Arquivos de janeiro, 2018

A análise dos dois técnicos

31/01/2018 às 21:31 por Pedro Neto

Ao término da partida os técnicos disseram o seguinte:

Luizinho Lopes “as expulsões foram ruins para nossa equipe. Estamos perdendo muitos jogadores por essas expulsões. Vamos ver se voltamos a jogar o mesmo futebol do ano passado. Nossa equipe tem deixado a desejar” finalizou Luizinho Lopes.

Ranielle Ribeiro “temos enaltecer e citar o belo trabalho do nosso ataque, pois a equipe do Globo marca muito bem. Se falava muito que este jogo era o jogo da reafirmação.  Não vejo assim, para mim foi o jogo da continuação, pois isso apenas provou que fizemos os primeiros 20 minutos contra o América muito bem. Estamos errando bem menos. Jogar no Frasqueirão nos favorece, pois é um campo rápido. Crédito a vitória aos nossos atletas que se entregam. Wallyson ainda está em processo de crescimento. Hoje eu cobrei dele a parte defensiva. Marque assim como todos os seus companheiros também marcam.  Ele está em processo de produção. A alteração que fiz sacando um meia e colocando um zagueiro é uma outra situação completamente diferente do último sábado. Fomos merecedores da vitoria” finalizou Luizinho Lopes.

ABC vence ao Globo pela Copa do Nordeste

31/01/2018 às 21:05 por Pedro Neto

O ABC venceu ao Globo por 2×0 pela Copa do Nordeste.

Foi um 1° tempo onde o ABC foi muito superior.

A partuda começou morna.

Mas, melhorou a partir do momento em que a equipe alvinegra marcou seu primeiro gol aos 25 minutos com Matheus, após boa jogada de Erivelton.

A equipe alvinegra passou a imprimir uma velocidade maior entrando algumas vezes na cara do goleiro Rafael que passou a ser bem mais exigido.

O ataque alvinegro,perdeu gols com Wallyson, Matheus, Erivelton e Fessin.

Já o Globo chegou pela primeira vez aos 39 minutos numa cabeçada de Gláucio.

Se a equipe alvinegra tivesse marcado o segundo ou até mesmo o terceiro gol não haveria exagero algum.

No intervalo Luizinho Lopes sacou Erick colocando em campo o atacante Vanger.

Com a equipe de Ceará-Mirim passou a jogar mais a frente.

Já a equipe alvinegra continuou melhor.

Ranielle Ribeiro então sacou Arês que saiu machucado colocando em campo Vitinho que mais uma vez entrou bem.

O zagueiro Jameson acabou expulso de campo após tomar o segundo cartão amarelo.

Ranielle Ribeiro então sacou Fessin colocando Samuel em campo já que Cleiton havia sido expulso de campo junto com Galhardo do Globo.

Aos 36 minutos numa saída de bola errada do goleiro Rafael o atacante Matheus marcou o seu segundo gol e o segundo gol do alvinegro.

Por fim, Ranielle Ribeiro sacou Erivelton colocando Higor Leite que pouco apareceu.

Vitória convincente da equipe alvinegra.

Sábado tem mais um ABC x Globo no Frasqueirão, só que agora pelo Campeonato Estadual.

América é eliminado da Copa do Brasil

31/01/2018 às 20:55 por Pedro Neto

O América foi surpreendido pelo Tubarão e acabou derrotado por 2×0.

Com este resultado a equipe foi eliminada da Copa do Brasil já na primeira rodada.

Com isso o clube perde uma boa receita que receberia passando de fase.

Como dinheiro não está fácil a perda dessa receita será sentida pela direção rubra.

Foi mais uma eliminaçãoeliminação da Copa do Brasil que torcida e direção não esperavam.

Agora é focar exclusivamente o Campeonato Estadual.

Pablo Ramon

30/01/2018 às 09:51 por Pedro Neto

Hostilizado nas redes sociais antes da partida do último sábado o árbitro, Pablo Ramon, calou a boca dos seus críticos ao realizar um boa arbitragem.

No meu entendimento errou uma vez ao não marcar um pênalti cometido pelo volante Robson (América) que segurou Tonhão (ABC) no 2° tempo quando a partida já estava 3×0.

O outro erro cometido não foi por Plano Ramon, mas sim pelo assistente que validou o terceiro gol do América marcado por Pardal, pois a TV mostrou que o atacante estava impedido.

Pablo Ramon foi mais uma vítima de alguns poucos que jogam para a torcida.

