Mais tarifas de vinhos no horizonte (2)

14 de fevereiro de 2020 por Elmano Marques

Comentários 0

AS TAXAS DOIS

O mundo do vinho está em alerta com as previsões de mais tarifas de vinhos vindo por aí. Com o aumento das tarifas de vinhos europeus nos EUA, há quem afirme que teremos uma guerra comercial entre América e Europa. E não apenas entre esses dois continentes, segundo o site Wine-Searcher. Atualmente, a China tem uma tarifa de 93% sobre os vinhos dos EUA, o que acabou com o mercado de exportação no país. Jean-Marie Cardebat, professor de economia da Universidade de Bordeaux afirma que esse tipo de tarifa é comum na história da China e espera restrições semelhantes em breve também para os vinhos europeus. O motivo: a China é o quinto maior produtor de vinho do mundo e tem seus próprios vinhos para vender. “A estratégia chinesa é sempre a mesma”, disse Cardebat. “Primeiro, importação. Depois, aprendem como fazê-lo. Depois, criam barreiras comerciais. Acho que podemos esperar uma maior proteção do mercado na China” (quanto a esse assunto, é indispensável assistir o documentário Obsessão Vermelha, que fala sobre o avanço dos chineses como consumidores e depois como compradores de propriedades vinícolas na França). Cardebat também disse que, como as exportações francesas de vinho caem para os EUA por causa de tarifas e para o Reino Unido por causa da perda de incentivos de mercado da União Europeia e desvalorização da Libra, as vinícolas francesas aumentarão seus esforços para exportar para outros países, tornando a concorrência mundial ainda mais acirrada. Por exemplo, ele disse que as empresas francesas estão agora observando atentamente o mercado africano. Mas vinícolas de Portugal, Chile, Austrália e outros também querem vender vinho na África. Para se ter uma ideia, a americana E&J Gallo Winery (a maior vinícola do mundo em tamanho) já produz vinhos da marca Barefoot na África do Sul há algum tempo, para exportar para o resto do continente.

Por: Marcos Adair

 

 

Faça um comentário

Comentários e pings estão fechados no momento.

Os comentários estão fechados.