Cidades

Prefeito de Guamaré vai apresentar experiência de sucesso na área social em Brasília

Destaque entre os 108 municípios do Semiárido brasileiro no Selo Unicef 2013-2016, a cidade de Guamaré recebeu nota técnica que habilitou o município para participar da 1ª Mostra de Experiências em Vigilância Socioassistencial.

Foram recebidas 106 experiências, de 78 diferentes municípios, onde foram selecionadas apenas 35, sendo 25 de municípios e 10 de Estados e o do Distrito Federal.

Cidades

Guamaré: ex-prefeito e familiares são alvos de 42 ações judiciais e penais

A 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Macau, com o apoio do Grupo de Atuação Regional de Defesa do Patrimônio Público (GarppP) e do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça do Patrimônio Público (Caop-PP), ajuizou neste mês 26 ações civis públicas (ACP) e 16 ações penais contra o ex-prefeito de Guamaré, Auricelio dos Santos Teixeira.

O Ministério Público do Estado quer a condenação por desvio de recursos públicos na contratação de bandas, de estrutura para festas de carnaval, compra de combustíveis, decoração natalina e carnavalesca da cidade e pagamento de benefícios sociais de complementação do Bolsa Família, programa conhecido como Renda Cidadã.

Ainda são alvos das ações judicias a esposa do ex-gestor, Kelley Margareth Miranda da Fonseca Teixeira, a filha de ambos, Kaliny Karen da Fonseca Teixeira e a cunhada dele, então chefe de gabinete, Katiuscia Miranda da Fonseca Montenegro.

O desvio de dinheiro público da Prefeitura de Guamaré, perpetrado pelo grupo liderado pelo ex-prefeito, chega a mais de R$ 2.600.000,00 (dois milhões e seiscentos mil reais) – a responsabilidade também recai sobre os empresários que proporcionaram os desvios.

Ressalta-se que além de o gestor público responder por cometimento de ato de improbidade administrativa, também reponderá por crime de peculato, que tem uma pena privativa de liberdade de reclusão, que varia de dois a 12 anos.Guamaré: ex-prefeito e familiares são alvos de 42 ações judiciais e penais.

Cidades

Guamaré: Prefeito pagou hoje salários de dezembro e a 2ª parcela do 13º

O prefeito Hélio Willamy termina sua gestão de bem com os servidores públicos municipais. Mesmo em um cenário de crise, com a frustração de receitas, a prefeitura de Guamaré é uma das poucas no estado a pagar nesta quinta-feira, 22, os salários de dezembro e a 2ª parcela do 13º salário.

“A antecipação de salários durante alguns meses só tem sido possível graças à responsabilidade e ao planejamento na aplicação dos recursos públicos”, justificou o prefeito, lembrando que as dificuldades enfrentadas não tem lhe afastado do compromisso com os funcionários públicos.

Hélio encerra sua gestão no próximo dia 31 com um governo bem avaliado, também pelo servidor do município, que reconhece o tratamento respeitoso e a valorização da categoria. “Fizemos uma gestão sem perseguir as pessoas e se colocando como o servidor número um da prefeitura”, conclui o prefeito.

Cidades

Guamaré investe R$ 10 milhões para virar a página da falta de água no município

Um dia histórico para uma população de Guamaré que aguardava ansiosa por uma ação definitiva do poder público que resolvesse um dos seus maiores problemas: a falta de água. O prefeito Hélio Miranda (PMDB) assinou nesta terça-feira, 29, a ordem de serviço para o início da obra da usina de dessalinização, que irá tratar água do mar e transformar em água potável.

A assinatura do documento aconteceu em plena audiência pública realizada na Câmara Municipal para discutir e apresentar o projeto. Presente a ocasião, o prefeito surpreendeu com esse ato a comunidade e a classe política, dando um passo decisivo para o desenvolvimento da cidade.

A obra será realizada pela Acguapura, empresa vencedora da licitação e que tem como foco principal a água, em todo o seu contexto: uso, racionalização, reuso e tratamento, sendo reconhecida no mercado internacional e nacional em tecnologia no tratamento de água.

  

Sem categoria

Prefeitura de Guamaré confirma construção de adutora com recursos próprios

O prefeito em exercício de Guamaré, Emilson de Borba Cunha, definiu como prioridade para este ano a melhoria do abastecimento de água da cidade, através da construção de uma adutora com recursos próprios do Município. O anúncio foi feito durante leitura de sua mensagem anual, na abertura da sessão legislativa, na última sexta-feira (24).

“A municipalidade está com um grande problema, o abastecimento de água de sua população. O problema é causado pela fragilidade da adutora construída por gestões passadas, mas também pela falta de investimentos da empresa concessionária Caern, que, nos últimos 10 anos, praticamente nada realizou no município, sequer fez a manutenção da adutora”, pontuou ele.

Segundo o chefe do Executivo, o setor de engenharia do Município está em processo de análise dos projetos para a obra.

Sem categoria

Guamaré já pode fazer convênios com governo federal

O Tribunal Regional da 5ª. Região emitiu, na última quarta-feira (01), uma decisão liminar que retira o município de Guamaré dos cadastros de inadimplentes administrados pelo governo federal. Em virtude de débitos contraídos por gestões anteriores, o município encontrava-se impedido de realizar novos convênios com a União desde 2005, estando liberado para efetivá-los a partir de agora.

Segundo o Portal da Transparência, mantido pela Controladoria Geral da União (CGU), o município não estava habilitado em firmar estes contratos por não ter prestado contas do dinheiro recebido durante o período de 1994 a 2005.