Atingida por um disparo de arma de fogo na quinta-feira (13), durante uma tentativa de assalto a um carro-forte, em um centro comercial de Nova Parnamirim, a jovem Micaela Ferreira Avelino, 26 anos, não resistiu a gravidade e faleceu no Hospital Walfredo Gurgel, para onde foi socorrida.

Micaela, que era cabeleireira, foi feita refém e usada como escudo humano pelos bandidos, terminando sendo baleada. Há poucos dias a jovem já tinha sido vítima da insegurança e teve seu antigo salão de beleza assaltado.

O corpo foi velado em um centro de velório no Bairro Alecrim, marcado por comoção de familiares, amigos e populares, todos consternados com a morte precoce da jovem.

A família organiza um protesto para os próximos dias.