Após uma denúncia anônima, a Polícia Militar encontrou o carro do universitário Máximo Augusto, 23 anos, encontrado morto no último domingo (03), em uma estrada carroçável entre os municípios de Macaíba e São Gonçalo do Amarante.

O veículo foi encontrado em Candelária, mesmo bairro da Boate em que o jovem esteve e foi visto com o suposto com o criminoso.

O delegado que acompanha o caso, Fábio Rogério, acredita que mais de uma pessoa está envolvida no crime.

Uma câmera filmou o estudante entrando em um motel acompanhado do principal suspeito do crime na madrugada da última sexta-feira (1º), dia em que o jovem desapareceu e não foi mais visto com vida.

O carro de máximo está bastante deteriorado e só vai ser retirado do local em que foi encontrado após ser periciado pelo Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep).

Foto: Emanuel Amaral

z

Comentários do Facebook

Os comentários estão fechados.