Pulseira eletrônica é a nova forma de fazer pagamentos na Ilha de Fernando de Noronha

fernando-de-noronha-4590866_1280

A partir de 15 de agosto, turistas que desembarcarem na Ilha de Fernando de Noronha (PE) vão poder fazer os pagamentos por meio de uma pulseira eletrônica, sem uso de internet. A novidade é uma iniciativa que tem apoio do governo local. O projeto, intitulado de “Um novo jeito de viver Noronha”, é de inclusão social, e veio para suprir uma necessidade da comunidade que sofre com a internet precária da região e, com isso, tem dificuldades de fomentar os negócios.

“Estamos muito felizes em conseguir levar inovação, tecnologia e praticidade para Noronha. Agora, tanto o turista, quanto a comunidade local, poderá contar com uma forma simples e segura para fazerem as transações, principalmente agora em tempos de pandemia, onde o contato ficou mais restrito”, diz Marina Araújo, CCO da Meep, empresa de tecnologia, especialista em experiência de consumo.

A novidade vai funcionar assim: os moradores e empresários que se cadastrarem no programa vão receber uma máquina e uma pulseira. Já os turistas que chegarem na Ilha, pelo aeroporto, ganham a pulseira e já podem começar a recarregar com créditos (via cartão, ou PiX), pelo site Sou Noronha ou, ainda, em pontos físicos espalhados pela ilha. Eles poderão usar a pulseira em diversos tipos de estabelecimentos participantes do programa: restaurantes, hotéis, pousadas, embarcações, táxis, ônibus etc.

As pulseiras terão 3 categorias e serão separadas por cores. A azul, por exemplo, será para turistas que desejarem adquirir a pulseira como lembrança e recarregar o valor desejado, além disso, ganharão brindes em restaurantes cadastrados. Já a preta, a recarga será a partir de R﹩ 10 mil e os turistas terão descontos exclusivos e acessos garantidos em alguns restaurantes. A pulseira roxa terá todos os benefícios da preta, porém é reservada a celebridades, artistas e influenciadores, uma espécie de “embaixadores da Ilha”. “Haverá também uma pulseira verde, de cunho ecológico e reutilizável, que terá que ser devolvida na saída. Os moradores, por sua vez, receberão uma pulseira de cor cinza, que não tem obrigatoriedade de recarga”, complementa Marina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.