Oito mitos do vinho sobre a saúde (V)

14 de maio de 2019 por Elmano Marques

Comentários 0

VINHO E REMÉDIO DEF

5.Em uso de medicamentos não se pode tomar vinho

Beber vinho moderadamente (uma ou duas taças), especialmente se a degustação acompanha as refeições, não é de forma alguma, incompatível com a ingestão da maioria dos medicamentos mais usados. Por exemplo, os analgésicos, anti inflamatórios e antibióticos mais comuns não causarão quaisquer efeitos colaterais se o enófilo beber uma taça de vinho durante a refeição. Na pior das hipóteses pode causar alguma sonolência ou dor gástrica, mas nada mais.
No entanto, existem certos medicamentos que podem reagir com o álcool e causar efeitos não desejados. Em todo caso, a prescrição médica e farmacêutica devem sempre ser respeitadas.

Faça um comentário

Comentários e pings estão fechados no momento.

Os comentários estão fechados.