download (3)A entrevista do professor Sidarta Ribeiro, do Instituto do Cérebro da UFRN, fez tanto sucesso que teve repeteco, hoje, na Globo News, da sua entrevista a Pedro Bial.

Ele falou sobre o seu último livro. “Oráculo da Noite”, que havia sido lançado no Festival de Parati.

Em tempo: em quase uma hora de programa ninguém falou em canabbis. Ou em maconha. Sidarta é destacado estudioso no uso medicinal da erva. Os sonhos tratados eram de outra origem….

SONHOS & DROGAS

Bial comentou sobre dados do Sindicato da Indústria de produtos Farmacêuticos que apontam que por ano, são vendidos 63 milhões de caixas de medicamentos para transtorno do sono. O neurocientista falou sobre os danos desses hábitos:

“Atrapalham os sonhos. Existem remédios para dormir que são mais benignos, por exemplo, a melatonina, porque a melatonina é produzida pelo próprio cérebro. Agora os remédios hipnóticos, são remédios que produzem simulacro de sono, eles dão uma desligada no cérebro. Não é um sono reparador, bom para a memória, você acorda pronto para tudo, é o contrário, vou usar um termo meio pesado, mas tem algo de coma aquilo ali”.

“Acho que estamos vivendo uma epidemia de drogas no Brasil sim, mas de drogas lícitas, vendidas em farmácia e as pessoas estão utilizando drogas para acordar, dormir, fazer sexo, para tudo, então, estão substituindo a nossa farmácia interna por uma série de substâncias e nós não funcionamos assim. Uma hora você começa a ter um prejuízo”.

 

Comentários do Site

Deixe um comentário