Arquivos de junho, 2009

O time do Vasco é fraco

30/06/2009 às 22:59 por Marcos Lopes

E o Vasco segue sem convencer na Série B. Time comum e com sérias limitações técnicas,  fraco mesmo, o time carioca teve enormes dificuldades contra o Bragantino do técnico Marcelo Veiga. O jogo terminou 0x0.

O Brasiliense empatou com o Duque de Caxias em um gol. Geovani abriu o placar para os cariocas no primeiro tempo. Aos 37 da etapa final, Éder de falta empatou para o Jacaré.

Com estes resultados, o América caiu uma posição e agora é o oitavo colocado.

Alecrim regulariza jogadores para estréia no Brasileiro

30/06/2009 às 22:24 por Marcos Lopes

O Alecrim já registrou na CBF boa parte do seu elenco para a estréia na Série D, dia 5 de julho em Fortaleza contra o Ferrociário.

Estão no BID: Alexandre Henrique, Alyson, Eduardo Igor, Emerson, Everton, Isaias, Barata, João Paulo, Kel, Ribamar, Luciano Paraiba, Pantera, Marcelo Assuense, Fernandes e Tinho.

Até sexta-feira os demais devem estar regularizados, entre eles o atacante Mauricio Pantera. Outra preocupação do técnico Francisco Diá(foto) é quanto a reversão das punições de Geílson e Pantera: "é um problema que tem que ser resolvido, porque perder estes jogadores para a estréia quebra o trabalho que estamos fazendo".

 

Gaúcho é titular no time do ABC

30/06/2009 às 21:53 por Marcos Lopes

Eu vejo como um erro de avaliação de Arurzinho tirar Gaúcho do time do ABC. Independente da disposição tática da equipe, o sistema de zaga está – na minha avaliação – "fechado" com Gaúcho e Leonardo. Tudo bem que o treinador queira colocar Ben-Hur como titular, mas neste caso deve sacar o Fabiano Silva e priorizar a qualidade na linha de zagueiros.

Arturzinho pode manter o desenho tático no 3-5-2, jogando com três zagueiros. Outro que não pode sair deste time é o Erandir, que além de uma boa marcação sai bem com a bola trabalhada. O time ficaria com um brucutu – Fausto – e um mais qualificado, o Erandir ( foto ), e com Alex Oliveira que deve dar uma boa qualidade na meia.

Admitir a possibilidade de sacar Gaúcho e manter o Fabiano Silva na equipe é um erro brutal.

Guilherme Macuglia diz que defesa precisa melhorar

30/06/2009 às 18:00 por Marcos Lopes

Guilherme Macuglia disse na Rádio Globo que a  defesa do América tem que melhorar. O treinador rubro falou também sobre os trabalhos para enfrentar o Campinense: "estamos trabalhando para que a equipe possa estar bem apesar dos problemas. Nós testamos uma outra formação com dois volantes, dois meias e dois atacantes mas ainda não está nada definido".

Macuglia disse que existe a necessidade de um maior equilíbrio na defesa: "temos que ter uma defesa mais equilibrada, ter mais posse de bola e melhor o nosso poder de finalização. O Plínio ultimamente tem jogado mais pela direita, sempre jogou pelo lado direito e o Edson Rocha em mais facilidade de jogar pelo lado esquerdo o que não impede um revezamento na hora do jogo mas a nossa defesa tem que melhorar. Nós precisamos trabalhar mais forte os que estão aqui e ficar atento ao mercado. Já passamos por oito rodadas e deu para avaliar o nosso grupo.  Alguns jogadores não estão tendo evolução então nós temos quantidade mas precisamos de qualidade e de um grupo forte".

A herança de Ferdinando

30/06/2009 às 17:10 por Marcos Lopes

 Leonardo Alves é jornalista do site paraibano Agora Esportes e autor do comentário que segue abaixo e que voce pode conferir no link:

http://www.agoraesportes.com.br/html/noticia.asp?not=30463&sec=mais 

Nem o mais pessimista dos raposeiros esperava uma campanha tão desastrosa. Sete derrotas e uma vitória em oito jogos. O Campinense é por merecimento o lanterna da competição. A Raposa tem a pior defesa com 21 gols sofridos. O Guarani líder invicto sofreu apenas cinco. Comparando os dois times fica ainda mais evidente que o problema está – como se diz no futebol – do meio pra trás. O time de Campinas marcou 13 gols e o rubro-negro 10. O único jogo em que o Campinense não fez gol foi o do último sábado quando perdeu para o Ceará por 2 a 0. 

