Política

Nelter lança candidatura em Jucurutu ao lado de Agripino

O lançamento oficial da campanha à reeleição do deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) rumo ao oitavo mandato, ocorreu na noite do último sábado (1º), em Jucurutu, com uma passeata que terminou no Babylônia Casa Show.

Prefeitos, ex-prefeitos, vereadores, ex-vereadores, lideranças e amigos vindos de vários municípios do Seridó, Vale do Açu e Médio Oeste, prestigiaram o lançamento oficial da campanha de Nelter Queiroz, que também contou com a presença do senador e candidato a deputado federal, José Agripino Maia (DEM).

Política

Em Santa Cruz, Tomba faz maior mobilização da atual campanha para Carlos Eduardo, Garibaldi e Agripino

“Santa Cruz sinaliza a nossa vitória com esta gigantesca demonstração de apoio. Tomba, Fernanda, eu quero agradecer a esse povo que atendeu a convocação que vocês fizeram e que lotou a praça pública para dizer que acredita no nosso esforço de mudar o destino do Rio Grande do Norte”.

A declaração é do ex-prefeito de Natal e candidato ao governo do Estado pelo PDT, Carlos Eduardo Alves, que na noite desta sexta-feira, 31, participou da Passeata das Mulheres, evento que ‘arrastou’ cerca de 8 mil pessoas(estimativa dos orgazinadores) pelas ruas de Santa Cruz e culminou com a realização de um grande comício na Praça da Matriz.

O candidato do PDT agradeceu a expressiva participação da população local, que foi às ruas conhecer as suas propostas. Carlos Eduardo destacou ainda que, a partir de janeiro de 2019, Santa Cruz terá “um governador amigo, que estará sempre de portas abertas para receber as reivindicações do seu povo”.

INDECISOS

O deputado Tomba Farias, líder político da região do Trairi, conclamou aos eleitores que ainda estão indecisos a não deixar de votar no dia 07 de outubro, pois, segundo ele, só através do exercício democrático do voto é que o cidadão pode renovar e mandar de volta para casa os políticos que não cumpriram os compromissos assumidos com a população.

O parlamentar destacou ainda a “excelente gestão que Carlos Eduardo desenvolveu em Natal”, e enfatizou que o ex-prefeito da capital é o nome mais capacitado para retomar o desenvolvimento do Rio Grande do Norte e fazer o estado a voltar a gerar emprego e renda para a população. “A partir de 2019, Santa Cruz terá um governador amigo”, disse ressaltando ainda a importância da população também eleger o senador José Agripino (DEM) para a Câmara dos Deputados e reeleger o senador Garibaldi Filho (MDB).

Para Tomba, Agripino e Garibaldi são antigos parceiros do desenvolvimento de Santa Cruz e ambos sempre tiveram as portas de seus gabinetes abertas “para atender as nossas reinvindicações”.

Política

Tomba realiza grande mobilização em Santa Cruz para apresentar Agripino como seu candidato a deputado federal

Na noite desta quinta-feira, (24), durante evento no centro de Santa Cruz, o deputado estadual Tomba Farias (PSDB) reuniu uma multidão para apresentar José Agripino (DEM) como o candidato a deputado federal do seu grupo político.

O parlamentar justificou o apoio a Agripino: “é o maior parceiro do desenvolvimento de Santa Cruz”. “Quando chego em Brasília, o gabinete que procuro é de José Agripino, que já destinou recursos para obras nos mais diversos setores da cidade”, disse o principal líder político da região do Trairi.

Impressionado com a proporção do evento, o líder democrata aproveitou para reforçar o compromisso de manter a relação bem-sucedida com o município.  “Santa Cruz sempre contou com nosso mandato e as pessoas sabem que vou continuar atuando firme para que a cidade se desenvolva cada vez mais”, ressaltou Agripino.

Durante o evento, a prefeita Fernanda Costa fez questão de falar sobre o trabalho fundamental do senador para manter a verba de manutenção do Hospital Regional de Santa Cruz (mais de R$ 300 mil por mês).

Antes da programação na rua, o candidato à Câmara federal acompanhou a inauguração do comitê do deputado estadual Tomba Farias.