A conquista da liberdade é algo que faz tanta poeira, que por medo da bagunça, preferimos, normalmente, optar pela arrumação. (Carlos Drummond de Andrade)

 

Quanta violência

30/01/2018 às 09:49 por Pedro Neto

Recebi ontem do torcedor, Vicente Walter, um comentário no meu blog, sobre a violência sofrida após o clássico América 3 x 0 ABC.

Vicente relatou sobre às agressões (chutes e murros) que foram desferidas no seu carro em um semáforo por “torcedores” do América quando ele e seu irmão se encontravam indo para casa.

O carro estava parado, pois o sinal estava vermelho.

O motivo?

Os dois estavam com a camisa do ABC.

Felizmente não ocorreu agressão física a nenhum deles, porém o carro (Vicente me enviou fotos) ficou bastante danificado.

Não posso chamar isso de torcedores, pois realmente não são.

A felicidade às vezes é uma bênção – mas geralmente é uma conquista. (Paulo Coelho)

Jogou muito

30/01/2018 às 09:47 por Pedro Neto

O zagueiro do América, Thiago Sala, fez no último sábado a sua melhor partida jogando por um clube do RN.

Anteriormente o zagueiro havia defendido o ABC, contudo nunca fez uma grande partida com a camisa alvinegra.

No último sábado Thiago não perdeu uma só bola em 90 minutos.

E ainda salvou um gol em cima da linha em chute de Wallyson.

Thiago Sala teve seu grande momento atuando pelo Campinense em 2016 na Copa do Nordeste.

Que possa ganhar novamente confiança, pois em isso ocorrendo dará uma tranquilidade bem maior a torcida rubra.

O insucesso é apenas uma oportunidade para recomeçar com mais inteligência. (Henry Ford)

 

Fez uma boa partida

30/01/2018 às 09:45 por Pedro Neto

Para quem estava parado a um bom tempo, entendo que a estreia de Wallyson diante do seu torcedor pode ser considerada como boa.

Wallyson correu do primeiro ao último minuto da partida.

Digamos que cansou após os 30 minutos do 2º tempo.

A tendência é de crescimento com a titularidade nas próximas partidas.

Deu bons passes para seus companheiros.

E por muito pouco não marcou um gol em uma bola que Thiago Sala salvou em cima da linha.

Será muito útil a equipe alvinegra.

A persistência é o caminho do êxito. (Charles Chaplin)

 

A expulsão pesou

30/01/2018 às 09:43 por Pedro Neto

A expulsão do lateral Yan Peter teve peso na derrota do ABC.

Até então a equipe alvinegra era superior ao América.

Agora, após a expulsão e a marcação do gol de pênalti a situação mudou por completo.

Uma coisa é jogar em igualdade de condições a outra e jogar com um jogador a menos durante 70 minutos.

Se a equipe alvinegra ganharia a partida ou não é uma outra história.

Contudo, a equipe rubra soube tirar proveito da situação.

Não sou obrigado a vencer mas tenho o dever de ser verdadeiro. Não sou obrigado a ter sucesso mas tenho o dever de corresponder à luz que tenho. (Abraham Lincoln)

 

Absurdo

30/01/2018 às 09:39 por Pedro Neto

Mais uma vez alguns bandidos transvestidos de torcedores aprontaram dentro e fora do Arena das Dunas.

Já tive oportunidade de dizer várias vezes que sou totalmente favorável à clássico com torcida única.

Não vejo outra alternativa.

É preferível isso a vermos cada vez mais bandidos nos estádios e os torcedores de bem em casa.

E não adianta alguns diretores jogarem para a torcida dizendo que está tudo bem.

Que não tem violência.

Que a polícia garante.

A polícia tem feito muito mais do que pode, porém vem perdendo a guerra tem tempo.

Em todos os clássicos é sempre a mesma situação.

Tiros, fogos, pedras, entre outras coisas.

Um verdadeiro absurdo promovido por alguns bandidos.

A verdadeira motivação vem de realização, desenvolvimento pessoal, satisfação no trabalho e reconhecimento. (Frederick Herzberg)

 

 

Vem mal

30/01/2018 às 09:29 por Pedro Neto

A zaga alvinegra formada por Tonhão e Cleiton não vem jogando bem.

Não passa tranquilidade.

Tonhão quer sair jogando, coisa que ele não sabe fazer.

Já Cleiton é pesado e é facilmente batido pelos atacantes de velocidade.

Acredito que Ranielle Ribeiro tem no grupo um zagueiro que pode dar mais qualidade ao setor.

Falo de Samuel que apesar de não ser mais nenhum menino transmite muito mais tranquilidade que Cleiton.

Acredito que não demorará para que Ranielle Ribeiro faça mudanças no setor.

Toda ação humana, quer se torne positiva ou negativa, precisa depender de motivação. (Dalai Lama)