A péssima campanha é fruto da passagem de Ferdinando Teixeira pelo clube. O “professor” já demonstrava no Paraibano que não estava envolvido com o projeto do time. Nas entrevistas deixava claro que só havia aceitado o convite porque Campina era perto de Natal e dava para administrar os negócios dele. Deixava claro que estava muito mais preocupado com o empreendimento.

Ferdinando é hoje o que se pode chamar de um ex-treinador. Ele, pelo menos foi o que mostrou no Campinense, não tem mais motivação para treinar um time. Apesar dos maus resultados no Paraibano o técnico foi mantido para a Série B. E mais: entregaram-lhe a responsabilidade da montagem do elenco. O ex-treinador sempre disse que montaria um time para se manter na Série B. É aquela história de quem joga para empatar perde. Quem monta time para se manter, cai. 

O grande erro talvez tenha sido a permanência de Ferdinando depois do Estadual. O Guarani (o líder deve ser de exemplo) foi rebaixado no Campeonato Paulista, mas reformulou o elenco e investiu na contratação de um grande treinador, o Vadão. O Campinense só mudou de técnico depois de quatro derrotas. Trouxe o técnico Argel Fucks, que mesmo com muita disposição, ainda não conseguiu arrumar o time. Já são três derrotas em quatro jogos. Um pouco melhor que Ferdinando. Mas longe de entusiasmar.

Ainda faltam 30 rodadas. A grande pergunta é se Argel vai conseguir livrar o time do rebaixamento. É uma missão difícil. Montar elenco dentro da competição quase nunca dá certo. Além disso, os jogadores indicados pelo treinador ainda não empolgaram o torcedor. E também não resolveram. O jogo contra o Ceará é a prova. Como não dá para ficar mudando de treinador, o ex-zagueiro permanece no comando. 

Para se livrar do rebaixamento, a Raposa precisa fazer pelo menos 45 pontos.  O Fortaleza, 16º colocados em 2008, se livrou da degola com esse número de pontos. Já o Ceará fez 50 em 2007. O Marília (17º) fez 45 pontos e foi rebaixado. O Campinense tem 15 jogos em casa. E se levar em consideração os números dos anos anteriores será preciso vencer – no mínimo – todas as partidas em casa para garantir permanência na Série B. Uma situação crítica que, sem dúvida nenhuma, é a herança (maldita) deixada por Ferdinando Teixeira.

Contratação de Robson não é prioridade no América

30/06/2009 às 16:46 por Marcos Lopes

Em processo de recuperação de uma lesão muscular o zagueiro Robson que recentemente estava no Ceará, treina no CT do América o que chegou a levantar a possibilidade da volta do zagueiro/capitão ao time rubro.

Não existe um prazo estabelecido para que Robson volte a ter condições de jogo e justamente esta situação que inviabiliza a sua possivel contratação.

O superintendente de  futebol do clube disse  ao blog que o nome de Robson neste momento não é prioridade, mas confirmou que o América está tentando a contratação de mais um zagueiro: "o Robson é um grande zagueiro mas que está em um processo de recuperação de uma cirurgia e não tem previsão de quando vai retornar aos gramados. Nós não estamos fechados para contratações mas o problema é que queremos contratar dentro da nossa realidade e sem fazer loucuras. Mais um zagueiro e um atacante podem ser contratados mas tudo dentro daquilo que estamos fazendo até agora".

Eleição no ABC será disputada

30/06/2009 às 13:48 por Marcos Lopes

Na homenagem prestada pela Assembléia Legislativa ao ABC pela passagem do aniversário do clube, a sucessão de Judas Tadeu no comando do alvinegro ganhou novos contornos.

O Deputado Poti Junior poderá ser guindado a condição de candidato da situação em uma manobra para evitar que a presidência fosse parar nas mãos da oposição, que tem o também Deputado José Adécio  como porta-voz e a bem da verdade, o único que assume abertamente esta condição: "não sou oposição ao Judas Tadeu" .  Ao blog, José Adécio afirmou: "discordo é da forma como ele vem administrando o ABC".

