pesquisa

Confederação Nacional do Trabalho (CNT) divulgou nesta terça-feira (12/05) a pesquisa de satisfação do governo de Jair Bolsonaro.

Esse gráfico  mostra como a aprovação do desempenho pessoal de Bolsonaro vem CAINDO desde o início do seu governo, no ano passado. Desde então, a aprovação caiu de 57% para 39% e a desaprovação quase dobrou. De 28% para 55%. 

Para 43,4% dos entrevistados, a atual gestão é ruim ou péssima. Enquanto isso, 32% deram parecer positivo (ótimo/bom) para o Executivo em meio à pandemia de coronavírus.

De acordo com o levantamento, 22,9% dos entrevistados consideram o atual governo regular .

Na última pesquisa feita pela confederação, em janeiro deste ano – quando a crise de Covid-19 ainda não estava instaurada no país – Bolsonaro teve aprovação de 34,5% dos entrevistados, enquanto 32,1% julgaram a atuação do presidente regular e 31% ruim ou péssima.

Em relação à atuação pessoal de Bolsonaro, 55,4% desaprovam as medidas tomadas pelo presidente.

Para apenas 39,2%, o empenho do chefe do Executivo foi satisfatório. Os números tiveram uma drástica mudança, desde a última pesquisa. Na época, a aprovação do militar da reserva era maior que a reprovação.

Foram feitas 2.002 entrevistas por telefone, de 7 a 10 de maio, com moradores de 494 municípios de 25 unidades da Federação. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais.

Veja os números:

Governo de Jair Bolsonaro
Avaliação positiva (ótimo/bom): 32%
Avaliação regular: 22,9%
Avaliação negativa (ruim/péssimo): 43,4%
Não souberam opinar ou não responderam: 1,7%

Desempenho pessoal do presidente
Aprovação: 39,2%
Desaprovação: 55,4%
Não souberam opinar ou não responderam: 5,4%

Comentários do Facebook

Deixe um comentário