Los Buenos Vinos en la Historia: O livro que revela os vinhos de 25 personagens famosos

16 de agosto de 2019 por Elmano Marques

Comentários 0

OS BONS VINHOS DEF

No livro Los Buenos Vinos en la Historia (Amazonas México 2019), o escritor mexicano Pedro Escobar desarrolha os vinhos dos personagens que deixaram sua marca em seu caminho pelo mundo.
Que tipo de uvas Miguel de Cervantes cultivou? Qual é a relação do jogador de futebol Andrés Iniesta com as vinhas de Fuentealbilla? Por que a criação dos imponentes vales de vinho da Califórnia nos Estados Unidos deve-se ao evangelista maiorquino Junípero Serra? Onde estavam as vinhas de Hernán Cortés? Quem foi o primeiro sommelier do Papa? Que tipo de vinho Jesus Cristo bebeu? Por que Adolph Hitler recolheu milhares de garrafas de champanhe francês se estivesse abstêmio? Todas estas perguntas são respondidas em um livro em que o vinho é o principal fio de uma viagem através de 148 páginas cheias de anedotas, fatos curiosos e muita história do vinho. Através de um exaustivo trabalho de pesquisa devidamente apoiado por fontes bibliográficas e entrevistas pessoais, o autor nos leva a conhecer os vinhos dos poderosos: Alejandro Magno, Adolfo Hitler, José Stalin e Donald Trump. Os vinhos de líderes, como o Marquês de Pombal, Louis Pasteur, Don Melchor de Concha e Toro, Hernán Cortés, Miguel Hidalgo y Costilla e Maximiliano de Habsburgo. Os vinhos de escritores: Miguel de Cervantes Saavedra, Ernest Hemingway, Shin e Yuko Kobayashi e Robert Parker, bem como os vinhos das estrelas: Sting, Maynard James Keenan, Luis Miguel, Eddie Vedder e o empresário e empresário de vinho. Espanhol Andrés Iniesta. Algumas das muitas mulheres que deixaram sua marca no desenvolvimento da viticultura também têm seu lugar no livro. Na seção dedicada aos vinhos das damas, se pode ler as histórias da portuguesa Antonia Ferreira “La Ferreirinha”, da enóloga americana Isabelle Simi e da mexicana Laura Zamora. Finalmente, a relação entre o vinho e os líderes espirituais é explorada na seção dedicada aos vinhos religiosos, que conta a história dos vinhos de: Jesus Cristo, Sante Lancerio e Fray Junípero Serra.

Faça um comentário

Comentários e pings estão fechados no momento.

Os comentários estão fechados.