Em jogo fraco, o Paraná vence o ABC na Vila Capanema

12/08/2017 às 18:29 por Marcos Lopes

Um primeiro tempo ruim na Vila Capanema, onde o ABC começou melhor e antes dos 10 minutos havia desperdiçado duas chances de marcar com Lucas Coelho. Foi uma primeira etapa onde o time potiguar teve no máximo 15 minutos de um futebol razoável, e depois acabou permitindo que o Paraná chegasse mais, apertasse mais e dominasse, chegando a colocar duas bolas no travessão em uma mesma jogada.

Segundo tempo a mesma pegada, com mais um “quase” de Lucas Coelho no inicio do jogo e foi só, o goleiro Richard não fez nenhuma defesa, o  que mostra que o time de Márcio Fernandes não produziu ofensivamente, mesmo com as mudanças que ele fez, tirando Lucas Coelho para a entrada de Nando, Dalberto para  Tatá e Vitor Júnior – bom jogador  que sentiu a falta de ritmo – para Gegê.

Segue em situação complicada o ABC, enterrado na penúltima posição do Brasileiro. Agora tem o Internacional no sábado que vem no Frasqueirão.

 

16 Comentários para “Em jogo fraco, o Paraná vence o ABC na Vila Capanema”

  1. MENOS UM , AGORA, TEM QUE GANHAR 10 EM 18 , E O PRÓXIMO É SÓ O INTERNACIONAL , QUE AO QUE PARECE, DESPERTOU PRA COMPETIÇÃO .

  2. ABC sempre disse:

    A situação não é confortável, porém o ABC só depende dele, para permanecer na série B.

  3. Wallyson disse:

    O ABC caiu desde que manteve o elenco dos 6 x 0 para o ano seguinte.

    Pior: achou que o elenco campeão do estadual amador do RN serviria para alguma coisa..

    Qualquer torcedor racional (que não seja babão) sabia que seríamos humilhados na B, com esse elenco.

    É muita incompetência, é muito amadorismo..

    A tendência, com essa diretoria medíocre e ultrapassada, é encontrarmos nosso rival na série D 2019.

  4. ROLANDO LERO NETO disse:

    O jogo foi horroroso.

    Ao final, ficou provado que, em casa, vencendo o timeco do abc por um magro 1 a 0 … só restou mesmo uma sonora de uma vaia ao time vencedor. É acreditem ! As vaias pelo magro placar partiu do próprio torcedor do PARANÁ. Uma vergonha !

    O abc não poderia querer muita coisa com MÁRCIO PASSOS e o fraco zagueiro CLEITON (já é chamado de Cleiton “Balão” – alguém sabe o porquê ? kkkkk).

    A criação mais uma vez não existiu. Ou seja, não é o “mortinho” VÍTOR JUNIOR que será o homem da criação no abc. E GEGÊ ? Não há nem o que comentar.

    E no ataque ? Aí o abc tem tudo para ir novamente para o GUINESS BOOK: é o único time na Série B que possui um centroavante com salários de R$ 90 mil e que não consegue fazer um golzinho sequer.

    E o treinador ? Não acrescentou nada. E as novas contratações ? Idem. Não acrescentaram nada.

    O pior estar por vir. Nem vencendo o INTER-RS e o VILA NOVA-GO o abc deixa a “vice-lanterna”.

    E agora ? Agora é torcer. Vou ficar aqui torcendo, tááááá ?

  5. RICARDO disse:

    O ANO DO ABC ACABA AMANHÃ E SE RESUMIU AO FRACASSO DO AMÉRICA GRAÇAS A PAULÃO NA BAHIA

    SUA TORCIDA JÁ ACEITOU O REBAIXAMENTO E ESTARÁ CONFORMADA COM A PERMANÊNCIA DO RIVAL NA QUARTA DIVISÃO

    TANTO É QUE NEM COBRAM MAIS DOS ATLETAS E DIRETORIA

    É POR ISSO QUE EU SEMPRE DIGO AQUI E REPITO: EM NATAL EXISTE UMA NAÇÃO CHAMADA AMÉRICA E UM PEQUENO POVOADO CHAMADO ANTI-AMÉRICA. E SÓ

  6. Reynaldo disse:

    Os comentários são muito comedidos para falar da campanha pífia, vergonhosa, desastrosa desse time, que está no lugar errado. Nunca deveria ir à Série B. Não é time para isso.
    Salários em dia? Bichos em dia? Atletas satisfeitos e felizes? Só falta isso mesmo.
    Já temos dois representantes na Série C de 2018. Amanhã veremos se o terceiro sobe.

  7. Martins disse:

    O ABC só estar nessa situação, só devemos agradecer a nossa fraquíssima diretoria, diretoria amadora que achou, que um fraco time de estadual,ia ser campeão de uma série B, time de estadual não dá para disputar nem série D imagem uma série B.
    Precisamos de uma diretoria nova, com um objetivo, fazer um time da grandeza e da tradução do ABC, time campeão do Brasil,um dos poucos tomes do nordeste e do Brasil que tem, estádio próprio, com capacidade de quase 18 mil pagantes.

