O preço que se paga é alto

18/12/2012 às 00:26 por Pedro Neto

No dia de ontem o meia Juninho Pernambucano deu adeus ao Vasco da Gama.

O jogador que tem uma história com o clube carioca vai jogar nos Estados Unidos.

Desde o final da série A que Juninho negociava com a direção do clube.

O problema é que o Vasco da Gama deve três meses de salários. Décimo-terceiro. Além de não estar depositando o FGTS dos profissionais.

O interessante em tudo isso é que alguns torcedores ainda insistem em colocar a culpa do que acontece no clube em Roberto Dinamite.

Muitos esquecem que 66% da receita que entra no clube já está comprometida com ações trabalhistas e com as dívidas junto aos bancos.

Sendo assim, o atual presidente tem 34% da receita anual para trabalhar.

Enquanto isso, Eurico Miranda, que é o principal responsável por tudo que acontece no clube – fuma seu charuto e toma seu vinho em lugar do mundo.

Diariamente tenho dito que o preço que se paga é alto quando se contrata mal e se paga bem a quem não merece.

Entenderam?

Não?

Bom, então deixa pra lá!

O mestre disse: Quem se modera, raramente se perde. Confúcio

 

3 Comentários para “O preço que se paga é alto”

  1. VOCÊS FUNERAUTAS ESTÃO COLOCANDO TODA A CULPA EM FLÁVIO ANSELMO, E PELA ENTREVISTA DELE, A COISA NÃO É BEM ASSIM. O PRESIDENTE ESTÁ SE FAZENDO COMO NÃO SOUBESSE DE NADA, E NA VERDADE TODOS OS CONTRATOS ERAM ASSINADOS POR ELE, PORTANTO, NÃO ADIANTA ELE QUERER TIRAR O CORPO DE BANDA, ELE TAMBÉM TEM CULPA NESSE ROMBO TODO QUE ESTÁ AÍ. ELE NÃO SABIA DO CONTRATO DE DOIS ANOS COM O ATACANTE WASHINGTON POR 50 MIL REAIS ?

  2. brasil disse:

    criticador babão,lá vem você de nôvo se preocupando com ás coisas do ABC
    vai te preocupar em pagar tuas contas e teu timeco ás dele,ou será que ás
    galinhas fujonas não deve?vai da um rolé com max,talvez seja mais excitante.

  3. j. soares disse:

    VC KARA QUE SE INTITULA DE ” BRASIL” FALA MUITA BESTEIRA. NÃO MANCHE O NOME DO NOSSO PAÍS, MUDE O SEU NOME PARA QUEM SABE……..HUM …….SEI LÁ , CAFUNDÓ DO JUDAS , XUÍ.