Arquivos de julho, 2013

Governo estuda meios de garantir faixa mais barata de ingressos nos estádios

31/07/2013 às 21:10 por Marcos Lopes

Preocupado com o que considera uma elitização dos estádios, por conta da alta no preço dos ingressos, e o afastamento das camadas mais populares das partidas de futebol, o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, estuda meios de assegurar que uma faixa dos ingressos tenha preços mais convidativos para todas as classes.

No momento, o projeto do ministro não passa de uma ideia, mas ele sabe de onde vem a inspiração para uma ocupação ampla e democrática dos estádios brasileiros: ” Temos de tomar como exemplo aqueles lugares que obtiveram sucesso. No meu entender, o modelo alemão de ocupação dos estádios é um caminho que pode ser seguido”.

Na Alemanha, a reserva de ingressos populares nos estádios foi uma contrapartida exigida pelo governo para financiar obras em estádios que sediaram a Copa do Mundo-2006. Atualmente, o Campeonato Alemão é o que tem a maior média de público entre as principais ligas do mundo.

Em recente estudo publicado pela Pluri Consultoria, os bilhetes no Brasil foram classificados como os mais caros do planeta se considerados o valor médio do tíquete e a renda per capita anual dos países analisados pela pesquisa .

O assunto também é alvo de atenção por parte do secretário Nacional de Futebol e Defesa dos Direitos do Torcedor, Antônio Nascimento. Para Nascimento, o futebol não pode ter empecilhos para que siga o curso de esporte popular: “Não faz sentido o gestor do Maracanã (João Borba, em entrevista ao ‘O Globo’) comparar o estádio com Wimbledon. O grupo social do futebol é muito maior que o do tênis. As premissas do futebol passam por ingressos mais baratos”.

Com informações Lance

 

Estadual Sub-20: Globo e Baraúnas vencem, clássico fica no empate

31/07/2013 às 20:11 por Marcos Lopes

Hoje pelo returno do Estadual Sub-20, Alecrim x ABC, no Ninho do Periquito, empataram em 0x0.

No Barrettão, o Globo venceu o Palmeira por 4×1 com destaque para o atacante Romarinho – emprestado pelo ABC – e que marcou dois gols. Will e Pablo completaram o placar para o time de Ceará-Mirim. Daniel Mipibu marcou para o Palmeira.

O Baraúnas venceu o Atlético Potengi por 2×1, com gols de Renan para o time mossoroense. Alan fez o gol do CAP.

 

Netinho e Jerson deixam o América

31/07/2013 às 19:46 por Marcos Lopes

Depois de emprestar Jerson para o Luverdense, o América acertou nesta quarta-feira a rescisão de contrato com Netinho, jogador que passou um longo período no Departamento Médico.

Netinho não é um jogador diferenciado, é um jogador comum, nível técnico regular, mas  tem espaço na Série B. A grande jogada de Netinho é a bola parada.

Waldemar Lemos tem que parar de inventar

31/07/2013 às 16:01 por Marcos Lopes

Volto ao ABC que ontem perdeu para o São Caetano e no sábado enfrenta o Guaratinguetá no Ninho da Garça, com a obrigação de vencer os donos da casa.

Waldemar Lemos disse que no jogo do Anacleto Campanella, o time teve dois desfalques, o Bileu e o Wanderley, no que eu concordo no primeiro. Realmente  o volante fez falta, mas o que eu não entendo foi a decisão do treinador, que pelo fato de ter perdido um volante, mudar o esquema e o posicionamento do time. Não era mais simples colocar o Leandro Santos que é da posição e que nas vezes que entrou não comprometeu, embora não seja nenhum bam-bam-bam?

Waldemar não pode mais inventar, querer dar uma de professor Pardal com um time que já tem uma margem de manobras reduzida. Ele não encontrou a formação, mesmo que tenha deficiências no gol, na ala esquerda e na meia, além de não poder contar com nenhum dos atacantes de área?  Fazer o que ele fez em São Caetano foi um tremendo erro de cálculo.

E a respeito de não ter levado Bombinha e Jean Carioca, ouvi de um dirigente do clube, que Waldemar Lemos não está satisfeito com o desempenho dos dois jogadores nos treinos e por esta razão, eles não foram relacionados.

Rafael, Renato, Flávio Boaventura, Lino e Guto; Edson, Bileu, Diogo Barcelos, Tony; Erick Flores e Pingo, é na minha avaliação o que ele tem de melhor para enfrentar o Guará.

Waldemar Lemos só tem que parar de inventar.

