Os vereadores da Comissão de Saúde da Câmara Municipal de Natal realizaram nesta segunda-feira (13) uma visita para verificar o andamento das obras no antigo Hotel Parque da Costeira, que está sendo adaptado para a implantação do Hospital de Campanha do Município, que deve receber pacientes durante a pandemia do novo coronavírus (COVID-19). Na ocasião, os parlamentares anunciaram que a Câmara deverá se organizar para destinar emendas e recursos do próprio orçamento para ajudar o Executivo a enfrentar a doença.

De acordo com a secretária adjunta de atenção integral a saúde de Natal, Rayanne Araújo, a primeira fase do hospital funcionará com 100 vagas, distribuídas em 50 quartos equipados para receber os doentes com Covid-19. “Nos próximos dias estaremos recebendo os leitos clínicos e, para iniciar o atendimento efetivo, em 20 dias chegam os leitos de UTI. É preciso lembrar que não se trata de um hospital de porta aberta, mas regulado para pacientes encaminhados”, explicou.

“Hoje pudemos ver o andamento das obras e a preocupação para entregar à cidade o quanto antes. Entendemos que todo o investimento para esse momento pode ser reforçado para manter o hospital, além desse momento de pandemia”, reforçou o vereador Preto Aquino (PSD).

“A Mesa Diretora já estuda uma forma de retirar recursos do seu orçamento para devolver ao Executivo, contribuindo com os investimentos na luta contra essa doença. Estamos verificando uma forma legal de devolução de parte do duodécimo”, revelou o vereador Felipe Alves (PDT), 1º secretário da Mesa Diretora.

Câmara