Dois jogos iniciados às 19h30 (de Brasília) desta quarta-feira (6) fecharam a segunda fase da Copa do Brasil. Em Santa Catarina, o Figueirense, que já havia vencido a ida, no Maranhão, por 2 a 1, voltou a superar o Sampaio Corrêa, desta vez por 1 a 0, e avançou à terceira fase da competição com tranquilidade. No Pará, o Paysandu conseguiu a virada para cima do Operário-PR e também se classificou. O Papão foi derrotado no jogo de ida, no Paraná, por 1 a 0, mas levou a melhor com o triunfo por 2 a 0 desta noite.

No Orlando Scarpelli, o Figueirense dominou a posse de bola e as ações ofensivas do confronto. O Sampaio até assustou em alguns contra-ataques, mas não conseguiu superar a defesa adversária no momento da conclusão. Aos 45 minutos, o Figueira marcou o gol que deu ainda mais tranquilidade ao time. Dodô cruzou e o atacante Everton Santos apareceu bem, antes dos marcadores, para balançar a rede. Na etapa final, os catarinenses administraram a vantagem com muita calma. A equipe do Maranhão chegou somente uma vez com perigo na área dos donos da casa, aos 22 minutos. Lucas Sotero fez boa jogada e cruzou para área. Paulo Marcelo, na frente do goleiro Thiago Rodrigues, perdeu chance incrível e o placar terminou mesmo em 1 a 0.

Na próxima fase da competição, o Figueirense vai enfrentar a Ponte Preta. O jogo de ida será já na próxima quarta-feira (13), no Orlando Scarpelli. A volta, no Moisés Lucarelli, será no dia 27 deste mês.

Na Curuzu, o Paysandu tinha uma missão difícil, pois havia perdido o jogo de ida, no Paraná, por 1 a 0. Com toda esta necessidade de vencer, a equipe entrou em campo com tudo, partindo para cima do Operário-PR. E a pressão deu certo. O primeiro gol do Papão saiu aos 37 minutos. Em cobrança de falta, Rafael Costa levantou a bola na área, Fernando Lombardi desviou e Gilvan mandou para a rede. O segundo, que era o necessário para a classificação, veio logo em seguida, seis minutos depois, e novamente com Gilvan. Em nova cobrança de falta, Rafael Costa mandou para área e o zagueiro apareceu para marcar de cabeça. Na etapa final, o time paraense seguiu dominando as ações ofensivas. No finalzinho, o Fantasma foi para o tudo o ou nada e, já aos 39 minutos, acertou o travessão com belo chute de Juba, mas o placar ficou mesmo no 2 a 0.

Na terceira fase da Copa do Brasil, o Paysandu vai enfrentar o Juventude. O jogo de ida será no próximo dia 20, no Alfredo Jaconi. A volta, no Germano Krüger, será no dia 27 deste mês.