Política

Agripino diz que está em cogitação apoio de novos partidos a Carlos Eduardo: “Isso abre possibilidades em torno da chapa”

Desde o último fim de semana, se especula na política potiguar a possibilidade do senador José Agripino (DEM) não disputar a reeleição, ir disputar uma vaga na Câmara dos Deputados e o filho, atual deputado federal Felipe Maia (DEM), passar a se dedicar a iniciativa privada, não sendo candidato em 2018.

Para o lugar de Agripino na chapa do pré-candidato ao Governo, Carlos Eduardo (PDT), segundo as especulações, o nome apontado é do deputado federal Antônio Jácome (Podemos), que já foi deputado estadual, vice-governador e tem o filho Jacó atualmente deputado estadual pelo PSD. Representam a classe evangélica da política potiguar, ao lado do deputado estadual Albert Dickson e da esposa-vereadora Carla Dickson, ambos do PROS.

O senador José Agripino (DEM) se pronunciou ao blog sobre o assunto: “O que está em cogitação são apoios de novos partidos à pré-candidatura de Carlos Eduardo. Isso abre possibilidades em torno da chapa”.

Política

Carlos Eduardo, Garibaldi e Agripino participam do São João de Assu sendo recepcionados por George Soares e vice-prefeita

O pré-candidato ao Governo, Carlos Eduardo (PDT) e os senadores Garibaldi Filho (MDB) e José Agripino (DEM) participaram na noite desta sexta-feira (22) do São João de Assu.

Foram recebidos pelo deputado George Soares (PR) e pela vice-prefeita Sandra Alves (MDB).

A visita começou na igreja matriz da cidade, onde participaram da novena em homenagem ao santo padroeiro.

Em seguida, os pré-candidatos visitaram a Festa de rua, também em companhia da ex-prefeito de Mossoró, Cláudia Regina (DEM) e do vereador Petras (DEM).

Política

Prefeito recém-eleito de João Câmara recebe Carlos Eduardo, Garibaldi, Agripino, Álvaro e deputados

A agenda do pré-candidato ao Governo Carlos Eduardo (PDT), neste sábado (16), foi em João Câmara, no Mato Grande, ao lado dos senadores Garibaldi Filho (MDB) e José Agripino (DEM); do prefeito de Natal, Álvaro Dias (MDB) e dos deputados federais Walter Alves (MDB) e Felipe Maia (DEM).

A comitiva foi recebida prefeito recém-eleito em pleito suplementar, Manoel Bernardo (DEM), a vice-prefeita eleita Aninha de Berré (DEM) e o ex-prefeito Mauricio Caetano (DEM).

Várias lideranças da região do Mato Grande, incluindo prefeitos e vereadores de cidades vizinhas, participaram do evento. Foram 11 municípios representados.

Política

Agripino recebe votos favoráveis de dois Ministros em turma no STF

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal deu prosseguimento, na sessão de ontem (5), ao exame da denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF) contra o senador José Agripino Maia (DEM-RN) e a ex-governadora do Estado do Rio Grande do Norte Rosalba Ciarlini, no processo da Operação Sinal Fechado.

O julgamento teve início em 8 de maio, quando o relator do Inquérito, ministro Ricardo Lewandowski, votou pelo recebimento da denúncia em relação ao senador e pela rejeição da denúncia contra a ex-governadora, atual prefeita de Mossoró.

No exame do mérito, o ministro Gilmar Mendes seguiu o relator em relação à ex-governadora, mas divergiu na parte relativa ao senador, votando, portanto, pelo não recebimento da denúncia. Na sua avaliação, não há tipicidade formal do delito de corrupção passiva, pois Agripino Maia é parlamentar federal, e o ato apontado é de competência do Executivo do estado. “A possível ascendência de parlamentar federal sobre o Executivo estadual decorreria não da função pública, mas da influência nas decisões partidárias”, assinalou. “Portanto, aparentemente, no caso, a função pública de senador é meramente acidental ao curso causal desenvolvido”.