Ainda tem muito tempo até as definições sobre o processo eleitoral no ABC, mas diferente de pleitos passados, o deste ano promete um embate acirrado entre situação e oposição e creio que podem inclusive aparecer outros nomes para a sucessão de Judas Tadeu.

Com o atual colégio eleitoral, onde apenas os conselheiros votam é dificil uma vitória da oposição. O grupo que está trabalhando na elaboração de uma minuta para adequar o estatuto ao Código Civil defende de forma unânime a  necessidade da participação dos  sócios-torcedores no processo eleitoral. Estes sócios-torcedores   passariam a condição de sócios do clube  e civilmente teriam os mesmos direitos e deveres dos sócios contribuintes.  Atualmente o sócio-torcedor não tem direito ao voto. Na minuta para modernização do Estatuto, os proprietários de cadeiras cativas e de camarotes também serão guindados a condição de sócio com direito a voto.

Outra proposta que está sendo apresentada na minuta de modernização do Estatuto do ABC está a participação da chapa perdedora no Conselho Deliberativo, respeitando a devida proporcionalidade e criando – creio que cabe a comparação – uma espécie de parlamento, onde a minoria também participa das decisões do clube.

 

ABC: Vencer e torcer contra Juventude e Paraná

30/06/2009 às 13:23 por Marcos Lopes

Vencer o Ipatinga no Frasqueirão é fundamental para o ABC tentar sair da zona de rebaixamento.  Como o alvinegro está na décima oitava posição com apenas seis pontos, vai precisar ficar atento em outros dois resultados para saber se com uma vitória consegue respirar melhor na tabela de classificação.

Na sexta-feira, precisa torcer para que a Portuguesa que joga no Canindé bata – ou pelo menos empate –  o Paraná e deixe o tricolor estacionado nos atuais oito pontos. Sábado será a vez de torcer por uma vitória  ou empate, da Ponte Preta sobre o Juventude, para segurar o esmeraldino serrano com os atuais oito pontos.

16  Juventude-RS 8 pontos 8 jogos 2 vitórias 2 empates 4 drrotas 10 gols marcados 13 gols sofridos – déficit 3 33,3

17  Paraná-PR 8 pontos 8 jogos 2 vitórias 2 empates 4 derrotas 8 gols marcados 12 gols sofridos – déficit 4 33,3

18  ABC-RN 6  pontos 8 jogos 2 vitórias 0 empates 6 derrotas 4 gols marcados 15 gols sofridos –  déficit 11 25,0

 

 

Campinense tem pior retrospecto da Série B

30/06/2009 às 11:51 por Marcos Lopes

Sete derrotas em oito rodadas. Esta é a campanha do Campinense, que enfrenta o América, no próximo sábado, às 16h10min, no estádio Amigão, em Campina Grande. Com somente três pontos ganhos, a Raposa faz a pior campanha da história da Série B, desde que o torneio passou a ser disputado por pontos corridos. De lá pra cá, todos os times que eram lanternas na oitava rodada caíram.

Em 2006, o Vila Nova perdeu cinco dos primeiros oito jogos, terminando a oitava rodada com sete pontos. No ano seguinte, o Ituano ostentou seis pontos e seis derrotas nos primeiros oito jogos. Em 2008, o CRB tinha cinco pontos e cinco derrotas.

 

Futeboldaparaiba.

Série D terá 39 clubes

30/06/2009 às 08:30 por Marcos Lopes

A novidade na Série D é que ao invés de 40 clubes como pretendia a CBF, a competição será disputada com 39 participantes. O Acre não terá representante, pois os clubes não conseguiram recursos para mais uma disputa nacional. A vaga, por direito, era do Juventus – atual campeão -, mas o clube alegou falta de verba.

O regulamento do certame diz que somente poderão participar da competição os atletas que tenham sido registrados na CBF e cujos nomes constem no BID publicado até o último dia útil que anteceder a partida, sexta-feira que vem.

Até a quarta fase a CBF não exige capacidade mínima de público nos estádios, mas para as partidas das fases  semifinal e final os estádios deverão ter capacidade mínima de 10 mil espectadores sentados e iluminação.

A tabela oficial da Série D voce confere no link abaixo:

http://www.cbf.com.br/destaques/tabseried2009.pdf