Marmita cortada

15/09/2018 às 09:44 por Pedro Neto

Na última quinta-feira o Site Globo.com divulgou que, os funcionários do Fluminense não teriam o que comer, pois a empresa que fornece alimentação ao clube está a meses sem receber.

Para quem pagou, até recentemente, R$ 800 mil reais de salários ao atacante Fred, é um duro golpe.

Segundo os dirigentes do clube a situação já foi normalizada.

Cortar a marmita dos funcionários já é demais.

As pessoas adoram dar sermão. Afinal, falar é muito mais fácil que ajudar com uma ação.

Comments are closed.