54104630_303

Da Folha 

A aviação civil registrou em maio deste ano uma leve retomada no número de partidas diárias de voos domésticos no Brasil.

Neste mês, a média de decolagens de viagens com destinos no território nacional foi de 1.041 voos, um aumento de quase 22% em relação ao total de abril deste ano.

A alta é a segunda consecutiva desde março e também representa 43,4% da média de partidas diárias de março de 2020, mês em que a epidemia teve início no Brasil e deu sequência a um período de redução nas viagens.

O pico de alta de partidas diárias foi em janeiro de 2021, com média de 1.798 voos (74,9% do que foi registrado em março do ano passado).

O presidente da Abear (Associação Brasileira das Empresas Aéreas), Eduardo Sanovicz, atribuiu o pequeno crescimento à imunização contra a Covid-19.

“Claramente são os primeiros reflexos da vacinação, que chegou a quase 38 milhões de brasileiros. A nossa perspectiva é crescer na medida em que a vacinação se torne massiva”, diz ele.

“Abril [de 2020] pode ter sido o fundo do poço [com 163 partidas, menor índice da série].”

Deixe um comentário