 

Presidente do América diz que não tem data para assinar com OAS

31/07/2013 às 13:05 por Marcos Lopes

Alex Padang, presidente do América e o contrato com OAS: “Depois da autorização do CD a gente conseguiu a luva, conseguiu o aumento da luva mas tem dois itens no contrato do América que eu não concordo. Não tem prazo para assinar não, só vou assinar se for bom para o América. Um item a OAS  já  revisou e o outro item que eu não concordo é que a redação deixa alguma margem que pode ser mudada. Eu não tenho data marcada mas acredito que a necessidade que o América tem de jogar no Arena das Dunas é a mesma que o consórcio tem. Como qualquer negócio tem que ser bom para ambas as partes, quero tratar o Arena das Dunas como parceiro onde sempre fui bem tratado nestes dois anos de negociação e quero conseguir agora. O América tem pressa sim para assinar o contrato sim. Estou pensando nesta administração mas tenho que pensar também na administração que vem pela frente. Assumi sabendo que estava condenado a jogar dois anos fora de Natal, então agora vou esperar mais um pouco para assinar este contrato”

Árbitro desorientado reafirma que culpa foi do taxista

31/07/2013 às 09:50 por Marcos Lopes

Ainda na madrugada desta quarta-feira, o árbitro assistente João Gomes Jácone falou ao site Voz do Apito sobre o que aconteceu com ele, escalado para o jogo de ontem entre América x ASA em Ceará-Mirim ele foi parar em Goianinha. Afirma que a culpa foi do taxista.

“Vivo há anos na arbitragem e nunca antes algo assim me aconteceu. Infelizmente o taxista errou o estádio onde a partida estava marcada e por isso eu infelizmente não consegui chegar a tempo no jogo. Mas por respeito aos dirigentes que me confiaram essa escala, assumo o meu erro e estou disposto a pagar por ele. Peço publicamente desculpas a Comissão do meu estado e a Comissão Nacional, que com muito respeito me confiou essa escala. Tenho fé em Deus que terei uma nova oportunidade de representar a minha Federação dentro dos gramados ainda nesta temporada, pois me dedico todos os dias para conseguir uma chance como essa.  Amo a arbitragem, faço dela a minha segunda grande paixão, pois a primeira é a minha família. Por isso peço desculpas a todos que sabem das minhas qualidades por essa situação e digo aqui que não será este fato que me fará desanimar”.

Relembrando o caso: Escalado pela Comissão Nacional de Arbitragem para atuar como árbitro assistente no jogo entre América x ASA, ontem no  Barretão, em Ceará Mirim, João Gomes Jácome, diz que por culpa de um taxista, acabou indo parar no Estádio Nazarenão, na cidade de Goianinha, onde o América mandava seus jogos na série B do Campeonato Brasileiro.

O problema é que fica difícil acreditar  na versão de Jácome e explico:

1) Quando ele chegou em Natal, por volta das 10 horas da manhã,  o árbitro potiguar Carlos José designado pela CEAF e que recepcionou os árbitros do Pará que trabalharam no jogo fez contato com ele, convidando-o para almoçar.  Jácome recusou convite alegando estar em casa de familiares, na praia de Cotovelo.

2) Imaginando que o tal taxista não soubesse o local do jogo, como explicar que ele, Jácome não soubesse onde trabalhar se ao ser comunicado do sorteio, os árbitros recebem através de e-mail e mensagem no celular a data, hora, cidade, estado e o nome do estádio onde irão trabalhar.

3) Que o taxista não soubesse o local do jogo é aceitável, mas o árbitro alegar que não sabia?

América mudou a postura

31/07/2013 às 07:00 por Marcos Lopes

A vitória sobre o ASA deixou o América fora da zona de rebaixamento ontem por alguns minutos, mas ao final da rodada voltou para o z4, mas já com um pé fora dela. Fez na média um bom jogo ontem contra o time de Leandro Campos e precisa confirmar o serviço na próxima rodada contra o Boa.

Argel aos poucos vai ganhando uma “boa” dor de cabeça ali para o setor intermediário, onde ele tem o Almir, o Cascata que deve voltar no próximo compromisso, o Vinicius Pacheco e tem o Raí que ontem fez um bom jogo no Barrettão.

O América tem jogado o simples no futebol, a força na marcação e a velocidade na saída. E mudou a postura, nos dois últimos jogos foi um time “valente”, com vontade.

