Estado

Monitor aponta melhor situação da seca no Rio Grande do Norte desde julho de 2014

A última atualização do Monitor de Secas aponta que no Rio Grande do Norte houve a redução da área com seca na porção central e no litoral leste do estado na comparação entre abril e maio.

No território potiguar o acumulado da precipitação de maio variou bastante, partindo de 20mm na região central até 450mm no litoral. Em todo o Rio Grande do Norte, a seca apresenta intensidade fraca e com impactos somente de longo prazo.

Com isso, o estado está na melhor situação de seca desde julho de 2014, quando foi publicado o primeiro Mapa do Monitor.

image002

Estado

Governo decreta situação de emergência pela seca no RN

O Governo do Rio Grande do Norte vai decretar, por 180 dias, situação de emergência pela seca em 135 municípios, o que representa quase 81% das cidades potiguares. O decreto será publicado na edição do Diário Oficial da próxima terça-feira (10).

Para definir os municípios atingidos pelo decreto, o Comitê Estadual para Ações Emergenciais de Combate aos Efeitos da Seca se baseia em análises técnicas dos diversos órgãos que integram o comitê, incluindo relatórios de índice pluviométrico, de reserva hídrica no Estado, fornecimento de água potável para a população e perdas na agricultura e pecuária, além dos dados do Monitor das Secas, da Agência Nacional de Águas (Ana).

Estado

Governo renova decreto de Situação de Emergência pela Seca em 148 municípios do RN

O Governo do Rio Grande do Norte vai decretar, por mais 180 dias, a situação de emergência pela seca em 148 municípios, o que representa 88% dos municípios potiguares. O novo Decreto de Situação de Emergência será publicado nesta terça-feira (12) no Diário Oficial do Estado (DOE). A renovação do decreto que trará um Regime Jurídico Especial foi definida pelo Comitê Estadual para Ações Emergenciais de Combate aos Efeitos da Seca, entidade coordenada pelo Secretário-Chefe do Gabinete Civil, Raimundo Alves.

Segundo o Coordenador Estadual de Proteção e Defesa Civil, Tenente Coronel Marcos Carvalho, o decreto leva em consideração análises técnicas dos diversos órgãos que integram o Comitê e que monitoram a segurança hídrica do Estado nos últimos seis meses (Setembro/2018 a Março/2019). O decreto mantém os mesmos municípios que estavam em situação de emergência e acrescenta Pedro Velho.

A renovação do decreto foi determinada durante reunião do Comitê Estadual para Ações Emergenciais de Combate aos Efeitos da Seca realizada em 6 de fevereiro, mas a publicação no Diário Oficial do Estado precisava aguardar o final do prazo do documento anterior.

Política

Ministro recebe pleito de recursos para recuperação de barragens e apoio ao Projeto Seridó

O ministro de Desenvolvimento Regional Gustavo Canuto cumpriu agenda em Natal nesta quinta-feira (14), se reunindo no Centro Administrativo do Estado com a governadora Fátima Bezerra (PT), o vice Antenor Roberto (PCdoB), secretários e integrantes da bancada federal: senadores Zenaide (PROS) e Styvenson (Podemos), mais os deputados federais João Maia (PL), Rafael Motta (PSB) e Natália Bonavides (PT), além do estadual George Soares (PL).

Gustavo Canuto recebeu o pleito para recursos de obras de segurança hídrica do Estado: o Projeto do Sistema Adutor do Seridó, complexo de Oiticica e recuperação de barragens.

Fruto de um convênio entre o Governo do Estado e a Agência Nacional de Águas (ANA), o projeto executivo do Sistema Seridó está em fase conclusão com investimentos de R$ 5,5 milhões. O custo estimado para a execução da obra é de R$ 150 milhões. O projeto integra o Plano Nacional de Segurança Hídrica e visa garantir oferta de água, pelos próximos 50 anos, na região, uma das mais castigadas pela estiagem, através do uso das águas do Projeto de Integração do Rio São Francisco com Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional – PISF. A ideia é interligar as adutoras já existentes com as que estão projetadas, criando um grande cinturão de águas e estruturando as cidades para que elas passem pelos períodos de seca sem grandes transtornos.

Também foram entregues outros dois pleitos. Um referente à liberação de recursos para continuidade da obra da Barragem de Oiticica e outro solicitando recursos na ordem de R$ 20 milhões para recuperação de seis barragens potiguares, com ênfase a de Passagem das Traíras. Gustavo Canuto disse que Oiticica é uma das prioridades do Ministério do Desenvolvimento para o RN.

