Fábio Dantas contava com PP no palanque, mas Beto Rosado descarta apoio

Quando lançou sua pré-candidatura ao Governo do RN em 19 de abril, o ex-vice-governador Fábio Dantas (SDD) disse que naquele dia ainda não contaria com alguns apoios, mas que em breve anunciaria partidos como PSDB, PTB, PSC e PP.

Hoje, mais de 30  dias depois do anúncio, algumas perspectivas começam a ser desmanchadas.

É o caso do PP do deputado federal Beto Rosado que disse com todas as letras à Tribuna do Norte deste sábado: não vai apoiar Dantas:

Não. Já estive conversando com Fábio Dantas. Ele é um político com quem tenho uma boa relação no Rio Grande do Norte. Mas o partido que ele representa, o Solidariedade, não é amistoso para com os Progressistas. Não tenho incentivo a  apoiar um projeto do Solidariedade no Rio Grande do Norte.

Por questões locais em Mossoró?

Locais e estaduais. Toda representação do Solidariedade no Rio Grande do Norte, na minha ideia, não representa os pensamentos progressistas que eu tenho para o Estado e também tem uma questão política local, de Mossoró, que ainda agrava muito mais a situação.

Sim, as questões são locais.

O que é bom para o prefeito de Mossoró, Allysson Bezerra (SDD), não é bom para o grupo de Beto Rosado (PP) e vice-versa.

O detalhe é que o prefeito do partido de Fábio Dantas ainda não declarou apoio a ele. E a expectativa é que nem o faça.

A Política do Umbigo continua sendo a lei universal para as escolhas do Rio Grande do Norte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.