretário: Dagoberto Bessa Cavalcante – Prefeito de Severiano Melo

2º Secretário: José Edvaldo Guimarães Júnior – Prefeito de Santana do Matos

1º Tesoureiro: Laerte Ney de Paiva Fagundes – Prefeito de Rio do Fogo

2ª Tesoureira: Marina Dias Marinho – Prefeita de Jandaíra

CONSELHO FISCAL:

Jeane Carlina Saraiva Ferreira de Souza – Prefeita de Alexandria

Chilon Batista de Araújo Neto – Prefeito de Timbaúba dos Batistas

José Arnor da Silva – Prefeito de Jundiá

José Marques Fernandes – Prefeito de Lajes

Deusdete Gomes de Barros – Prefeito de Angicos

Anteomar Pereira da Silva – Prefeito de São Tomé

Cidades

Na primeira cota de outubro, 48 municípios do RN ficam com o FPM com saldo zero

48 municípios do Rio Grande do Norte tiveram a primeira cota do mês de outubro do Fundo de Participação dos Municípios com saldo zerado. A falta do repasse, pago nesta terça-feira, 10, afeta os orçamentos dos municípios, que já vêm sofrendo com a diminuição de verbas. Desde setembro, os repasses do FPM tem se agravado, quando 39 cidades potiguares ficaram sem verbas do Fundo.

O presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN, Benes Leocádio, lembrou a gravidade da situação: “A falta do FPM preocupa muito os gestores. Há dezenas de pequenos municípios que sobrevivem, praticamente, só do dinheiro do fundo. E mesmo para os municípios que dispõem de melhor estrutura, o não recebimento do FPM compromete totalmente as finanças, o pagamento de salários, fornecedores, etc”. Segundo Benes, a orientação da FEMURN aos gestores municipais para que tenham atenção redobrada com os recursos municipais permanece.

Historicamente, o FPM é fortemente afetado no segundo semestre de cada ano, devido à restituição do Imposto de Renda (IR). Com a atual crise financeira, cada vez mais municípios são impactados pelos saldos zerados do fundo.

MUNICÍPIOS ZERADOS DE FPM NA PRIMEIRA COTA DE OUTUBRO/2017

AFONSO BEZERRA, ALTO DO RODRIGUES, ANTÔNIO MARTINS, ARÊS, BARAÚNA, BENTO FERNANDES, CAICÓ, CARNAÚBAIS, ENCANTO, FELIPE GUERRA, FERNANDO PEDROSA, FLORÂNIA, GALINHOS, GOV. DIX-SEPT ROSADO, GROSSOS, ITAJÁ, JANDUIS, JOÃO CÂMARA, LAGOA D’ANTA, LAGOA DE PEDRAS, LAGOA DE VELHOS, LAGOA NOVA, LAGOA SALGADA, MARCELINO VIEIRA, MARTINS, MONTE DAS GAMELEIRAS, MOSSORÓ, PARANÁ, PARAŮ, PEDRO VELHO, PORTO DO MANGUE, PUREZA, RIO DO FOGO, SANTA MARIA, SANTANA DO MATOS, SANTO ANTÔNIO, SÃO BENTO DO NORTE, SÃO MIGUEL DO GOSTOSO, SÃO PEDRO, SERRA DO MEL, SÍTIO NOVO, TAIPU, TENENTE LAURENTINO CRUZ, TOUROS, TRIUNFO POTIGUAR, UMARIZAL, VENHA VER e VILA FLOR.

Foto: Demis Roussos

Foto: Demis Roussos

Cidades

Previsões de repasses em outubro e novembro indicam diminuição de recursos para Prefeituras

A Secretaria do Tesouro Nacional divulgou nesta terça-feira, 12, as previsões de repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) para os meses de outubro e novembro. Além deles, também há previsões do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) para os próximos repasses de setembro. Os números indicam diminuição de recursos para as prefeituras, em comparação com os mesmos repasses de 2016.

A Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN orienta aos gestores municipais atenção redobrada com os recursos municipais, devido à queda dos valores. Para o Presidente da Federação, Benes Leocádio, o momento é delicado: “A situação das Prefeituras é muito difícil. As gestões já não têm mais de onde cortar. Com as previsões de quedas de repasses, o que já está ruim tende a se manter ruim, e os prefeitos vão precisar de muita atenção e cuidado para que a coisa não se agrave”, comentou Benes.

