Árbitro Fifa, melhor do Brasil em 2015, reprovado em teste da CBF

28/04/2016 às 16:47 por Marcos Lopes
A Comissão de Arbitragem da CBF não revela e nem confirma, mas extra oficialmente a lista dos reprovados nos testes práticos e teóricos, pode chegar a cerca de 60% do quando nacional.
A escola gaúcha que é tida como grande formadora de árbitros FIFA, muitos deles de renome internacional como Carlos Simon (três Copa do Mundo), Leonardo Gaciba (eleito quatro vezes melhor do Brasil) e Leandro Pedro Vuaden teve um duro golpe nos testes físicos e teórico realizados recentemente pela CBF. Dos quatro assessores de arbitragem do estado – Alexandre Barreto, Flavio Pinheiro de Abreu, José Mocellin e Leonel Antonio Pandolfo – nenhum foi aprovado na prova teórica.
Houve também baixas expressivas entre os árbitros e a que mais chamou a atenção foi o péssimo desempenho do árbitro FIFA eleito melhor do apito Brasileiro no ano passado, Anderson Daronco, que tirou nota 4.5.
A matéria completa você confere aqui

1 Comentário para “Árbitro Fifa, melhor do Brasil em 2015, reprovado em teste da CBF”

  1. Júlio César disse:

    Meus caros leitores, o nível da arbitragem brasileira é uma vergonha, e quando recebem críticas ficam todo não me toquem. Vocês são incompetentes, principalmente os apitadores do RN. ÁRBITROS INCOMPETENTES DO RN, VÃO APRENDER A FAZER ALGO QUE ESTEJA DE ACORDO COM A “CAPACIDADE” DE VOCÊS, POIS PARA O FUTEBOL VOCÊS SÃO PÉSSIMOS.