O deputado Getúlio Rêgo (DEM) visitou juntamente com os parlamentares Dr. Bernardo (Avante), Gustavo Carvalho (PSDB) e Tomba Farias (PSDB), o hospital João Machado, que atualmente serve de retaguarda para o hospital Walfredo Gurgel. Na sessão plenária desta quinta-feira (4). Ele comentou a visita e disse que a situação é precária.

“Como médico, a gente se prepara para enfrentar situações de forte impacto, até para que possamos manter o equilíbrio. Mas o que vi no hospital João Machado é chocante. Dos 40 leitos da unidade, 38 trata de pessoas com 94, 95 anos, com fraturas, nos outros dois leitos pacientes que tiveram AVC e aquele não é o ambiente para isso. No local não tem a menor estrutura. Falta apoio de enfermagem, falta cadeira de rodas, não tem banho de higienização nos leitos, tem deficiência na alimentação”, conta o deputado.

Segundo ele, esses pacientes foram retirados do Walfredo Gurgel para que desse a impressão que os corredores daquela unidade, enfim, estavam vazios, numa atitude histórica para o novo Governo. “A governadora precisa visitar o João Machado, aquela é a verdadeira realidade da Saúde Pública do Rio Grande do Norte”, disse Getúlio Rêgo.

No próximo dia 11 de abril, o deputado presidirá uma audiência pública sobre a situação da saúde no Estado. Para ele, o objetivo do evento é conseguir recursos extras para fazer um mutirão de cirurgias eletivas.