Alguém já teve a oportunidade de conhecer o grande quebra mar de pedras da Redinha, do qual se chega à “Pedra da Boca”, canal onde os navios entram para o Porto de Natal?

Se não teve, vale muito o passeio. É coisa que se tivesse numa cidadezinha europeia seria muito bem explorado. Tem uma extensão enorme, ideal para passeios turísticos, atividades físicas, projetos culturais e artísticos.

Além disso poderia muito bem ser um local onde ser teria a venda de água de coco e ginga com tapioca, para serem saboreadas contemplando-se a vista do mar.

De lá também se vê de perto o Forte dos Reis Magos.

Entretanto, está abandonado pelo poder público. Está sujo, sem manutenção, sem limpeza, com alguns buracos nas laterais.

Policiamento até se vê, pois vi dois carros da ronda. Se isso fosse aliado por uma gestão eficiente, seria uma grande oportunidade turística que traria divisas para a Redinha.

Aproveitando, outra coisa que poderia também melhorar a orla da praia seria a retirada do banheiro público. Imundo, também sem limpeza e manutenção, é um rio de urina que se estende pela calçada para a rua. E as casas que ficam em frente, com a de Zulema Rocha & Filhos, sofrem com o constante odor. Além do que tira a total ventilação e visão da praia.

Digo isso com propriedade, pois sou assíduo da família e tudo que estou dizendo foi captado in loco na tarde de sábado passado.

Siim, não poderia deixar de comentar a obra da Igreja antiga de pedra. Lamentável a obra da ampliação da mesma, feita não pelas autoridades públicas competentes, mas de forma particular a quem lhe interessava.

A Redinha tem um grande potencial e representa inúmeras oportunidades pra cidade. Falta somente gestão e ação.

Foto ilustrativa via web

Foto ilustrativa via web

439c364a-5d6e-404e-8f51-e248465fcb42

Comentários do Site

  1. observanatal
    Responder

    É bem bonito, mas falta cuidado do poder público e da população.

    Aqui não sabemos valorizar o que temos.

    • Bebeto Torres
      Responder

      É bonito e “uma boa ideia” Observanatal.
      Se fosse em qualquer cidade de primeiro mundo, seria um point bem estruturado e bem explorado turisticamente.
      Aqui, nem o poder público nem a população valoriza.
      Boa semana!

      • observanatal
        Responder

        Já viu embarcação passando no quebra mar? Parece que podemos tocar.

        O nosso problema é mentalidade pobre. Espero que leiam você e aprendam.

        • Bebeto Torres
          Responder

          Ainda não vi, mas acredito que deve ser um espetáculo. Inclusive, isso é um mote pra um chamariz turístico: ver o espetáculo das grandes embarcações entrando na Pedra da Boca.
          Obrigado Observanatal!!

Deixe um comentário