download

O processo aberto contra o desembargador federal Francisco Barros, 67 anos, acusado de vender sentenças no Tribunal Regional Federal da 5ª Região, a partir do depoimento de um réu confesso, aceito pelos procuradores Ronaldo Chaves Fernandes, Cibele Guedes da Fonseca, Fernando Rocha, Renan Félix, Rodrigo Telles, Marina Vasconcelos e Victor Mariz, que o levou à prisão, entra na fase da Alegações Finais e está próximo do julgamento.

Baseado no depoimento desse alcaguete, o feito chega ao fim com a denúncia ratificada pelo procurador Rodrigo Telles, que insiste na condenação de Barros, condenando implicitamente a própria Corte de Justiça.

Deixe um comentário