  8. Tom França disse:

    A síntese dos times que estão no Z4, reside no absurdo número de gols perdidos. Foi assim ontem, no fraquíssimo embate entre Brasil de Pelotas x Guarany, assim como o jogo que terminou agora a pouco, entre Figueirense x Goiás. É muito dificil de entender como é que o ABC perdeu 08 partidas seguidas, jogando contra adversários tão limitados tecnicamente. Dá até pra acreditar que realmente existiu o jogo sujo dos bastidores, na era Geninho.

  9. Martins disse:

    O ABC só estar nessa situação, só devemos agradecer a nossa fraquíssima diretoria, diretoria amadora que achou, que um fraco time de estadual,ia ser campeão de uma série B, time de estadual não dá para disputar nem série D imagem uma série B.
    Precisamos de uma diretoria nova, com um objetivo, fazer um time da grandeza e da tradução do ABC, time campeão do Brasil,um dos poucos tomes do nordeste e do Brasil que tem, estádio próprio, com capacidade de quase 18 mil pagantes.

    Eu que acopanho futebol a muito tempo,estou muito triste com o que estar acontecendo com o futebol do RN, más principalmente com o do ABC,, que estar em em decrescente a cada ano que passa,temos renovar os nossos dirigentes e principalmente os nossos presidentes, precisamos de gente nova e que goste do ABC.

  10. José Maria disse:

    Eu avisei bem antes que se o ABC virasse o turno com menos de 20 pontos, estaria rebaixado, agora não entendo porque a imprensa e a torcida estão fazendo tanto alarde. Aviso novamente: o ABC já está rebaixado. Não se fala mais nisso.

  11. Alvinegro disse:

    Marcos você concorda também que Vitor Júnior tem ainda muito a ajudar o ABC ? Esse time ainda pode reagir? Eu acho que ainda vai ter reação, mas não sei se vai ser a tempo.

  12. E. Machado disse:

    Meu Deus do céu, quem contratou esse arremedo de jogador, o tal Lucas Coelho? Já disse aqui antes, que hoje em dia, os dois departamentos mais importantes de um clube de futebol, é o de formação de atletas e de contratações. Um jogador contratado equivocadamente, trás dois prejuízos simultâneos: O primeiro, é que não corresponde em campo, e segundo é o prejuízo financeiro, comprometendo o orçamento e impedindo novas contratações. Não se contrata um jogador por emoção. As equipes tem que entender que é um processo muito demorado, de garimpagem, pesquisas, observações técnicas, comportamentais, e por último, clínicas. O amadorismo dos nossos clubes é que trás problemas financeiros, e não, o contrário. Se o orçamento do ABC, por exemplo, fosse bem dimensionado e planejado com cuidado, daria para evitar gastos desnecessários e formar uma equipe muito melhor que a atual.

  13. paulo cezar disse:

    Marcos Lopes, quando inciamos a série B com um time e elenco fraquíssimo, eu imaginei q teríamos muita dificuldade para permanecer na B, mas o começo enganador foi pior ainda, pois falaram até em subir,(sic), como são incompetentes
    e amadores os que fazem futebol do ABC, Marcos um time q conseguiu ser campeão Estadual com muita luta, num estadual de péssima qualidade talvez o pior do Nordeste em qualidade técnica, e não contrataram achando q estava tudo bem por empatar com o Inter, vencer o Goiás fora, quem não enxerga futebol achou q estava pronto, e todos vimos q em partida de futebol tem competência mas tb tem jogos em que se leva muita sorte ou azar, e demos muita sorte nesses jogos aliás AZAR pq os INCOMPETENTES DA DIRETORIA DE FUTEBOL SE ILUDIRAM OU TENTARAM ENGANAR O TORCEDOR, EIS O RESULTADO REBAIXADO PARA SÉRIE C. Vou a campo mas não acredito mais, esse time não terá capacidade de reação.

  14. TA ENGANADO RICARDO O VERDADEIRO ABCDISTA NÃO SE ENTREGA NUNCA , AGORA A FALTA DE SORTE ESTA GRANDE AQUELE CHUTE DE LUCAS C. NO CONTRA PE DO GOLEIRO DO PARANA NÃO ENTRAR FOI IMORAL. AVANTE ABC FC NUNCA DESISTIR.

  15. Abecedista disse:

    O jogo foi equilibrado, o ABC desperdiçou boas oportunidades de gol e acabou perdendo a partida numa cobrança de pênalti.

    O ABC conseguiu jogar de igual para igual fora de casa contra o Paraná, o que ninguém estava conseguindo ultimamente.

    Nas últimas partidas em casa, antes de vencer o ABC por apenas 1 a 0, o Paraná tinha vencido o Brasil por 4 a 1, o Santa Cruz por 4 a 0 e o CRB por 4 a 1.

  16. tomaz disse:

    É,perder de 1×0 vale pontos.