Quatro mulheres lutando pelo RN

Atualmente apenas quatro mulheres lutam pelos direitos feministas na política do Rio Grande do Norte: a senadora Fátima Bezerra (PT), a deputada federal Zenaide Maia (PR) e as estaduais Márcia Maia (PSB) e Cristiane Dantas (PCdoB). 

Mas o nosso Estado é destaque nacional entre as mulheres de pioneirismo político, desde a mossoroense Celina Guimarães, primeira eleitora do Brasil. 

Mais de 80 anos antes de Dilma Rousseff ser eleita a primeira mulher presidente do Brasil, Alzira Soriano foi a primeira escolhida pelo povo para um cargo executivo no país. Em 1928, Alzira, viúva e mãe de três filhas, conquistou 60% dos votos e em 1º de janeiro do ano seguinte foi empossada prefeita de Lajes, no Rio de Grande do Norte. Foi a primeira mulher da América Latina a assumir o governo de uma cidade, segundo notícia publicada na época pelo jornal americano “The New York Times”.

Mulheres como Wilma Maria de Faria, que foi a primeira governadora do Rio Grande do Norte, eleita em 2002, seguida pela bravura também de Rosalba Ciarlini, eleita a primeira senadora do Estado em 2006, também fazem parte da história. 

Viva as mulheres! 

Parabéns as mulheres!