Para Benes, a crise econômica afeta fortemente as Prefeituras municipais: “Os custos para manter as cidades funcionando e sanar os mais diversos problemas dos municípios se mantêm. Mas os repasses diminuem. Hoje, quase 90% dos municípios do Nordeste se mantêm do repasse do FPM. Fica evidente que é uma conta que não fecha, e prejudica demais as nossas cidades”, afirmou o Presidente. 

FPM

Historicamente, os repasses do FPM no segundo semestre são inferiores em relação aos resultados obtidos no primeiro semestre, influenciados pela restituição do Imposto de Renda – que compõe o FPM. As previsões são nominais e, por isso, não consideram os efeitos da inflação.

OUTUBRO

Para o mês de outubro a estimativa é de menos 2,6% em relação a outubro/2016.

NOVEMBRO

Para novembro, estima-se uma queda de 40,7% em relação a novembro/2016. 

FUNDEB

As previsões do Fundeb e a comparação em relação ao mesmo decêndio de 2016 são:

2º Decêndio de setembro: queda de 19,67%

3º Decêndio de setembro: queda de 15,20%

Mês de setembro inteiro: queda de 2,35%.

Cidades

Três municípios do RN têm impacto positivo no FPM após nova estimativa populacional

De acordo com levantamento da Confederação Nacional dos Municípios – CNM, realizado após a divulgação da nova estimativa populacional pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na última semana, três municípios do Rio Grande do Norte terão impacto positivo no Fundo de Participação dos Municípios (FPM), aumentando seu coeficiente a partir de 2018. Bom Jesus e Luís Gomes deixam de ter o coeficiente 0,6 e passam a ser considerados 0,8, e Ielmo Marinho aumenta seu índice de 0,8 para 1,0.

Os demais 164 municípios do Estado, apesar das perdas ou ganhos de população, se mantêm com os mesmos coeficientes do FPM. Ainda de acordo com a Confederação, a maior parte dos municípios de todo país não mudarão de coeficiente em 2018. Em todo Brasil, serão 14 Municípios com redução e 100 com aumento.

No Rio Grande do Norte, 32 municípios tiveram a população reduzida em relação a 2016, 134 aumentaram o número de habitantes e 1 se manteve com o mesmo índice. A CNM ainda indicou que existem, em todo país, 262 Municípios que estão próximas às faixas de mudança do FPM, na faixa de até 500 habitantes para esta alteração.

Sede da FEMURN - Rua Maria Auxiliadora%2c 756 - Tirol%2c Natal-RN

Poder

Governo do RN faz acordo judicial para pagar dívida de R$ 100 milhões aos municípios

O desembargador Claudio Santos presidiu, na manhã desta sexta-feira, 17, uma audiência de conciliação, entre a Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn), Ministério Público e o Estado do Rio Grande do Norte, a qual resultou em um acordo prévio entre as partes, no que se relaciona aos repasses financeiros para a manutenção dos Programas de Assistência Farmacêutica Básica (insumos e medicamentos) e o Fortalecimento da Atenção Básica aos Municípios do Rio Grande do Norte, os quais estavam paralisados. Dentre os pontos, ficou definido que o Estado deverá regularizar o pagamento até o dia 11 de abril e, assim, nos próximos meses.

A audiência, que ocorreu na 1ª Câmara Cível do TJRN, foi presidida pelo desembargador e realizada com a presença do procurador do Estado, João Carlos Coque e do secretário de Saúde RN, George Antunes, além do presidente da Federação, Benes Leocádio e dos promotores de justiça, Afonso de Ligório e Carlos Rodrigues. As partes concordaram com a retomada dos pagamentos até abril e se reunirão, administrativamente, para definir uma planilha, por meio da qual serão estabelecidos os prazos e os montantes que estão atrasados, os quais, segundo os cálculos iniciais, presentes nos autos, atingem cerca de 100 milhões de reais.

Nos autos da Ação Cível Originária nº 2013.018441-6, que trata do caso, a Femurn informa que o Estado descumpre liminar que determinou que fossem regularizados os repasses mensais aos municípios e feita a abertura de crédito especial em favor do Programa de Assistência Farmacêutica Básica. A Federação requereu o sequestro das verbas correspondentes nas contas do Governo do Estado. “Mas, esse sequestro, só acontecerá se ocorrer o descumprimento do que foi acordado hoje (sexta-feira)”, prevê o desembargador Claudio Santos.