Foto: Demis Roussos

Foto: Demis Roussos

Estado

Governo decreta emergência pela seca no Estado por mais 180 dias

O Governo do Estado publica no Diário Oficial deste sábado (17) decreto que declara por mais 180 dias a Situação de Emergência pela Seca em 153 municípios do Rio Grande do Norte. O documento, assinado pelo Governador Robinson Faria, leva em consideração análises técnicas das áreas do Governo que monitoram a questão da Segurança Hídrica no RN.

Esta é a 10ª vez consecutiva que o governo toma a medida.

Estado

Walter Alves assegura obras emergenciais em açudes de São João do Sabugi e Assu

O deputado federal Walter Alves (PMDB-RN) assegurou junto à Agência Nacional de Águas (ANA), dois importantes projetos hídricos para o Rio Grande do Norte: recuperação emergencial de estruturas hidromecânicas e obras civis nos reservatórios Sabugi, em São João do Sabugi, e Mendubim, localizado em Assu. Ambos os reservatórios fazem parte da bacia Piranhas/Assu e, juntos, têm capacidade de armazenar mais de 141 milhões de metros cúbicos de água.

As obras no açude Sabugi já iniciaram e, em breve, começam as intervenções no açude Mendubim. O investimento total é na ordem de R$ 1,741 milhão e o prazo para conclusão das obras, no Sabugi, é março de 2018. No reservatório Mendubim, o prazo de execução das obras é de quatro meses.

Reservatório Sabugi%2c em São João do Sabugi (6)

Estado

Motores do Desenvolvimento vai debater os Impactos da Crise Hídrica no RN

Na próxima segunda-feira (30), o Seminário Motores do Desenvolvimento vai debater os Impactos da Crise Hídrica no Rio Grande do Norte.

Será a partir das 08h, no auditório da FIERN, em Natal.

Na ocasião, especialistas e autoridades vão discutir os pontos fortes e fracos, as ameaças e as oportunidades para o desenvolvimento do Estado.

Estado

Governo lança edital para contratar Estudos e Projetos de Sistemas Adutores no Seridó

O Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) publicou, ontem (13), no Diário Oficial do Estado (DOE) e no Diário Oficial da União (DOU), o edital de licitação para a contratação de empresa especializada para elaboração de Estudos e Projetos de Sistemas Adutores no Seridó.

A empresa a ser contratada vai estudar a região e mapear a oferta de água atual e futura nos reservatórios e adutoras e, a partir daí vai projetar sistemas de abastecimento que atendam as demandas da região, tanto para abastecimento humano como para o setor produtivo.

O Secretário Estadual de Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Ivan Júnior, detalha que serão realizados estudos de concepção de viabilidade técnica, econômica e ambiental e projetos básicos de adutoras, bem como suas interligações, a partir da Barragem de Oiticica, após sua conclusão.

Estado

Governo do Estado não repassa pagamentos aos pipeiros da Operação Vertente

Responsável por levar água potável em caminhões-pipa para cidades do Rio Grande do Norte em colapso devido à seca, a Operação Vertente não tem a atenção que merece por parte do Governo do Estado, mesmo tendo recebido recursos do Ministério da Integração Nacional.

Os pipeiros desde dezembro do ano passado que estão sem receber pagamento, mas continuam efetuando o trabalho de levar água para quem precisa.

Atualmente, uma média de 150 mil pessoas são atendidas pela Operação Vertente em 13 cidades do Seridó e do Alto Oeste Potiguar.

z

Estado

Ministério da Integração libera R$ 3,2 milhões para Operação de Carro Pipa do Governo do RN

O Ministério da Integração Nacional acaba de liberar R$ 3,2 milhões para Operação de Carro Pipa do Governo do Estado do Rio Grande do Norte. 

O ato de assinatura pelo Ministro Helder Barbalho ocorreu na presença do presidente estadual do PMDB, Henrique Eduardo Alves, que mostrou a necessidade da liberação dos recursos, tendo em vista o possível sexto ano seguido de Seca no RN. 

Cidades

Seca: Zona Norte de Natal terá rodízio no abastecimento de água a partir desta quarta (03)

Em virtude do rebaixamento no volume de água da lagoa de Extremoz, a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) começa na manhã desta quarta-feira (08), a adotar o rodízio no abastecimento para alguns bairros da Zona Norte de Natal, em caráter preventivo. A lagoa que abastece 70% da Zona Norte está com 40% da sua capacidade, o que já poderá a curto prazo comprometer o atual ponto de captação. Os outros 30% do abastecimento são oriundos de poços tubulares.

