Harmonização Vinho e Comida – Robalo grelhado com brócolis harmoniza com quais vinhos?

21 de novembro de 2018 por Elmano Marques

ROBALO UM DEF

Os  vinhos ideais para harmonização são os brancos franceses de Montrachet, Mersault e Savigny-lès-beaune  (elaborados com Chardonnay); se a opção for por vinhos do Novo Mundo, os  Chardonnays chilenos e australianos  podem ser uma boa escolha.

Vinho e Música – I Fall to Pieces por Renee Olstead

21 de novembro de 2018 por Elmano Marques

A canção I Fall to Pieces interpretada por Renee Olstead pede para harmonizar um tinto francês de Bordeaux, de Saint Estephe, mais especificamente.

Bibenda 2019, o guia da Fundação Sommelier italiana divulgou os 34 Vinhos do Veneto que receberam os “5 Grappoli”.

21 de novembro de 2018 por Elmano Marques

GRAPPOLI DEF UM VENETO

Após avaliação de mais de 25.000 vinhos, cerca de 900 finalistas,  609 premiados, o Bibenda 2019, o guia da Fundação Sommelier italiana, divulga os 34 vinhos  premiados com “5 Grappoli”, do Veneto.

Veneto
Acininobili 2012 – Maculan
Amarone Classico Della Valpolicella Villa Rizzardi 2013 – Guerrieri Rizzardi
Amarone della Valpolicella 2010 – Trabucchi D’illasi
Amarone della Valpolicella 2014 – Monte Zovo
Amarone della Valpolicella Classico 2010 – Bertani
Amarone della Valpolicella Classico 2014 – Allegrini
Amarone della Valpolicella Classico Acinatico 2014 – Stefano Accordini
Amarone della Valpolicella Classico Ca’ Florian Riserva 2011 – Tommasi
Amarone della Valpolicella Classico Capitel Monte Olmi Riserva 2012 – Tedeschi
Amarone della Valpolicella Classico Costasera Riserva 2013 – Masi Agricola
Amarone della Valpolicella Classico De Buris Riserva 2008 – Tommasi
Amarone della Valpolicella Classico Mazzano 2011 – Masi Agricola
Amarone della Valpolicella Classico Riserva 2006 – Valentina Cubi
Amarone della Valpolicella Classico Sergio Zenato Riserva 2012 – Zenato
Amarone della Valpolicella Classico Tb 2009 – Tommaso Bussola
Amarone della Valpolicella Classico Terre di Cariano Riserva 2013 – Cecilia Beretta
Amarone della Valpolicella Col De La Bastìa 2014 – Fattori
Amarone della Valpolicella Famiglia Pasqua Riserva 2010 – Pasqua
Amarone della Valpolicella Fondatore 2015 – Montresor
Amarone della Valpolicella I Prognai 2011 – Fratelli Giuliari
Amarone della Valpolicella Leone Zardini Riserva 2011 – Pietro Zardini
Amarone della Valpolicella San Floriano Riserva 2011 – Brigaldara
Capitel Croce 2017 – Anselmi
Colli di Conegliano Refrontolo Stèfen 1624 2013 – De Stefani
Frank! 2016 – Barollo
La Poja 2013 – Allegrini
Le Rive 2015 – Suavia
Massifitti 2015 – Suavia
Montello Colli Asolani Còrpore 2015 – Villa Sandi
Montello E Colli Asolani Rosso Dell’abazia 2015 – Serafini & Vidotto
Soave Classico La Rocca 2016 – Pieropan
Soave Classico Le Bine De Costìola 2016 – Tamellini
Soave Classico Superiore Foscarin Slavinus 2016 – Montetondo
Valdobbiadene Superiore di Cartizze Arzanà 2017 – Astoria

Itália muito bem representada com 19 vinhos no Top 100 2018 da Wine Spectator

21 de novembro de 2018 por Elmano Marques

FLAG WINES DEF

Ao todo, são 19 os rótulos rótulo italianos no no Top 100 2018 da Wine Spectator, assim distribuídos: 8 da Toscana, 3 do Piemonte, 2 da Emilia Romagna, um  doVeneto, Calabria, Umbria, Friuli Venezia Giulia, Sicília e Alto Ádige.

