0

O Conselho Regional de Educação Física e o Conselho Regional de Nutricionistas estão unidos contra o exercício ilegal da profissão no Rio Grande do Norte.

Hoje apresentaram denúncia, que promete ser a primeira de muitas outras,  solicitando a abertura de inquérito contra um pseudo profissionais, que prometem ações milagrosas através de pacotes de treinos com dietas fornecidos pela internet.

Semana passada, O Conselho de Educação Física divulgou o resultado da fiscalização do exercício ilegal da profissão na internet, que encontrou mais de 100 pessoas atuando ilegalmente.

Exercer ilegalmente uma profissão regulamentada é considerado contravenção penal, punido com multa ou até de prisão de 15 dias a 3 meses.

Deixe um comentário