Revelação feita pela reportagem do JORNAL DE FATO na edição desta terça-feira (19) foi reforçada pelo vereador Genivan Vale (Pros). Segundo o parlamentar, os médicos cubanos foram, sim, “aliciados” por um parente do prefeito de Mossoró, Silveira Júnior (PSD), para se transferirem para o residencial que pertence ao chefe do Executivo mossoroense, o Residencial Flats.

Genivan disse que teve acesso aos médicos cubanos que afirmaram que foram retirados do hotel em que estavam por um parente de Silveira, identificado como “Waguinho”, conforme foi revelado pelo JORNAL DE FATO na edição de ontem.

“Tive contato pessoalmente com alguns médicos cubanos e eles nos disseram que foram retirados do hotel e levados para este local por um parente do prefeito”, afirmou o vereador, acrescentando que é uma inverdade o prefeito afirmar, em nota, que os médicos foram para o Residencial Flats por conta própria.