Provar, degustar e conhecer… Vinhos bons e baratos – Yalumba The Y Series Sauvignon Blanc 2017

21 de novembro de 2018 por Elmano Marques

YALSAU DEF

País: Austrália

Região:South Australia

Castas: Sauvignon Blanc (100%)

No Visual: Cor amarelo-claro com reflexos esverdeados.

No Olfativo: Paleta aromática intensa, com notas citrinos, uma nota floral doce, toranja e maracujá.

No Gustativo: Medianamente encorpado. No palato, boa acidez, sabores cítricos, raspas de limão e de maracujá, um acabamento decente e picante que termina de forma elegante e persistente.

Enogastronomia: Ideal para harmonizar com vieiras, mariscada, filé de robalo grelhado, legumes sauté, salmão na brasa, carpaccio de polvo.

Onde Comprar: Wine.com.br Preço: R$79,00

PS:. Muito boa compra para quem gosta de brancos de Sauvignon Blanc do Novo Mundo..

Harmonização Vinho e Comida – Bacalhau com couve flor e chorizo harmoniza com quais vinhos?

20 de novembro de 2018 por Elmano Marques

BACALHAU E COUVE FLOR DEF

Os vinhos ideais para harmonização são os  Rioja tintos Crianza ou mesmo os franceses Beaujolais.

Vinho e Música – Horizons por Ane Brun e Dustin O’Halloran

20 de novembro de 2018 por Elmano Marques

A canção Horizons interpretada por Ane Brun e Dustin O’Halloran pede para harmonizar um tinto de Bordeaux, de Margaux, mais especificamente.

O tamanho importa sim … para a conservação do champanhe

20 de novembro de 2018 por Elmano Marques

A ROEDERER DEF

Os enólogos e especialistas preferem degustar e descobrir os matizes que se escondem nas garrafas  de champanhe Magnum ou superior frente ao formato tradicional (750 ml). Por quê? O tamanho importa,sim, e muito, no mundo do champanhe. Quanto maior a capacidade da garrafa, menor a quantidade de ar em relação ao líquido interno, como consequencia, a oxidação diminui, suas qualidades são preservadas e sua evolução é mais lenta, permitindo mais nuances e maior complexidade.
A Maison Louis Roederer – a mais prestigiada Maison de Champagne da história da Revue du Vin de France – oferece uma compilação dos diferentes formatos de garrafas de champanhe existentes hoje.
Das mais conhecidos, como as garrafas padrão (750 ml), Magnum (1,5 l) e Jeroboam (3 l), até tamanhos inimagináveis por seu peso e forma de conservação que têm os nomes de reis de tempos remotos, eis os diferentes tamanhos de garrafas de Champagne:

185 ml – ¼ de garrafa ou Benjamin: o equivalente a uma taça de champanhe
375 ml – Meia garrafa (½ meia garrafa padrão)
750 ml – Standard: capacidade de garrafa tradicional desde o século XIX
1,5 litro – Magnum: duas garrafas de 0,75 l
3 litros – Jeroboão: quatro garrafas de 0,75 l
4,5 litros – Roboão: seis garrafas de 0,75 l
6 litros – Mathusalem: oito garrafas de 0,75 l
9 litros – Salmanazar: doze garrafas de 0,75 l
12 litros – Balthazar: dezesseis garrafas de 0,75 l
15 litros – Nabuchodonosor: vinte garrafas de 0,75 l
18 litros – Salomão: vinte e quatro garrafas de 0,75 l
26,25 litros – Souverain: trinta e cinco garrafas de 0,75 l
27 litros – Primat: trinta e seis garrafas de 0,75 l
30 litros – Melquisedeque ou Midas: quarenta garrafas de 0,75 l

Bibenda 2019, o guia da Fundação Sommelier italiana divulgou os 35 Vinhos da Campania que receberam os “5 Grappoli”.

