Filme sobre práticas biodinâmicas destaca os grandes produtores da Borgonha

3 de dezembro de 2019 por Elmano Marques

Comentários 0

AME

A cineasta Marie-Ange Gorbanevsky lançou nesse mês de novembro seu novo documentário, chamado L’Âme du Vin ou The Soul of Wine (a alma do vinho). Segundo a revista Wine Spectator, o filme destaca os produtores de vinho que trabalham com práticas biodinâmicas, mas também procura focar no elemento humano e humilde do vinho, através do trabalho dos “vignerons” e outros artesãos (como os fabricantes de barris). A cineasta francesa não sabia muito sobre vinho antes de começar a filmar seu quinto documentário, e disse ter “a sensação de que o vinho era um mundo misterioso, sem limites”. Ela concluiu: “como eu queria filmar os maiores produtores de vinho, percebi rapidamente que precisava ir à Borgonha”. Não apenas qualquer lugar na Borgonha, mas aquilo que se considera o mais próximo de um local sagrado do vinho, o Domaine de La Romanée-Conti. Já foram feitos outros filmes sobre a Borgonha e a prática biodinâmica, mas poucos podem se orgulhar de ter o chefe da RDC, Albert de Villaine, como destaque, explicando sua meticulosa abordagem orgânica no vinhedo e sendo filmado na adega provando seu vinho. Além dele, Gorbanevsky ainda entrevista os principais produtores de Gevrey-Chambertin, Chambolle-Musigny, Meursault e Volnay. Na cena final, o restaurador Hide Ishizuka e o chef Ryuji Teshima se sentam frente a frente para provar um Roumier Chambolle-Musigny Les Amoureuses de 1945. Os dois japoneses se entreolham quando são servidos por um jovem sommelier. “Eles realmente querem dizer ’45?”, Ishizuka pergunta. “Sim”, responde Teshima. Eles são inundados de emoção: excitados, nervosos, reverentes. “Não sei mais o que dizer, exceto que é extraordinário”, diz Teshima. O filme acabou de ser lançado nos cinemas de toda a França, e Gorbanevsky informou que ele estaria disponível on-line com legendas em inglês em um futuro próximo.

Por: Marcos Adair

Faça um comentário

Comentários e pings estão fechados no momento.

Os comentários estão fechados.