Em 17 de fevereiro, o desembargador já havia determinado que o Estado repassasse, no prazo de 10 dias, o valor de R$ 32,9 milhões à Federação dos Municípios para posterior transferência desses recursos aos municípios potiguares. O valor é referente ao atraso das verbas necessárias para a manutenção dos dois programas. “Não aceitaremos descumprimento do que foi definido nesta conciliação”, define Santos.

z

Política

Benes Leocádio tem encontro com Geraldo Alckmin

O Presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN – Benes Leocádio e demais presidentes das federações dos municípios de todos os estados brasileiros, foram recebidos pelo Governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, e pelo Presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, Fernando Capez, no Palácio dos Bandeirantes, durante a posse da nova Diretoria da Associação Paulista de Municípios – AMP, nesta terça-feira, em São Paulo.

O evento reuniu representantes da Confederação Nacional dos Municípios – CNM e os presidentes das federações municipalistas dos estados, que participaram conjuntamente do Fórum 27 – encontro que reúne as 27 federações municipalistas do país.

Política

FEMURN solicita apoio ao desembargador Cláudio Santos para intermediar socorro aos municípios

O presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN – Benes Leocádio, fez uma visita de cortesia ao desembargador Cláudio Santos, no Tribunal de Justiça, em Natal, e debateram a falta de regularidade dos repasses da Farmácia Básica aos municípios.

Cláudio Santos é o relator do processo que pede a regularidade do pagamento da Farmácia Básica pelo Governo do Estado às prefeituras: “Pedimos ao desembargador atenção neste processo, que visa regularizar os repasses da Farmácia Básica. Atualmente, os gestores têm assumido a parte do governo, dificultando a situação financeira dos municípios”, afirmou Benes.

A ação tramita desde 2013, movida pela FEMURN e pelo Ministério Público Estadual (MP/RN), pedindo a regularização dos repasses.

FEMURN solicita apoio ao desembargador Cláudio Santos para intermediar socorro aos municípios que precisam receber repasses estaduais da Farmácia Básica

Cidades

FEMURN promove Encontro de Prefeitos da Região do Seridó na próxima quinta-feira (02)

A Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN – promoverá na próxima quinta-feira (02), a partir das 8h, o Encontro de Prefeitos da Região do Seridó. O evento ocorrerá na sede da Associação dos Municípios Micro Região Seridó Oriental – AMSO, em Currais Novos, e terá como tema “Novas ferramentas e tecnologias para a gestão pública”. As inscrições serão feitas no local.

O encontro pretende aperfeiçoar os gestores com palestras que vão demonstrar o auxílio das ferramentas tecnológicas para a gestão pública municipal, e fazem parte do processo de capacitação da FEMURN junto às prefeituras municipais. Gestores e servidores poderão participar do encontro.

Política

Benes Leocádio é eleito presidente da FEMURN

Após conseguir 66 votos, Benes Locádio (PMDB), ex-prefeito de Lajes, acaba de ser eleito presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN). 

Rivelino Câmara (PMDB), prefeito de Patu, obteve 46 votos, seguindo por Dagoberto Bessa (PSD), prefeito de Severiano Melo. 

Política

FEMURN: Novo presidente será conhecido até 12h

Três candidatos disputam a Presidência da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte – FEMURN. As candidaturas foram registradas na segunda-feira (09), cinco dias antes da eleição, que acontece nesta sexta-feira, 13. Benes Leocádio, ex-prefeito de Lajes e ex-presidente da FEMURN, Dagoberto Bessa, prefeito de Severiano Melo, e Rivelino Câmara, prefeito de Patu, disputam a presidência da Federação.

A eleição ocorre na sede da Fiern, em Natal. O resultado deverá ser divulgado até às 12h.

Política

FEMURN: Rivelino ganha novas adesões na reta final da campanha

Segundo observadores da cena política estadual o prefeito de Patu e candidato a presidente da Federação dos Municípios do RN (FEMURN) pela chapa 3, Rivelino Câmara, chega às vésperas da eleição bem na disputa.

Na últimas 24 horas ele recebeu o apoio de mais 10 prefeitos, dentre eles, os novos componentes da chapa: Túlio Lemos (Macau), Ciro Bezerra (Itaú) e José Maurício (Grossos).

z

Política

FEMURN: Deputado Carlos Augusto e a Prefeita de João Dias reforçam candidatura de Rivelino

O prefeito de Patu, Rivelino Câmara (PSD), ganhou o reforço para sua candidatura à Presidência da FEMURN do  deputado estadual Carlos Augusto Maia (PSD) e da prefeita de João Dias, Dra. Tássia Veríssimo (PSD). 

O anúncio ocorreu nesta quarta-feira (11), após conversas entre o deputado e a prefeita com Rivelino e o grupo político que lhe apoia. 

Dra. Tássia Veríssimo e Carlos Augusto Maia