Justica-Eleitoral-I-780x520

Apesar de apenas Natal ter eleitorado que justifique 2º turno no Rio Grande do Norte, ninguém se surpreenda com a notícia de pleitos do dia 15 de novembro serem alvo de um 3º turno na Justiça Eleitoral.

É que a pouca diferença em algumas vitórias somados a material de prova que justifique abuso de poder econômico e/ou compra de votos resultaria em  judicialização das eleições.

Inclusive com possibilidade das eleições e convocação de novas. É esperar…

Deixe um comentário