Para o ministro, a arrecadação de valores alegada pela PGR teria fundamento na posição proeminente do senador dentro de seu partido, e não na sua função parlamentar. “Não há sentido em falar em corrupção quando um parlamentar federal transaciona com função pública do Poder Executivo do estado da federação”, afirmou. Para o ministro, os fatos devem ser enquadrados em outro tipo penal – o tráfico de influência. E, neste caso, a punibilidade estaria extinta em decorrência da prescrição.

Gilmar Mendes também rejeitou a denúncia na parte relativa à lavagem de dinheiro, por entender que não há indicativos de autoria, quanto a Maia, de omissão de valores na prestação de contas de campanha. Com relação a depósitos fracionados na conta bancária do senado, o ministro entendeu que os valores movimentados são compatíveis com os subsídios decorrentes do cargo.

Quanto à imputação de uso de documentos ideologicamente falsos, que diz respeito à juntada aos autos de declarações do colaborador e de agiotas que negavam o repasse de propina, seu voto foi pela improcedência da denúncia. A juntada dos documentos não torna o investigado responsável pelo seu conteúdo, explicou Mendes. Para ele, os documentos correspondem à versão de pessoas que teriam algum conhecimento dos fatos em apuração, e que, mesmo que possam ser ideologicamente falsos, retratam aquilo que os envolvidos se dispuseram a declarar naquele momento da investigação. A juntada ao processo, a seu ver, não corresponde a fazer uso de documento falso.

Empate

O ministro Dias Toffoli seguiu integralmente o voto divergente pelo não acolhimento da denúncia. O presidente da Segunda Turma, ministro Edson Fachin, seguiu integralmente o relator. Todos os votos coincidiram sobre a improcedência da denúncia em relação a Rosalba Ciarlini. Mas, na parte relativa a Agripino Maia, houve empate e, acordo com o artigo 150, parágrafo 1º, do Regimento Interno do STF, o julgamento foi suspenso para a tomada de voto do ministro Celso de Mello.

Política

CAS aprova projeto de Agripino que dá aos municípios autonomia para gerenciar recursos do Fundo Nacional Antidrogas

A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) aprovou, por unanimidade, na manhã desta quarta-feira (30), projeto de lei (PLS 304/2016) do senador José Agripino (RN) que muda a distribuição do Fundo Nacional Antidrogas (Funad). A matéria destina aos municípios 70% dos recursos do Funad, levando em conta o critério proporcional do Fundo de Participação dos Município (FPM). Hoje todo o dinheiro do fundo é administrado pela União. Com a proposta de Agripino, caberá aos municípios administrar 70% desses repasses.

Na prática, isso significa que cidades com maior número de habitantes receberiam uma quantia maior de dinheiro para serem aplicados na prevenção e combate ao tráfico de drogas. “Esse fundo já existe e é administrado pela União, mas o tráfico de drogas está nos municípios, que não têm recursos para combater esse crime. Os municípios são unidades da Federação, hoje estão quebrados e convivem com a consequência do tráfico, como homicídios, entre outros”, destacou José Agripino.

O PLS também recebeu elogios da Confederação Nacional de Municípios (CNM) que apoiou a proposta. “A grande maioria dos municípios é carente de recursos para trabalhar os eixos ‘prevenção, tratamento, reinserção social e redução de danos’. Então, esse projeto vem muito a contribuir com os municípios de forma que eles possam investir em ações e os projetos nesta temática”, destacou a coordenadora da área “Observatório do Crack”, da CNM, Mariana Boff Barreto.

foto1

Política

MPF apresenta ação envolvendo Agripino; Senador rebate lembrando que não teve influência em Governo do PT

O Ministério Público Federal (MPF) ingressou na Justiça Federal no Rio Grande do Norte com uma ação contra o senador José Agripino Maia (DEM) e o empresário José Adelmário Pinheiro Filho, o “Léo Pinheiro”, ex-presidente da OAS.

A acusação contra feita pelo MPF é de que ele teria ajudado na liberação de parcelas do financiamento do BNDES para a obra da Arena das Dunas, em 2013. Naquele ano, essa liberação dependia de um aval do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RN) quanto ao projeto executivo da arena. Caso o tribunal apontasse sobrepreço ou superfaturamento, as parcelas seriam suspensas.

