O processo movido pelo Ministério Público Eleitoral contra o deputado federal Beto Rosado (PP), estrou na pauta e foi julgado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), nesta segunda-feira (27).

Beto Rosado era acusado de uso indevido de meio de comunicação social.

O MPE pedia a inelegibilidade do deputado, bem como a cassação do registro de sua candidatura e do seu diploma.

Por unanimidade, o pleno do TER absolveu Beto Rosado das acusações.