Normalmente, o merengue é feito com açúcar e claras. Mas se engana quem pensa que basta colocar tudo na batedeira para que ele fique pronto, pois há diferentes métodos no momento de preparar esse creme.

Aqui ensino qual a diferença entre os tipos de merengue e as técnicas adequadas para fazê-los. Dessa forma, você pode usá-lo para servir como base de tortas e outras diversas sobremesas.

Confira:

  • Francês: É o tipo de merengue mais simples, de textura leve, usado para decorar e dar forma a bolos, por exemplo. Use 115 g de açúcar para 2 claras. Avelãs também podem ser adicionadas.
  • Italiano: Merengue de textura firme, porém aveludada, feito com uma calda caramelada de açúcar que “cozinha” as claras; usado em sobremesas que não vão ao fogo, como mousses geladas, suflês e sorvetes. Ele mantém bem a forma, por isso é ideal para confeitar bolos e tortas. Para 400 g de merengue italiano, faça uma calda caramelada usando 250 g de açúcar e 60 ml de água, aqueça até levantar pequenas bolhas (118 °C) e misture em 5 claras batidas em neve bem firmes.
  • Suíço: Fica bem mais firme do que o tipo francês. Use para confeitar bolos e tortas e para outros efeitos decorativos. Utilize 125 g de açúcar para duas claras.

Comentários do Facebook

Deixe um comentário