D49DE2DB-278F-4B2D-BEB4-1477A2C40BEC


Comunidade autônoma espanhola, a Galícia tem 2,7 milhões de habitantes e um grande desafio.

Manter viva a língua que confere a identidade regional.

Para os nordestinos do Brasil, galego é qualquer pessoa de pele clara e cabelos lisos, aloirados.

Já é tempo de descobrir a Galícia.

Para o turista que havia programado a visita ao Guggenheim Bilbaoapenas pela arquitetura de Frank Gehry, não poderia haver surpresa maior.

Um enorme cartaz anunciando entre várias exposições simultâneas, a retrospectiva Yoko Ono, Half-a-Wind Show.

No burburinho do hall de entrada, o tamanho da Babel podia ser medido pela variedade de folhetos informativos, guias para ninguém se perder nos labirintos, nem deixar de entender o que os artistas apresentavam.

A excitação da descoberta inesperada e a pressa, só acalmadas no terceiro salão, provocaram o pequeno equívoco.

O guia, recolhido no escaninho, era cheio de erros gráficos. Mas dava pro gasto.

Mais fácil de entender que o Espanhol e mais preguiçoso que em Inglês.

Num intervalo para respirar na longa viagem que havia começado  em Tóquio, em 1933, e ainda teria muitas paradas pela frente, até depois do Dakota, a segunda grande descoberta.

Aquelas informações perfeitamente entendidas eram em galego.

O idioma espremido entre o Castelhano e o Português,  sufocado e proibido pela ditadura de Franco, à semelhança do Catalão, resiste.

Com as mesmas normas ortográficas,  é conhecido como o Português da Galiza ou o Codialecto Galego do Português.

Com uma leve diferença no alfabeto. As ausências das letras J e Ç (permitida nos estrangeirismos, junto com as exóticas K, W e Y) e substituída pelo X e  Z.

AC8C4CBF-B348-40DD-B31F-BE9AA93A2584O reintegralismo galego está ameaçado pelo desinteresse dos jovens em falar a língua regional.

Xa são minoria, na população de menos de 40 anos, as pessoas cujos pais e mães que  falaram só ou majoritariamente em galego.

Apenas 30% dos menores de 15 anos.

O parlamento da região autônoma espanhola, há cinco anos, aprovou lei que obriga o governo da Galícia a incorporar progressivamente a aprendizagem do Português em todos os níveis de ensino, a reconhecer o seu domínio como um mérito especial para acesso à função pública e a tomar medidas para  a recepção em território galego, das televisões e rádios portuguesas.

___________________________________

Assista ao vídeo, falado em Galego.

Você vai entender, em 2 minutos.

___________________________________

YouTube

2A082900-5FED-477D-8B85-B39B5C348E9B

Mulheres de Galiza na Janela (1660)- Bartolomé Esteban Murillo – Galeria Nacional de Arte, Washington DC

DDD1A3AE-BF9D-4286-9363-E6ACF22C9849

Meninos no Jogo de Dados (1680)- Bartolomé Esteban Murillo – Coleções de pinturas do Estado da Baviera, Alemanha

27850803-9409-4A33-A502-FBE6C4A2FF7F

O Pobre Menino Negro (1670)-Bartolomé Esteban Murillo – Dulwich Picture Gallery, Londres

22E0B2D5-DCEB-49B1-A18D-18F6DE6F62D3

Imaculada Conceição dos Veneráveis (1678) – Bartolomé Esteban Murillo – Museu do Prado, Madri


(Partes deste texto foram postadas em 14/10/2019)

Comentários do Site

  1. Maria das Graças de Menezes Venâncio
    Responder

    Fiz uma imersão. Na verdade uma viagem de lazer e um curso de Planificação Turística. Trouxe um dos quadros para a casa do meu pai. Minha mãe jogou fora pque deu cupim na moldura. Gostei da Espanha.

  2. Maria das Graças de Menezes Venâncio
    Responder

    Na verdade errei na minha localização. Estive na região de Andaluzia. Fronteira com a África espanhola. Celta e de lá a Marrocos mesmo.

Deixe um comentário