20 de novembro de 2018 por Elmano Marques

GRAPPOLI DEF DOIS CAMPANIA DEF

Após avaliação de mais de 25.000 vinhos, cerca de 900 finalistas,  609 premiados, o Bibenda 2019, o guia da Fundação Sommelier italiana, divulga os 35 vinhos  premiados com “5 Grappoli”, da Campania.

Campania
Aglianico del Taburno Bue Apis 2015 – Cantina del Taburno
Aglianico del Taburno Fattoria La Rivolta Riserva 2015 – Fattoria La Rivolta
Aglianico del Taburno Riserva 2009 – Il Poggio
Aglianico del Taburno Vigna Cataratte Riserva 2010 – Fontanavecchia
Costa d’Amalfi Furore Bianco Fiorduva 2017 – Marisa Cuomo
Dubl Esse Rosato S.A. – Dubl
Falanghina Cent’Ore 2017 – Cantine Tora
Falanghina del Sannio Janare 2017 – La Guardiense
Falerno del Massico Rosso Vigna Camarato Riserva 2013 – Villa Matilde
Fiano di Avellino 2017 – Ciro Picariello
Fiano di Avellino 2017 – Colli di Lapio
Fiano di Avellino Sarno 1860 2017 – Tenuta Sarno 1860
Fiano di Avellino Tognano 2015 – Rocca del Principe
Fiano di Avellino Ventidue 2016 – Villa Raiano
Fiano di Avellino Vigna Della Congregazione 2017 – Villa Diamante
Greco di Tufo 2017 – Tenuta Russo Bruno
Greco di Tufo Claudio Quarta 2017 – Sanpaolo
Greco di Tufo Ester 2012 – Esterina Centrella
Greco di Tufo Picoli 2016 – Cantina Bambinuto
Greco di Tufo Vigna Cicogna 2017 – Benito Ferrara
Montevetrano 2016 – Montevetrano
Naima 2010 – Viticoltori De Conciliis
Omaggio A Gillo Dorfles 2015 – San Salvatore
Pàtrimo 2015 – Feudi di San Gregorio
Sabbie di Sopra Il Bosco 2016 – Nanni Cope’
Sannio Fiano Chiusa 2016 – Fosso Degli Angeli
Taurasi Libero Pensiero Riserva 2008 – Villa Diamante
Taurasi Naturalis Historia 2012 – Mastroberardino
Taurasi Piano di Montevergine Riserva 2013 – Feudi di San Gregorio
Taurasi Puro Sangue Riserva 2013 – Luigi Tecce
Taurasi Radici Riserva 2012 – Mastroberardino
Taurasi Riserva Campore 2008 – Terredora
Taurasi Terzotratto Etichetta Bianca Riserva 2012 – I Favati
Taurasi Vigna Macchia Dei Goti 2014 – Cantine Antonio Caggiano
Terra di Lavoro 2016 – Galardi

Brasileiro Alaor Lino, da Anima Vinum Brasil, faz bonito e adquire “Pièce des Présidents”, do Leilão do Hospice de Beaune

20 de novembro de 2018 por Elmano Marques

BEAUNE UM DEF

A 158ª edição do famoso Leilão de Vinhos Hospice de Beaune  aconteceu no fim de semana de 17 a 18 de novembro no famoso Hospital do século XV em Beaune. O leilão foi mais uma vez record de ventas e atingiu € 14,1 milhões no total, com 631 barris de tintos e 197 barris de branco vendidos. O preço médio do barril de tinto foi de € 15.486 e € 21.212 para o branco, com o preço médio de todos os barris sendo € 16.850, um aumento de 19% em relação a 2017.
Um barril de Bâtard-Montrachet Grand Cruc ‘Cuvée Dames de Flandres’ foi o lote mais caro vendido do leilão  (€ 135.000), enquanto os “Pièce des Présidents” (barris de vinho vendidos para obras de caridade  e que são contados separadamente do resto dos resultados) de Corton Clos du Roi e Meursault premier cru ‘ A Les Genevrières foi comprada por € 230.000 – adquiridos por Alaor Lino da Anima Vinum do Brasil, Albert Bichot e um cliente canadense.