Policia da Bahia vai monitorar festas de fim de ano por redes sociais

festa 1

Por Mônica Bergamo na Folha 

Mesmo com a proibição de festas de fim de ano por precaução contra a Covid-19, o Governo da Bahia está preocupado que eventos de confraternização com aglomeração ocorram no Réveillon.

A Polícia Civil baiana está monitorando perfis de redes sociais e sites de estabelecimentos com potencial para a realização de tais encontros para, se necessário, atuar no impedimento dos mesmos.

A Bahia vive uma segunda onda da epidemia. O estado tinha até sexta (18) cerca de 12,1 mil casos ativos da doença, com tendência de alta. A ocupação dos leitos públicos de UTI adulto chegou a 75%.

No começo do mês, o governador Rui Costa (PT) chegou a afirmar que a Polícia Militar faria bloqueio de entrada de estabelecimentos comerciais que descumprissem a determinação de não realizar festas de Ano-Novo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.