De acordo com a equipe técnica da Caern, a primeira semana de rodízio será experimental para avaliação do abastecimento em diversos trechos dos bairros, com atenção maior para as partes mais altas onde o fornecimento de água normalmente é reduzido pela falta de pressão na rede. Quanto maior o consumo nas partes baixas, menor é a pressão da água nas canalizações que levam o produto aos pontos de topografia mais elevadas.

Cidades

CAERN ainda não  recuperou rompimento na sacaria de captação da Adutora Manoel Torres

Até esta sexta-feira (03) a CAERN não conseguiu recuperar o rompimento provocado em uma parte da sacaria, construída na captação da Adutora Manoel Torres, em Jardim de Piranhas. O rompimento aconteceu as 13 horas da terça-feira, dia 31.

Em visita ao Rio Piranhas na manhã de hoje, o presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Piancó-Piranhas-Açu, José Procópio de Lucena pode verificar que a água, que conseguiu ultrapassar a sacaria, já percorreu em torno de 20 quilômetros do local da captação. “Está entre a Comunidade Piedade e Ferreiro. No dia do rompimento régua estava medindo 3,70m de coluna de água, hoje dia 03 de fevereiro está medindo 3, 25m”, disse.

O sistema de captação vem sendo mantido com 04 bombas funcionando. 03 pra Caicó bombeando 540m3\h, sendo 440m3\h pra Caicó; 20m3\h para Timbaúba e 20m3\h para São Fernando, e uma bomba para Jardim de Piranhas, bombeando 150m3/h. A água vem do Açude Mãe D’Água pelo Rio Piranhas, que também garante o abastecimento de milhares de pessoas em municípios paraibanos.

Estado

Seca: Governo Federal libera mais R$ 5,8 milhões para Oiticica

O presidente da República, Michel Temer, autorizou nesta terça-feira (27), o repasse de R$ 1,02 bilhão para obras de acesso à água e combate à seca em todo o Brasil.

Cerca de quatro milhões de pessoas serão beneficiadas pelo andamento dos projetos. O anúncio foi feito durante cerimônia no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, em Maceió (AL).

Do valor total, R$ 793 milhões serão repassados pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) para a construção de 130 mil cisternas, microaçudes e programas de acesso à agua em 15 estados do Semiárido, da Amazônia e atingidos sistematicamente pela seca.

Falando em Seca, o Governo Federal, por meio do DNOCS, liberou mais R$ 5,8 milhões para as obras da Barragem de Oiticica. A notícia foi dada ao presidente estadual do PMDB, Henrique Eduardo Alves, pelo Ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho.

Estado

Barragem de Oiticica tem R$ 59 milhões empenhados pelo DNOCS

Boa noticia para os norte-rio-grandenses que sofrem com a maior seca do século. O Governo Federal, por meio do Ministério da Integração Nacional, empenhou R$ 59 milhões para o DNOCS com destinação específica as obras da Barragem de Oiticica. 

O dinheiro vai sendo liberado a medida que o Governo do Estado, responsável pela execução da obra, for repassando a prestação de contas dos recursos. 

A Barragem de Oiticica vai resolver o problema da Seca no Seridó e das enchentes no Vale do Açú. 

Política

Álvaro Dias destaca sua luta pela Adutora Emergencial e declara: “Queremos é água para os seridoenses”

O deputado estadual Álvaro Dias, utilizou seu twitter na tarde desta quarta-feira (23), para se somar aos caicoenses e seridoenses na luta por melhorias hídricas e aproveitou para lembrar sua participação em obras importantes para a convivência com a Seca, como a Adutora Manoel Torres, construída no Governo de Garibaldi Filho para abastecer as cidades de Caicó, Timbaúba dos Batistas, São Fernando e Jardim de Piranhas.

Álvaro lembrou ainda pelo twitter que após ser eleito deputado federal em 2003, deu os primeiros passos para a Barragem de Oiticica, destinando emendas que na época não foram utilizadas, porém foram alocadas no Orçamento da União. E por fim, Dias elencou que também participou efetivamente para a concretização da nova Adutora Emergencial.

