unnamed

A deputada federal Natália Bonavides (PT/RN) entrou com uma “Notícia de Fato” no Ministério Público Federal (MPF) para apurar se o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, exerceu ilegalmente a medicina por meio do aplicativo TrateCov.

Segundo a deputada do RN,  o aplicativo receita  o “kit Covid”composto por hidroxicloroquina, ivermectina e azitromicina.

“Apresentei essa representação no MPF para que o aplicativo TrateCOV seja suspenso e os responsáveis punidos! Todos os indícios são de que não passa de um “aplicativo fake” para receitar Cloroquina.

É mais um crime deste governo contra a saúde pública”, disse Bonavides.

A ferramenta é destinada para médicos, mas está aberta para uso por qualquer pessoa, sem exigência de cadastro ou comprovação de vínculo com algum conselho profissional.

Se a representação for acolhida pelo MPF, haverá a abertura de inquérito para apuração dos fatos e a provável punição dos envolvidos.

Comentários do Site

  1. Célia Santos
    Responder

    Essa tal deputada acha que é apenas para ficar fazendo picuinhas e/ou faz de contas que está trabalhando que ela foi eleita???
    Temos tantos assuntos com relevância para serem de fato resolvidos e todo(a)s que foram eleito(a)s cumprirem seus mandatos exercendo o que seus cargos exigem de cada um(a) dele(a)s ?!
    Exma Sra Deputada, vá trabalhar!!!

  2. Arinaldo Maia
    Responder

    Foi eleita só para fazer isso? Devia ter se formado em direito e feito concurso para o Ministério Público! Tudo dessa deputada e denúncia. Deputada o povo precisa mais do que isso. EITA QUE VOTO TERRÍVEL FOI ESSE MEU. CARGAS D’AGUA TER SAÍDO DA MINHA CASA PARA VOTAR NELA. MAS O CHORO É LIVRE. NA PRÓXIMA ESPERO QUE ACERTE VONTANDO EM ALGUÉM QUE REALMENTE TRABALHE.

  3. Rogério
    Responder

    Essa é daquela turma do quanto pior melhor, são pessoas com rancor que não aceitam até hoje a derrota nas urnas. É por isso que a Democracia não amadurece nunca no nosso país, pessoas como essa deveriam ser expurgada da política. Somente atrapalha o judiciário, o executivo. E vai falar que elas NÃO tem razão.

  4. Arinaldo Maia
    Responder

    Saudades de bons deputados como o Dr. Ney lopes, ali sim era atuante.Basta comparar o seu legado!

Deixe um comentário