Em plena crise, e por dizer a verdade doa a quem doer, o Secretário da Saúde de Natal George Antunes tem seu destino incerto na Prefeitura de Natal.

Hoje cedo, em entrevista ao Bom Dia RN, Antunes disse o que é duro ouvir; a tragédia anunciada ainda está por vir.

Falou na super lotação dos hospitais do Estado – públicos e privados – nas dificuldades de reverter a crise, caso o isolamento social não seja prioridade no Rio Grande do Norte.

As declarações não agradaram às classes produtoras que só pensam em flexibilizar a abertura do comércio.

E aumentaram a pressão no Prefeito Álvaro Dias, que até hoje vinha dando carta branca ao seu Secretário de Saúde, sobre quem sempre disse confiar a apoiar inteiramente.

Por dizer a dolorosa verdade, George Antunes pode ter seu momento de Mandetta; sair por dizer e querer fazer a coisa certa.

 

Comentários do Facebook

Comentários do Site

  1. observanatal
    Responder

    Nossa classe produtiva acha que já faz muito com os empregos. Sugam o que podem do poder público, exploram os trabalhadores sem limites e querem apitar. Apitam porque dão cabimento.
    Vou dar um exemplo: Flávio Rocha, que é grande, tem empresa produzindo na China. Acho que ele não desobedeceu as ordens lá e nem sugeriu aos comandantes abertura do comércio e das fábricas.

  2. Amarisio
    Responder

    Parabéns .dr .George..pó fala a verdade o poblema que os políticos nao Gastão da verdade meu amigo ..

  3. Silvino nunes lisboa
    Responder

    Isso mesmo.A atitude do mesmo empresariado é diferente em outros países.Mas no Brasil eles já estão acostumados a escravizar a população e,agora querem exterminar de vez, pricipalmente idosos e doentes,pois estes não lhe servem mais.

  4. Ana lucia de melo
    Responder

    Parabéns Dr. George Antunes por ser tão verdadeiro, só falou verdades.
    Todo meu respeito.

Deixe um comentário