Cem dias depois da estreia, a CNN Brasil considera uma grande vitória o que realizou até aqui.

Para além da complexidade de colocar um canal de notícias 24 horas no ar, a franquia brasileira da CNN americana estreou sob o impacto da pandemia de coronavírus e de crise política no país.

Segundo o CEO Douglas Tavolaro, em entrevista ao UOL, a estreia do canal, em 15 de março, que vinha sendo preparada há um ano, já seria bem complexa pelo conjunto das ações operacionais, de programação e de conteúdo que tinham de serem executadas, contudo, fazer tudo isso junto a uma pandemia, com todas as dificuldades de cobertura e num cenário político turbulento, foi um super desafio.

Tavolaro afirmou: “ – Ter colocado o canal de pé, há 100 dias, neste contexto todo é uma grande vitória do time que está aqui, com todos os ajustes que precisam ser feitos, o que é natural num projeto com tão pouco tempo de vida. Na nossa análise, o balanço é muito positivo.

O executivo classificou como a maior conquista do canal um dado sobre o perfil do público recebido pelo Kantar Ibope. Em junho, até o dia 25, 80% dos espectadores da CNN Brasil foram das classes A e B. Sua principal concorrente, a GloboNews, registrou 75% de espectadores com este perfil, enquanto BandNews teve 61% e RecordNews, 55%.

 

Douglas Tavolaro, CEO da CNN Brasil

Douglas Tavolaro, CEO da CNN Brasil

439c364a-5d6e-404e-8f51-e248465fcb42-4

Deixe um comentário