image

Segundo a imprensa do Goiás, o Governador Ronaldo Caiado já não integra mais a base aliada do Presidente Jair Bolsonaro.

A notícia é bombástica por diversos ângulos. Pelo peso que sua seriedade e correção dava ao Palácio do Planalto e, por outro lado, a indicação do próprio Ministro da Saúde, Henrique Mandetta.

“Fui aliado de primeira hora, durante todo o tempo. Mas não posso admitir que venha agora um presidente lavar as mãos e responsabilizar outras pessoas por uma eventual colapso. Não faz parte da postura de governante. 

Caiado disse que só falará com Bolsonaro por comunicados oficiais.

Disse que o discurso dele é “desrespeitoso e irresponsável”. E citou Obama: “na política e na vida, a ignorância não é uma virtude”.

Caiado também criticou empresários que só pensam em perdas e lucros.

“Conversei longamente com minha consciência. Será que o mundo todo está errado, a comunidade científica inteira? Tomo decisões médicas. Me causa indignação”. 

Caiado era o Governador mais próximo ao Presidente.

Comentários do Site

Deixe um comentário