ACM Neto é favorito ao Governo da Bahia, mas quando cita Lula …

WhatsApp-Image-2021-04-28-at-09.10.16-1000x530 A coisa muda de figura. O dado está na Veja que chega às bancas nesta sexta-feira e confirma algumas análises que este Território Livre vem fazendo nos últimos meses. Não é torcida ou desejo, mas dados postos que resultados das urnas e pesquisas apontam desde 2010 em relação ao poder de influência do Lulismo no voto ao Governo dos estados do Nordeste.

Embora mantenha a dianteira nas intenções de voto para a eleição para o governo da Bahia em 2022, o ex-prefeito de Salvador ACM Neto (DEM) pode encontrar um cenário mais apertado com uma variável na  disputa: a presença do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na campanha de seu adversário, Jaques Wagner (PT), no ano que vem. É o que mostra levantamento do instituo Paraná Pesquisas divulgada.

Em dois cenários apresentados aos entrevistados, ACM Neto lidera com folga, com mais que o dobro das intenções de voto de seu principal concorrente, o ex-governador Jaques Wagner.

Embora tenha sido  reeleito e feito seu sucessor, Rui Costa, o petista amplia suas chances e encosta no candidato do DEM quando seu nome é associado ao de Lula.

O instituto mediu a popularidade do governador Rui Costa (PT), que apoiará Wagner à sua sucessão: 50,9% dos baianos consideram a administração petista ótima ou boa; 27,1% a considera regular e 20,3% a…

Em relação ao presidente Jair Bolsonaro a situação é o contrário: 22,9% consideram o governo federal ótimo ou bom; 20% acham regular; 56% classificam a administração do capitão ruim ou péssima  1,2 não sabe/não opinou. Desaprovam o governo Bolsonaro 62,7%, aprovam, 32,7%  e 4,6% não sabe/não opinou.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.