unnamed

Faz sete dias que a vereadora Nina Souza (PDT) anunciou que estava fora da liderança do prefeito Álvaro Dias na Câmara de Natal.

De lá para cá, alguns nomes surgiram como possíveis substitutos e … nada de concreto.

Há quem veja no silêncio uma possibilidade de retorno de Nina para função.

Fato é que, às vésperas da votação do Plano Diretor de Natal, Dias precisa de um líder pacificador e com trânsito entre a Prefeitura e a Mesa Diretora da Casa.

Leia-se , o presidente Paulinho Freire (PSDB).

Comentários do Site

  1. observanatal
    Responder

    Nina Souza pediu para sair, achando que iria pressionar o prefeito, que a surpreendeu aceitando a saída dela.

    Agora se vê um movimento dos outros vereadores dizendo que ela é a melhor do mundo na função de líder. Já houve movimento parecido quando Júlio Protásio era líder de Carlos Eduardo, mas Carlos Eduardo foi adular o então líder. Ou seja, entre Nina e Júlio não há muita diferença. A diferença é o castigo que Álvaro Dias aplica.

    Depois do caso da jornalista na Câmara Municipal, com as mulheres do agosto lilás mudas, incluindo a líder do prefeito, essa Câmara Municipal só demonstra que há muito pavão, pouco compromisso com Natal e bajulação com quem negocia espaços para eles.

    Como seria bom sabermos como funciona essas relações na vida real, não na hipocrisia que assistimos.

Deixe uma resposta para observanatal Cancelar resposta