Adutora

Interior

Agência Nacional de Águas autua infratores que retiravam água irregularmente do Rio Piranhas

A Agência Nacional de Águas (ANA), que realiza uma fiscalização ao longo do Rio Piranhas, com apoio dos Governos Estaduais do Rio Grande do Norte e da Paraíba, visando apreender equipamentos que retiram águas irregularmente do manancial e autuar os respectivos infratores.

A ação resultou na apreensão de diversas bombas, drenos e sifões que faziam retiradas indevidas do rio Piancó/Piranhas/Açu, além de barramentos e sacarias que impediam ou dificultavam o fluxo das águas. Somente nesta terça-feira (22) foram retiradas oito bombas com potencias que variavam de 10 a 25CV e retiravam 40 a 80mil litros por hora, do manancial, também foi removida uma sacaria, propiciando que partes do rio que se encontravam completamente secas, voltassem a ter água. Infratores foram autuados.

Política

Governo Federal empenha emenda de R$ 411,6 mil para perfuração de poços em Mossoró

O Governo Federal empenhou, por meio do Ministério da Integração Nacional, emenda de R$ 411,6 mil, destinada pelo deputado federal Beto Rosado (PP) no Orçamento Geral da União (OGU) de 2016 para a perfuração de seis poços artesianos na Zona Rural do município de Mossoró.

A prefeitura tem até o dia 31 de dezembro deste ano para assinar o convênio e garantir que os recursos sejam repassados. O convênio prevê a perfuração dos poços artesianos profundos com instalação de sistema simplificado de abastecimento de água nas comunidades rurais de Ema, Arisco e Senegal e nos assentamentos Eldorado dos Carajás II ­ Agrovila Ângelo Calmon de Sá, Jurema e Fazenda Nova, localizados nas regiões Norte e Oeste do município de Mossoró/RN.

O deputado frisou que o município de Mossoró tem aproximadamente 9% de sua população total, que é de aproximadamente 280.000 habitantes, fixada na Zona Rural, onde a principal atividade desenvolvida é a agricultura familiar, com ênfase a caprinovinocultura, produção de subsistência (milho e feijão) e a irrigação de hortaliças e fruteiras em pequenas áreas, em alguns locais onde há abundância em água, principalmente através de poços artesianos.

“Desde o ano 2012, estamos sem chuvas normais no período chuvoso do ano. São cinco anos consecutivos de seca, atingindo diretamente a Zona Rural. Os prejuízos são enormes, principalmente pela perda da lavoura de sequeiro, além da falta de água para consumo humano e produção de hortaliças e fruteiras, como também alimento para os animais, afetando toda economia regional. Esses poços virão para amenizar essa situação”, destacou Rosado.

DSC_0062

Política

Vivaldo Costa pede que Governo Robinson priorize ações contra a Seca

O deputado estadual Vivaldo Costa (PROS) chamou a atenção, durante sessão plenária desta terça-feira (13), para os efeitos causados pela seca. O parlamentar destacou a situação do homem do campo que encontra-se endividado e com o rebanho reduzido. Para o parlamentar, o Governo precisa priorizar as ações contra a seca no Rio Grande do Norte.

“O produtor rural está endividado, sem recursos e com rebanho reduzido. São cinco anos de seca sem perspectiva e sem esperança, empobrecendo e vendendo todo o rebanho”, disse Vivaldo.

Vivaldo Costa falou ainda da Bacia Leiteira do Seridó, em Caicó. “Construímos uma Bacia Leiteira que dava orgulho ao povo da região, mas infelizmente esse é um quadro do passado e o que mais preocupa é que tem especialista considerando que a seca vai perdurar até 2020”.

O deputado fez um apelo ao Governo para que priorize as ações para amenizar os efeitos da seca e se reúna semanalmente com a equipe técnica para verificar o andamento das obras e a perfuração de poços.

Foto: João Gilberto

z

Cidades

DNOCS já recebeu recursos para a Adutora Emergencial de Caicó

Já está depositado na conta do Departamento Nacional de Obras contra as Secas (DNOCS), o montante de R$ 42 milhões para a construção da Adutora Emergencial de Caicó, que levará água da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, em Assu, para evitar o colapso de água na cidade seridoense.

Os recursos para a obra viabilizada pelo presidente estadual do PMDB, Henrique Alves, foram enviados pelo Ministério da Integração Nacional. Para o início da licitação, o DNOCS aguarda apenas a liberação do projeto da adutora, por parte da CAERN e Secretaria Estadual de Recursos Hídricos.

Segue abaixo a cópia entregue aos dois órgãos do Estado:

z