Márcia Maia cobra do Governo do Estado solução definitiva para Ceasa

O debate em torno do fechamento das Centrais de Abastecimento do Rio Grande do Norte (Ceasa) foi tema de mais um pronunciamento durante a sessão plenária na Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira (19). A deputada Márcia Maia falou sobre o assunto e ressaltou os impactos econômicos e sociais gerados a partir da decisão judicial e disse que espera uma solução definitiva para o local.

“Cerca de 50 mil famílias serão prejudicadas com o fechamento da Ceasa e o prejuízo diário aos permissionários é de R$ 500 mil. Além disso há o risco de desabastecimento de hotéis, restaurantes e hospitais, por exemplo”, falou Márcia Maia, que esteve reunida com o representante da Associação dos Permissionários.

Entre os impactos, a deputada citou ainda que 4 mil famílias devem ser prejudicadas diretamente com o fechamento da Central de Abastecimento, além do risco de apodrecimento dos produtos vindo nas carretas de outros estados.

Ainda de acordo com a deputada, 30 mil pessoas circulam diariamente nos boxes da Ceasa; 428 permissionários atuam no local; existem 188 boxes de vendas de produtos alimentícios. O valor comercializado na produção agrícola é R$ 60 milhões e 100 mil produtores rurais devem ser prejudicados com o fechamento.

Foto: Fábio Cortez

z