Esclarecimento de José Agripino:

Esta ação não trata de fato novo. Decorre da investigação em curso no STF e sobre a qual já me manifestei e reafirmo: que força teria eu, então líder de oposição, para facilitar a liberação de recursos no BNDES, à época órgão financeiro impenetrável do PT? Repilo esta acusação com veemência, mas me mantenho à disposição da Justiça para os esclarecimentos que se fizerem necessários.

Política

Agripino, Garibaldi, Álvaro Dias e Carlos Eduardo passam no teste de popularidade em evento da Assembleia de Deus

Os senadores José Agripino (DEM) e Garibaldi Filho (MDB), o prefeito Álvaro Dias (MDB) e o pré-candidato ao Governo, Carlos Eduardo (PDT) prestigiaram na tarde-noite deste sábado (26), as comemorações pelos 100 anos da Assembleia de Deus no RN, que reuniu mais de 40 mil pessoas na Arena das Dunas.

Os quatro passaram no teste de popularidade, quando tiveram o nome anunciado por diversas vezes e circularam pelo campo, sem passar constrangimento.

Agripino, Garibaldi e Carlos Eduardo foram os únicos pré-candidatos à majoritária que prestigiaram o evento.

Política

Agripino recebe homenagem de prefeitos

Em noite de confraternização para fazer um balanço sobre os debates da XXI Marcha à Brasília em Defesa dos Municípios, os prefeitos integrantes da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN) prestaram uma simbólica homenagem de aniversário ao senador José Agripino.

Durante o jantar organizado pela federação potiguar, dezenas de gestores municipais do RN cantaram parabéns ao democrata e proferiram palavras de carinho e reconhecimento ao trabalho do parlamentar.

Também participaram do jantar da FEMURN os senadores Garibaldi Alves (MDB), Fátima Bezerra (PT) e os deputados federais Felipe Maia (DEM), Fábio Faria (PSD), Zenaide Maia (PHS), Rafael Motta (PSB), Beto Rosado (PP) e Antônio Jácome (PODEMOS).

A marcha, que tem como tema “Compromisso com o Brasil”, acontece até esta quinta-feira (24) no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB). Este ano, o evento aborda temas como a decisão imediata sobre a divisão dos royalties do petróleo, o pagamento aos municípios dos créditos do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS), o aumento de 1% do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), entre outros assuntos.

253ad4ea-20ae-4600-b1c5-d118affd419b

Política

Aniversariante do dia é o Senador José Agripino

O senador José Agripino Maia (DEM) é o aniversariante desta quarta-feira (23).

Comemora a data com a família e mais feliz depois da recepção que teve ontem (22) em Santa Cruz, onde participou da procissão de Santa Rita de Cássia, sendo bastante cumprimentado e abraçado ao lado do governadorável Carlos Eduardo (PDT), do deputado Tomba Farias (PSDB) e da prefeita Dra. Fernanda (MDB).

Política

Ao lado de Agripino, Carlos Eduardo é abraçado em Santa Cruz como pré-candidato de Tomba

Foram muitos os políticos que participaram da procissão de Santa Rita de Cássia na tarde desta terça-feira (22), em Santa Cruz.

O deputado estadual Tomba Farias (PSDB) e a esposa-prefeita Dra. Fernanda (MDB) recepcionaram o senador José Agripino (DEM) e do pré-candidato ao Governo, Carlos Eduardo (PDT).

Aliás, Carlos Eduardo foi abraçado pelos eleitores de Tomba como o seu pré-candidato.

POLITICOS 02

POLITICOS O1

Política

Agripino tem pleitos atendidos pelo Ministério da Saúde para Pau dos Ferros, Mossoró e Parnamirim

O senador José Agripino (RN) conseguiu junto ao Ministério da Saúde o atendimento de uma série de pleitos importantes para os municípios de Pau dos Ferros, Mossoró e Parnamirim (RN). Em audiência nesta quarta-feira (16) com o ministro Gilberto Occhi, Agripino pediu, entre outros temas, a ampliação e inclusão, respectivamente, de Pau dos Ferros e Parnamirim no Programa Mais Médicos. O objetivo é melhorar o atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) nessas cidades.

