Arquivos de julho, 2018

Mauricio Maeterlinck

31/07/2018 às 09:37 por Pedro Neto

Encontrei na última semana com o ex-empresário de jogadores de futebol, Mauricio Maeterlinck.

Conversamos por alguns minutos e o ex-empresário, já não atua no ramo a algum tempo, me disse que estranhou a notícia vinculada por parte da mídia de que o Força e Luz havia recebido dinheiro por ocasião da venda de Matusalém para o Napoli/ITA.

Para os que não sabem Mauricio foi durante muitos anos o empresário que cuidou da carreira de Matusalém.

O ex-empresário me disse que participou das negociações e desconhece o recebimento de qualquer quantia ao clube potiguar.

“Que seja eterno enquanto fure”

Já não é mais o mesmo

31/07/2018 às 09:35 por Pedro Neto

O Atlético/AC já não é mais o mesmo.

Dá sinais de cansaço.

Se tivéssemos mais umas seis rodadas para a frente, dificilmente a equipe acreana chegaria entre os quatro primeiros.

Já são quatro jogos sem vitória.

Pior para o ABC, pois eu acreditava que o Atlético/AC chegaria para a sua última partida contra o alvinegro já garantido como o primeiro colocado do seu grupo.

E isso não vai ocorrer.

A equipe acreana ainda não está garantida como primeira ou a segunda colocada.

“Penso, logo…”

 

Fez feio

31/07/2018 às 09:13 por Pedro Neto

Quando todos os alvinegros esperavam uma forma diferente de jogar contra o Remo a equipe alvinegra sucumbiu ao até então lanterna da competição.

Jogando como se estivesse jogando contra a Seleção Francesa a equipe de Ranielle Ribeiro parecia uma criancinha diante de um dinossauro.

Foi uma das piores apresentações da equipe alvinegra na série C.

Com a derrota para o Remo dificilmente o ABC retornará ao G4. Fez feio a equipe alvinegra.

É como Doritos Nacho. Não tenho coragem de levar pra casa, mas se tiver numa festa eu como (Tati Bernardi)

 

Passou toda a competição sem alas

31/07/2018 às 09:13 por Pedro Neto

A equipe alvinegra passou toda a série C sem ter dois alas.

Arês e Igor deixaram muito a desejar.

Coincidentemente os dois acertaram apenas dois cruzamentos em toda a competição.

Arês em um jogo contra o Botafogo/PB quando Leandrão marcou ainda no 1º tempo de cabeça.

Já Igor foi na última partida contra o Remo quando Leandro Cearense por muito pouco não empatou a partida numa cabeçada.

É complicado.

Aprendi que a coragem não é a ausência do medo, mas o triunfo sobre ele. O homem corajoso não é aquele que não sente medo, mas o que conquista esse medo. (Nelson Mandela)  

Saiu do Z4

31/07/2018 às 09:09 por Pedro Neto

Com a vitória sobre o ABC a equipe do Clube do Remo saiu do Z4.

A equipe paraense passou grande parte da competição nas duas últimas posições.

E cá pra nós, a equipe do Remo é muito ruim.

Só que o ABC conseguiu ser pior, pois perder para o clube paraense é complicado.

O Remo agora vai para um confronto direto na próxima rodada contra o Salgueiro na cidade do mesmo nome.

Quem perder está praticamente morto.

Quem tem auto-estima tem muita coragem, se mete em tudo, não tem medo de errar. (Luiz Gasparetto)

 

Impressionam pela regularidade

31/07/2018 às 09:07 por Pedro Neto

Anderson Pedra e Felipe Guedes de fato fazem a diferença na equipe do ABC.

Os dois volante são titulares da equipe desde o ano de 2016.

Me impressionam pela regularidade.

Principalmente Felipe Guedes.

Anderson Pedra quando não está bem fisicamente cai um pouco de produção.

Até porque já não é mais nenhum garotinho.

Contudo, ainda é disparado o melhor volante do elenco.

Eles pensaram que eu tinha coragem, mas eles perceberam tudo errado. Eu só estava com medo das coisas mais importantes. (Charles Bukowski)

 

Ficou difícil de chegar

31/07/2018 às 09:05 por Pedro Neto

Com o gol que tomou aos 48 minutos do 2º tempo contra o Náutico o Globo deixou escapar a oportunidade de ficar bem próximo de uma vaga para a próxima fase da competição.

Ainda dá, mas tem ocorrer várias combinações.

Agora a equipe tem que continuar acreditando.

Se chegará ou não é outra história.

Acredito que a equipe de Higor Cezar foi castigada nesta última partida contra o Náutico, pois fez uma grande partida, porém não conseguiu segurar a vitória.

Contudo, caso em se mantenha na série C em 2019 a equipe de Ceará-Mirim ganhará ainda mais experiência.

Coragem, às vezes, é desapego. É parar de se esticar em vão, para trazer a linha de volta. É aceitar doer inteiro até florir de novo. (Caio Fernando Abreu)

 

Um tiro no pé

31/07/2018 às 09:03 por Pedro Neto

A propaganda apresentada por Neymar no último domingo foi um verdadeiro tiro no pé.

No meu entendimento Neymar deveria era ter dado uma “mergulhada”.

Sumir por um tempo.

Deixar de ser estrela seja lá do que for.

Neymar vem sendo motivo de chacota no mundo inteiro.

Não se fala em outra coisa nas redes sociais a não ser da propaganda do atacante do PSG.

Dentro de campo Neymar está entre os três melhores jogadores do mundo, contudo seus assessores de comunicação deixam muito a desejar.

É preciso coragem para levantar-se e falar, mas também é preciso coragem para sentar-se e ouvir. (Winston Churchill)

 

É quem terá o caminho mais difícil

31/07/2018 às 08:58 por Pedro Neto

Dos três clubes que ainda brigam pelas duas últimas vagas do grupo do A da série C o ABC é o que terá o caminho mais difícil.

A equipe alvinegra enfrentará o Náutico (F) e por último o Atlético/AC (C).

Já o Santa Cruz terá o Juazeirense (C) e por último o Salgueiro (F).

Já o Botafogo/PB enfrentará o Globo (F) na próxima rodada e encerrando a competição jogará em casa.

A coragem cresce com a ocasião. (William Shakespeare)

 

Vai começar o Campeonato Potiguar Sub-17 promovido pela FNF

31/07/2018 às 04:49 por Pedro Neto

No dia 07.08.18 ocorrerá o Conselho Técnico do Campeonato Potiguar Sub-17 Loterias Caixa.

A FNF convoca todos os clubes filiados interessados em participar da competição.

A reunião será realizada na sede da FNF às 14h00.

Na realidade o que irá se discutir na reunião do Conselho Técnico são os detalhes, tipo tabela, regulamento, número de jogadores inscritos, quantidade de clubes, arbitragem, entre outras coisas menos relevantes.

É a FNF dando oportunidades dos clubes lançarem novos jogadores no mercado.

O gosto de minha morte na boca deu-me perspectiva e coragem. O importante é a coragem de ser eu mesmo. (Friedrich Nietzsche)