Política

Isaura Rosado entrega a Presidência da Fundação José Augusto e marca rompimento do PP com Robinson Faria

Isaura Rosado entregou a Presidência da Fundação José Augusto (FJA) na tarde desta quarta-feira (07), marcando o rompimento do Partido Progressista (PP) com o Governo de Robinson Faria (PSD).

A decisão se deu após o grupo liderado pela prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, tendo ainda o deputado federal Beto Rosado, tomar conhecimento de articulações que estariam sendo feitas em Brasília pelo deputado federal Fábio Faria para assumir o controle da legenda progressista no RN.

Mais cedo, em suas redes sociais, Fábio Faria admitiu a possibilidade de filiar ao PP, mas negou, entretanto, que fosse assumir o partido “de cima para baixo”.

Porém a relação azedou entre os membros do partido, que vão continuar no comando no Rio Grande do Norte, segundo disse o próprio presidente nacional da legenda, o senador Ciro Nogueira (PI).

Isaura

Isaura Rosado

Cultura

Beto Rosado confirma ao blog indicação para Isaura Rosado assumir a FJA

O deputado federal Beto Rosado (PP), confirmou ao Blog de Heitor Gregório/Tribuna do Norte na tarde deste domingo (01), a indicação do partido para a professora Isaura Rosado assumir a Direção da Fundação José Augusto (FJA). 

Isaura substitui o também mossoroense Crispiniano Neto, que entregou o cargo após o rompimento do PT. 

A professora já ocupou a função no Governo de Wilma de Faria e da cunhada Rosalba Ciarlini. 

Estado

Associação dos Produtores Culturais emite nota demonstrando preocupação com nomeações feitas por Robinson para a Fundação José Augusto

Nota Pública sobre nomeações na Fundação José Augusto: 

A Associação dos Produtores Culturais e Artísticos – APCA/RN vem a público externar sua preocupação com as exonerações e nomeações publicadas no Diário Oficial do Estado do Rio Grande do Norte nesta quinta-feira, dia 21 de abril de 2016, referente, em especial, a cargos na Fundação José Augusto (FJA), órgão que representa as políticas públicas na área cultural do Estado. 

Em virtude disto, solicitamos prudência e cautela por parte do governador Robinson Faria ao fazer nomeações para setores importantes no âmbito cultural, na melhor das hipóteses, que tome conhecimento dos anseios e problemáticas enfrentadas por aqueles que fazem o setor girar no Estado, em especial na capital. 

Nós, produtores e agentes de cultura, com forte atuação e representatividade em projetos em andamento atualmente no Estado, temos a preocupação, e com isto sugerimos, que os próximos representantes nomeados tenham o mínimo conhecimento sobre o Plano Estadual de Cultural, sobre a Lei Câmara Cascudo e o Fundo Estadual de Cultura. Que assumam seus cargos engajados e cientes da gravidade que a FJA passa neste momento, com equipamentos culturais importantes fechados, em especial o Teatro Alberto Maranhão, Teatro Adjuto Dias, Teatro Lauro Monte Filho, a Biblioteca Câmara Cascudo, o Centro Experimental de Formação e Pesquisa Teatral, Casas de Cultura e tantos outros espaços espalhados pelo Estado.

Em geral, a APCA/RN torna público nesta nota sua preocupação especial no que diz respeito aos projetos em andamento dos seus associados, todos em tramitação na Lei Câmara Cascudo, grande parte com realização prevista para o ano corrente, e a necessidade de termos nos próximos dias uma nomeação que dê prosseguimento aos trabalhos nesta esfera sem onerar ou prejudicar diretamente o bom andamento dos processos em curso.

Por fim, nos colocamos à disposição para manter um diálogo permanente com as instituições públicas, em especial o Governo do Estado do Rio Grande do Norte, cumprindo, desta forma, o papel de fiscalizar as ações que representam a classe artística e cultural do Estado.

Assinam os produtores associados:

Amaury Júnior

Cláudio Machado

Paulinelle Castro

Jarbas Filho

Daniel Campos

Jomardo Jomas

Willian Collier

Marcelo Veni

Edson Soares

Pipo Damásio

Marcilio Amorim

José Neto Barbosa

Gabriel Brandão

Joahb Madruga

Heitor Almeida

Ronaldo Negromonte

Política

Sem aval de Fátima, Mineiro emplaca Crispiniano Neto na Fundação José Augusto

O agrônomo, jornalista, poeta e ativista cultural, Crispiniano Neto, volta ao mesmo cargo que já ocupou no Governo Wilma: a Direção Geral da Fundação José Augusto (FJA).

Indicado pelo deputado estadual Fernando Mineiro (PT), líder do Governo Robinson na Assembleia Legislativa, Crispiniano assume o cargo sem o aval da senadora Fátima Bezerra (PT), que recomendou a saída de Rodrigo Bico.

A nomeação de Crispiniano e a exoneração de Rodrigo Bico estão publicadas no Diário Oficial desta quarta-feira (28).

Quem é Crispiniano Neto?

Da conta pessoal no twitter de Crispiniano Neto: “Sou agrônomo, poeta e jornalista. Vivo de escrever livros, Literatura de Cordel e colunas de jornal. Adoro gente que é gente, pois acho que o resto é resto”.

Sem categoria

Teatro Alberto Maranhão completa 107 anos no próximo dia 24

O Teatro Alberto Maranhão completa na próxima quinta-feira (24), 107 anos.

Para comemorar a data, o Governo do Estado em parceria com a Secretaria Extraordinária de Cultura e a Fundação José Augusto, organizaram uma noite de festa, onde a partir das 20h, sobem ao palco, o Coral Canto do Povo com o regente Padre Pedro, o Coral Harmus com a maestrina Leninha Campos e  a Escola de Dança do TAM.

Sem categoria

Artistas de Caicó comemoram a nomeação de Robson Pires para o Teatro Adjuto Dias

Ontem (18), o radialista e blogueiro Robson Pires foi nomeado pela governadora Rosalba Ciarlini, para dirigir o Teatro Adjuto Dias, na cidade de Caicó. O Teatro integra a estrutura administrativa da Fundação José Augusto.

O nome de Robson foi consenso na classe artística de Caicó, pelo fato dele já ter ocupado o cargo nos governos de Garibaldi Filho, e ter movimentado bastante a cultura da cidade.

A indicação de Robson foi feita pelos artistas, ao deputado estadual Vivaldo Costa (PR), que levou a sugestão a governadora Rosalba.

Nos últimos 8 anos, o Teatro estava abandonado, sem receber nenhuma atenção por parte dos governos Wilma, Iberê.

Como caicoense, também comemoro a nomeação de Robson. Sei de sua capacidade na área cultural.