Série B: Olho nos números

31/07/2013 às 06:00 por Marcos Lopes
Pos Time Pts J V E D GP GC SG Probab. de
título
Probab. de
acesso
Probab. de
rebaixamento
1 Palmeiras 25 11 8 1 2 24 7 17 60.7 % 98.5 % quase 0 %
2 Chapecoense 23 10 7 2 1 24 11 13 32.1 % 95.1 % quase 0 %
3 Sport 21 11 7 0 4 20 17 3 1.3 % 38.7 % 0.05 %
4 Figueirense 19 11 6 1 4 23 18 5 3.1 % 58.7 % 0.02 %
5 Paraná 19 11 5 4 2 15 7 8 1.6 % 44.6 % 0.04 %
6 América MG 18 10 5 3 2 21 15 6 0.6 % 26.1 % 0.2 %
7 Joinville 17 11 5 2 4 21 14 7 0.4 % 21.6 % 0.3 %
8 Boa 16 11 4 4 3 11 14 -3 quase 0 % 0.1 % 28.7 %
9 Bragantino 15 11 4 3 4 11 10 1 quase 0 % 2.2 % 5.4 %
10 Oeste 15 11 4 3 4 12 16 -4 quase 0 % 0.7 % 13.7 %
11 Atlético GO 13 11 4 1 6 9 14 -5 0.07 % 8.0 % 1.5 %
12 ICASA 13 11 4 1 6 14 22 -8 quase 0 % 0.04 % 47.5 %
13 São Caetano 13 11 3 4 4 12 11 1 quase 0 % 0.8 % 12.3 %
14 Ceará 13 11 3 4 4 13 14 -1 0.01 % 2.1 % 6.5 %
15 Paysandu 12 11 3 3 5 14 17 -3 quase 0 % 0.8 % 14.8 %
16 Avaí 12 11 3 3 5 13 18 -5 quase 0 % 1.7 % 8.4 %
17 América RN 12 11 3 3 5 13 20 -7 quase 0 % quase 0 % 77.0 %
18 Guaratinguetá 11 11 3 2 6 14 19 -5 quase 0 % 0.08 % 38.6 %
19 ASA 10 11 3 1 7 9 19 -10 quase 0 % quase 0 % 77.6 %
20 ABC 6 11 1 3 7 8 18 -10 quase 0 % quase 0 % 67.4 %

ABC não reage e segue na lanterna

31/07/2013 às 04:59 por Marcos Lopes

Ontem depois da derrota para o São Caetano, Waldemar Lemos disse na Rádio Globo, que o time fez uma boa partida contra o São Caetano:  “Nós vamos continuar da maneira que está fazendo, trabalhando bastante com todos determinados naquilo que a gente pensa em termos de futuro, precisamos de um grupo coeso. Ontem a penalidade foi um marco no jogo, a gente fez uma boa partida contra o São Caetano. Os atletas sabem que são capazes, o talento existe. O time está tendo a inteligência do jogo e eu estou com pouco tempo para trabalhar, mas tenho um grupo forte”.

O grande problema é o distanciamento que o ABC está permitindo entre ele e o primeiro fora da zona de rebaixamento, o América. Já são seis pontos de diferença. Cada rodada sem pontuar aumenta o fosso e complica e muito a situação do ABC. Agora vais para 11ª rodada com mais um jogo fora de casa, com apenas seis pontos, uma vitória e três empates.

De forma bem objetiva, é preciso mostrar capacidade de reação prática. O desempenho tem sido bom – ontem só no segundo tempo – mas o resultado não acompanha. Waldemar que arrumou o time do ABC em jogos anteriores, ontem errou na armação inicial, demorou para mexer e penso que precisa explicar algumas opções, como a de não relacionar o Jean Carioca por exemplo. Ele pode não ser um meia excepcional, mas é da posição, é de origem, e ai o cara vai jogar a Copa Ecohouse? Não tem os principais homens de área, o Rodrigo Silva e o Gilcimar, e não leva o Bombinha? Bota o cara para jogar a Copa Ecohouse?

Agora,  também é fato que ABC precisa qualificar este elenco enquanto tem tempo para sair do fundo da zona de rebaixamento. O bom desempenho – ontem foi só no segundo tempo – só tem sentido se vier com vitórias, do contrário…

São Caetano 2 x ABC 1: Análise de Waldemar Lemos

30/07/2013 às 23:53 por Marcos Lopes

Depois de perder por 2×1 para o São Caetano, o técnico Waldemar Lemos avaliou assim o jogo e o resultado: ” Acho que no primeiro tempo o pênalti fez a diferença, mas o que você  viu aqui a gente vem fazendo em todos os jogos. A gente faz o adversário se encolher, tem transição boa e o time reage a cada partida”.