Gilberto Occhi se comprometeu a estudar a situação e disse que nas próximas semanas trabalhará pela reivindicação dos dois municípios. “Foi uma reunião proveitosa. Saímos com boas notícias para o Rio Grande do Norte. Fizemos questão de conversar pessoalmente com o ministro para juntos deixarmos claro quais são os temas mais urgentes para essas regiões”, destacou Agripino. “Saúde é algo sério, é um setor que a população pede por melhorias e o que pudermos fazer para agilizar essa situação, faremos”, acrescentou.

Em relação a Mossoró, atendendo a uma solicitação do diretor-geral da Liga Mossoroense contra o Câncer, Sérgio Catardo, o senador Agripino pediu ao Ministério da Saúde que seja gerado um termo de compromisso para a aquisição de mais um acelerador linear, aparelho utilizado para sessões de radioterapia, para a Liga.

Foto: Mariana Di Pietro

Foto: Mariana Di Pietro

Política

Carlos Eduardo, Garibaldi e Agripino se reúnem com lideranças no Vale do Açu

Em visita a Assu neste sábado(12), o pré-candidato ao Governo do Estado, Carlos Eduardo(PDT), afirmou que o Rio Grande do Norte precisa buscar o equilíbrio fiscal para pagar salários em dia, recuperar o desenvolvimento econômico e a capacidade de investimento e eficiência nos serviços “.

Durante entrevista ao comunicador Régis Souza na Rádio Nova 89 FM, Carlos Eduardo criticou a atual inércia administrativa e lamentou o fechamento de indústrias e a perda de 250 mil empregos.

O pré-candidato do PDT destacou o potencial econômico da Região do Vale do Açu na irrigação,petróleo, pesca e no setor cerâmico, entre outras atividades. “O Vale do Açu, segundo o IBGE, já foi o 4o PIB do Rio Grande Norte e empobreceu por falta de uma política de Governo para apoiar empreendedores capazes de gerar trabalho e renda”.

Carlos Eduardo teve a companhia dos senadores Garibaldi Filho( MDB) e José Agripino (DEM). Os três conversaram com prefeitos e lideranças de vários partidos que debateram problemas e alternativas para a região.

Com Garibaldi, Carlos Eduardo visitou o Açude Mendobim, que sangrou gerando um belo espetáculo de alegria das pessoas. A capacidade do reservatório é 76,5 milhões de metros cúbicos de água , de acordo com DNOCS.

Com os senadores e o dirigente local do MDB, Arnóbio Abreu Júnior, Carlos Eduardo visitou Dona Anita Caldas, 92 anos, prima do poeta assuense Renato Caldas, participante ativa de antigas campanhas e figura querida em Assu.

Estado

CODERN e Sindicato dos Portuários dialogam com senador José Agripino

O presidente da Companhia Docas do Rio Grande do Norte (CODERN), Emerson Fernandes, se reuniu na manhã desta sexta-feira (11) com o senador José Agripino, para tratar de assuntos da empresa, acompanhado do presidente do Sindicato dos Portuários, Silvano Barbosa.

Entre os assuntos tratados, estava o Portus – Instituto de Seguridade Social – Entidade Fechada de Previdência Complementar, que se encontra atualmente sob intervenção federal.

Agripino sugeriu que a CODERN e o Sindicato mobilizem todos os integrantes da bancada federal e forças do Estado para apresentarem o plano de reivindicações ao Governo Federal, através do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil. Diante mão, o senador reafirmou seu apoio total à atividade portuária. “Estou à disposição para somar nos pleitos apresentados pela CODERN e Sindicato dos Portuários e defendo uma união de forças que passa por toda a bancada federal e pelo Governo do Estado”, disse o senador.

O presidente da CODERN agradeceu a atenção que Agripino e a bancada federal têm dado à Companhia e destacou o diálogo positivo com o senador: “A CODERN precisa sempre desse apoio da bancada federal, que não mede esforços em nos receber e reforçar os nossos pleitos”.

CODERN e Agripino