Uma pesquisa, encomendada pelo Instituto de Desenvolvimento da Educação (IDE) e Instituto C&A ao Instituto Certus, apurou o perfil dos leitores natalenses e da situação atual da leitura em Natal. O resultado do levantamento será apresentado, nesta quarta-feira (23), às 9 horas, na Fundação Capitania das Artes (Funcarte), durante mais uma reunião do grupo de trabalho (GT) que está responsável pela elaboração do Plano Municipal do Livro, da Leitura, da Literatura e das Bibliotecas de Natal – PMLLLB.

A ideia de contratar a pesquisa surgiu a partir do andamento, neste ano, das atividades do GT – instalado por meio de decreto municipal, na data de 07 de novembro de 2013. Nos meses de abril e maio, foram realizados diversos encontros regionais com a população, pela cidade, além de um encontro do Fórum da Rede Potiguar de Escolas Leitoras, na Assembleia Legislativa do RN, e de um encontro da Frente Parlamentar em Defesa do Livro e da Leitura, na Câmara Municipal de Nata. Todas foram oportunidades para colher informações sobre o que é preciso fazer para Natal se tornar uma cidade de leitores, mas o grupo identificou a necessidade de se obter mais dados, os quais embasarão as ações do Plano daqui para frente.

“Há um conceito básico de gestão: é preciso conhecer a realidade para que se planeje de maneira satisfatória. Esse levantamento é inédito em Natal. Foi feito e agora o GT vai cruzar as contribuições dos encontros realizados com os dados obtidos na pesquisa para traçar metas e ações que serão colocadasem prática no âmbito do Plano Municipal do Livro, da Leitura, da Literatura e das Bibliotecas de Natal”, observa a diretora executiva do IDE, Cláudia Santa Rosa.

Foram entrevistadas 805 pessoas, a partir de 14 anos, em 34 bairros, das quatro regiões da capital, no período de 14 a 22 de junho de 2014.

Os comentários estão fechados.