UNESCO reconhece áreas vinícolas Prosecco como Patrimônio da Humanidade

13 de julho de 2019 por Elmano Marques

Comentários 0

UNESCO DEF

No dia 7 de julho, na 43ª sessão do Comitê do Patrimônio Mundial, realizada em Baku, Azerbaijão, as Colinas Prosecco de Conegliano e Valdobbiadene se juntaram à lista de mais de 1.100 sítios do Patrimônio Mundial da Organização Educacional, Científica e Cultural das Nações Unidas (UNESCO). A área torna-se o 55º Patrimônio Mundial da Itália, unindo-se às regiões vinícolas do Piemonte, Langhe Roero e Monferrato, a Roma histórica e as propriedades da Santa Sé e a lagoa de Veneza. A área de Prosecco Hills, abrangendo 50.000 acres de terra nas cidades de Conegliano e Valdobbiadene, no nordeste da Itália, foi reconhecida na categoria de “paisagem cultural”. Outras áreas produtoras de vinhos que se distinguem como Patrimônio da Humanidade incluem Champagne, Borgonha e Saint-Emilion de Bordeaux, na França, o Wachau da Áustria, o Vale do Reno na Alemanha, a região de Tokaj na Hungria e o Cabo da África do Sul, entre outros.

Por: Marcos Adair

 

Faça um comentário

Comentários e pings estão fechados no momento.

Os comentários estão fechados.